Final Four da Liga Europeia

Final Four da Liga Europeia
Final Four da Liga Europeia

5.12.2012

Taça Cers - HC Braga na final após vitoria por 5-4 sobre o Alcoy. Bassano - HC Braga a final




Na sua segunda presença consecutiva na Final Four da Taça Cers o HC Braga a jogar em Itália, Bassano conseguiu o feito na sua história de atingir a final da prova vencendo os espanhóis do Alcoy por 5-4 apos prolongamento com o golo de ouro a ser apontado por Hélder Nunes de livre direto. A final será este domingo às 17.30 frente à equipa da casa, o Bassano que venceu também no golo de ouro a outra equipa espanhola o Vilanova por 3-2.

A vitoria começou a desenhar-se com Henrique Magalhães a fazer o primeiro golo do encontro. Típico dos espanhóis, o Alcoy a perder começou a jogar muito no contacto físico mas os minhotos nunca reagiram a esse tipo de agressividade.
O conjunto espanhol conseguiu a igualdade por Matias Baieli na transformação de uma grande penalidade e deu a volta ao marcador por Lucas Martinez, num período de desorientação dos bracarenses.
Para acalmar um pouco o ímpeto espanhol e restabelecer a ordem na sua equipa, o treinador Vítor Silva solicitou um tempo de desconto que foi benéfico, já que ainda na primeira parte o HC Braga voltou a marcar e por três vezes, primeiro Hélder Nunes na transforma de duas grandes penalidades a e pelo capitão Fellini, garantido assim uma vantagem no placard de 4-2 ao intervalo.
A segunda parte prometia e isso aconteceu com o Alcoy a reduzir logo no inicio para 4-3 e o HC Braga a cometer a sua 9ª falta de equipa.
Durante alguns minutos os espanhóis tentaram marcar e obrigar os minhotos a cometerem a décima infracção.
Foi o que aconteceu mas Guilherme Silva defendeu o livre direto de José Lopez, evitando o empate.
Ate ao final o Alcoy procurou para chegar à igualdade mas Guilherme Silva foi um autentico espectáculo na baliza minhota evitando com grandes defesas as intenções do seu adversário. Nem mesmo de grande penalidade muito duvidosa assinalada pelo arbitro francês a turma espanhola conseguiu marcar.
No entanto num lance de insistência do ataque espanhol Baieli com um remate cruzado conseguiu o empate dando emoção à parte final do jogo e incerteza em relação a vencedor. O melhor que se viu foi Guilherme Silva evitar o quinto golo espanhol, levando as duas equipas para o prolongamento.
Neste período o Alcoy começou com nove faltas de equipa, situação permitiu ao HC Braga ter mais posse de bola.
Foi preciso então esperar por essa décima falta para Hélder Nunes de livre directo colocar o HC Braga na final.

O HC Braga jogou com Guilherme Silva, Luís Filipe, Hélder Nunes (2g), Henrique Magalhães (1g) e Rafa, tendo entrado Fellini (1g).

Sem comentários:

Enviar um comentário