HÓQUEI MINHOTO

HÓQUEI MINHOTO
HÓQUEI MINHOTO

10.31.2015

II Divisão - Cartaipense salta para o sexto lugar

foto: Cartaipense

O Cartaipense foi a Oliveira de Azeméis vencer a Escola Livre por 3-2, subindo ao sexto posto da classificação agora com nove pontos.
Um bom inicio de prova para os minhotos que este ano subiram ao segundo escalão, somando a sua terceira vitoria, a primeira fora de portas na competição.
A Escola Livre em mais um jogo em casa com um opositor minhoto depois do Riba d'Ave e do Famalicense o empate ao intervalo era de um golo, com o tento do Cartaipense a ser de Eduardo Marques.
Na segunda parte o equilíbrio foi constante mas a melhor finalização da turma de Orlando Ribeiro foi mais eficaz com um bis de Miguel "Fininho", estabelecendo o 3-2 final.
Ao fim da quinta jornada os minhotos somam nove pontos enquanto que a Escola Livre desceu ao nono lugar com seis pontos.
Na próxima ronda o Cartaipense recebe o OC Barcelos B e a Escola Livre viaja a Cucujães.

II Divisão - Valença vence Juv Pacense vestida à Valença



Definitivamente Valença é o local do esquecimento dos equipamentos por parte das equipas visitantes.
Depois do episódio com os austríacos do Villach para a Taça Cers que não jogaram a competição porque os seus equipamentos não chegaram a Portugal, agora foi a vez da Juventude Pacense também ter que utilizar o equipamento alternativo dos minhotos.
A Juventude Pacense chegou ao Minho sem os seus equipamentos.
Face à situação criada a solução foi solucionada com a turma minhota a emprestar um dos seus equipamentos.

O espanto foi notório nos adeptos que entraram no pavilhão já com o jogo a decorrer ao verem no ringue duas equipas onde o símbolo na camisola era o mesmo...
Em relação à partida o domínio foi da equipa de Paulo Morais, que sem Tomba mas com Micha Fernandes fez com naturalidade ao 2-0 com tentos de Diogo Sá e Ziga Campos em tempo de intervalo.
Na segunda parte Hélder Martins aumentou mas a Juventude Pacense reduziu.
Sempre com maior posse de bola os minhotos ate ao fim apontaram mais dois golos, por Néné Magalhães e Zé Braga, com a Juventude Pacense no fim ainda a fixar o 5-2.
A vitoria coloca o Valença no quinto lugar com nove pontos enquanto que a Juv Pacense com os seus quatro pontos está no décimo primeiro lugar.
Para a próxima ronda o Valença HC visita o Famalicense e a Juv Pacense recebe o CH Carvalhos.

II Divisão - Riba d'Ave sofre primeira derrota

                                                       

A equipa do Riba d'Ave perdeu pela primeira vez esta temporada na deslocação ao CH Carvalhos pela diferença mínima, 5-4, em jogo da quinta jornada da segunda divisão, zona norte.
O golo madrugador do CH Carvalhos apontado por Rui Vidal foi o tónico para que o jogo foi aberto e jogado a alto ritmo.
Apesar dessa postura os golos só apareceram no ultimo minuto antes do descanso com Tiago Pimenta a empatar e Bruno Moreira a dar a vantagem aos locais.
Pelo meio Rui Vidal falhou uma grande penalidade e Vítor Hugo um livre direto.
Na segunda parte foi a vez do Riba d'Ave entrar melhor fazendo aos 4' novo empate por Tiago Pimenta.
No minuto seguinte o CH Carvalhos voltou para a frente por Tiago Silva, mas instantes depois nova igualdade por Bruno Serôdio de grande penalidade.
Com as duas equipas a jogarem para ganhar as oportunidades de golo continuaram, pelo que aos 10' novo golo e para a equipa da casa de livre direto por José Almeida.
O Riba d'Ave nunca desistiu e procurou o empate, mas seria o CH Carvalhos a fazer o 5-3 por Rui Vidal a dez minutos do final.
Mesmo a perder por dois golos os minhotos continuaram a arriscar e reduziram aos 22' por Raul Meca.
Ate ao fim o Riba d'Ave carregou mas encontrou pela frente o guarda redes dos Carvalhos, Pedro Guimarães que com grandes defesas impediu o empate que seria o resultado mais justo.
Com a derrota o Riba d'Ave desceu para o terceiro lugar com dez pontos, a dois dos lideres, AA Espinho e CH Carvalhos.
Na próxima ronda o Riba d'Ave recebe o Povoa e o CH Carvalhos desloca-se a Paços de Ferreira.

II Divisão - OC Barcelos B derrota lider



O OC Barcelos B somou a sua segunda vitoria na prova e logo diante o líder da prova, a AA Espinho por 4-2, num grande jogo de hóquei em patins no pavilhão de Barcelos.
A experiente equipa de Espinho acabou por ser surpreendida pela jovem e aguerrida formação barcelense, especialmente na segunda parte.
Em relação ao jogo, este começou com a turma de Espinho a marcar por Sandro Santos aproveitando uma falha defensiva minhota.
Ate ao intervalo o OC Barcelos B tentou chegar ao empate mas o guarda redes visitante, Cláudio Bessa evitou por varias vezes esse golo.
Na segunda parte João Figueiredo empatou logo aos 3' . Este golo abriu o jogo com o perigo a rondar as duas balizas.
Aos 9' Rui Silva podia ter dado a vantagem aos minhotos mas falhou uma grande penalidade.
Seria em igual lance que a AA Espinho desfez o empate por Pedro Silva. No entanto um lance mal validado pela dupla de arbitragem por o esférico não entrou na baliza.
Na resposta Rui Silva redimiu-se fazendo novo empate aos 12', para logo a seguir colocar pela primeira vez o Barcelos na frente do marcador.
O resultado final obtido por Afonso Lima de livre direto.
Apos o triunfo o OC Barcelos soma seis pontos enquanto que o Espinho mantêm os doze.
Para a próxima ronda o OC Barcelos B joga no vizinho Cartaipense. Em 
relação à AA Espinho recebe o Infante Sagres.

10.30.2015

AP Minho - 1ª convocatória de Pedro Mendes/Filipe Carneiro



A dupla Pedro Mendes/Filipe Carneiro que assumiu o cargo de responsáveis pela Selecção da AP Minho dá a conhecer a sua primeira convocatória tendo em vista a participação no torneio de natal e claro também as primeiras indicações para a prova rainha, o Inter Regiões.

Os eleitos são os seguintes oriundos de cinco clubes.

fonte: AP Minho

Árbitros e jogos das equipas do Minho ( 31 de outubro e 1 de novembro )



SABADO DIA 31 DE OUTUBRO DE 2015

Nacional da 1ª divisão

18.00h SL Benfica - OC Barcelos - Jaime Vieira do Alentejo e Ricardo Leão de Lisboa
18.30h AD Valongo - HC Braga - José Duarte e Paulo Romão de Lisboa
21.30h Juventude de Viana - HC Turquel - José Nave e Paulo Baião de Lisboa

Nacional da 2ª divisão, zona norte

18.00h CH Carvalhos - Riba d'Ave - José Pinto e Manuel Oliveira de Aveiro
18.00h OC Barcelos B - AA Espinho - Sofia Ferreira e Fernando Teixeira do Porto
18.00h Escola Livre - Cartaipense - Manuel Santos e Jorge Machado do Porto
18.30h Inf Sagres - Famalicense - Carlos Miguel e José LaSalette de Aveiro
21.30h Valença HC - Juv Pacense - Domingos Carvalho e Orlando Panza do Porto

DOMINGO DIA 1 DE NOVEMBRO DE 2015

Nacional da 3ª divisão, zona norte

18.00h Cartaipense B - HC Fão - António Bastos e Patrícia Ferreira do Minho
18.00h Vila Praia - Inf Sagres B - Rui Torres e Sérgio Roleira do Minho

fonte:FPP

10.29.2015

Ponte de Lima recebe Torneio Mini-Hoquei dia 31 de outubro


No próximo sabado, Ponte de Lima recebe o Torneio MINI-HOQUEI nas categorias de benjamins e bambis, evento organizado pela AP Minho e pela AD Limianos.
Para uma verdadeira jornada de confraternização a partir das 15.00h, vão estar presentes seis equipas do Minho, a AD Limianos, HC Braga, Riba d'Ave, Vila Praia, Cartaipense e Valença HC.

XX Gala do Desporto - Para " Equipa do Ano " votem na Selecção de Sub 20

                                                                  foto: Record

Decorre no próximo dia 11 de novembro a XX Gala do Desporto, este ano sobe o lema " 20 Anos da Gala do Desporto" por ocasião do vigésimo ano de eventos.
Por parte do hóquei em patins a Federação Portuguesa de Patinagem indicou atletas e treinadores para todas as categorias.
O júri escolheu para votação do publico a Selecção Nacional de sub 20 como "Equipa do Ano "

A todos os amantes do Hóquei em patins, não deixem de votar na nossa selecção, que merece  o seu devido reconhecimneto depois de conquistar o bi campeonato do mundo de sub 20 em Espanha.

link para votação:  galacdp.sapo.pt

http://galacdp.sapo.pt/votacao/

I Divisão - OC Barcelos "saca" empate no Sporting CP


FOTO: OC BARCELOS

No jogo grande da ronda numero quatro, o OC Barcelos foi ao Livramento dividir o marcador com o Sporting CP a três bolas.

A primeira grande oportunidade pertenceu ao OC Barcelos logo aos 2' mas Reinaldo Ventura desperdiçou um livre direto.
Volvidos três minutos os minhotos não falharam e abriram o marcador por Luís Querido de grande penalidade.
Pressionado pelo resultado negativo o Sporting CP acelerou, procurando de meia distancia surpreender Ricardo Silva.
O empate apareceu a três minutos do descanso por "Tuco" Abalos e a reviravolta logo a seguir de grande penalidade por Luís Viana.
Essa vantagem durou segundos porque a seguir Reinaldo Ventura também de grande penalidade fez a igualdade a duas bolas, estabelecendo o marcador em tempo de intervalo.
Para a segunda parte o Sporting CP voltou a ganhar vantagem por João Pinto aos três minutos.
Os minhotos não se atormentaram e procuraram o empate, mas Ângelo Girão foi evitando com boas intervenções.
Do outro lado Ricardo Silva também em grande plano impedia o avolumar do marcador.
Seria mesmo o guarda redes do Sporting CP a quatro minutos do fim a evitar o empate ao defender uma grande penalidade de Luís Querido.
Mas o empate acabou por aparecer a dois minutos do final por Reinaldo Ventura.
No ultimo minuto Ricardo Silva esteve em grande ao evitar a derrota do Barcelos defendendo uma grande penalidade a Luís Viana.
Na classificação o OC Barcelos encontra-se no terceiro lugar com dez pontos antes da visita sábado ao Benfica.
O Sporting CP com o empate baixou para o nono lugar com quatro pontos, antes da proxima jornada onde viaja aos Açores.

I Divisão - Juventude de Viana empata em Torres Vedras



Na visita a Torres Vedras onde defrontou a recém promovida Física, a Juventude de Viana não foi alem de uma igualdade a duas bolas

Num jogo pautado pelo equilíbrio no seu inicio,  a Física inaugurou o marcador por Carlos Gomes à passagem do minuto doze, vantagem que durou ate ao intervalo.
Na segunda parte os minhotos empataram por Gonçalo Suissas, depois de André Azevedo ter desperdiçado uma grande penalidade.
A equipa da casa voltou a comandar o marcador de grande penalidade através de Filipe Bernardino.
O empate final surgiu a seis minutos do fim por intermédio de Diogo Fernandes.
Com esta igualdade a Juventude de Viana baixou para o 8º lugar com quatro pontos. Por parte do Física foi o segundo ponto obtido na prova, resultado insuficiente para deixar os lugares de descida.
Para a próxima jornada a Juventude de Viana recebe o HC Turquel e o Física joga em Vale de Cambra

foto: Juventude de Viana

10.27.2015

I Divisão - Juventude de Viana volta a Torres Vedras.



A Física de Torres Vedras volta a receber a Juventude de Viana em casa, depois de um ano de ausência por ter descido ao segundo escalão.
O ultimo jogo realizado em Torres Vedras entre as duas equipas na primeira divisão aconteceu na época de 2013/2014 no dia 8 de fevereiro de 2014, com os vianenses a vencerem por 6-5, depois de terem estado a perder por 4-1 e 5-2.

Na presente temporada a Física perdeu com a Oliveirense e com o FC Porto, somando apenas um ponto com a igualdade em Valongo a quatro bolas. 
Em relação à Juventude de Viana soma um triunfo em casa com o HA Cambra e duas derrotas com o Benfica e Oliveirense.
Face à experiência do grupo minhoto, esse factor pode ser decisivo para um triunfo em Torres Vedras.
O jogo tem inicio às 21h e será apitado por Miguel Guilherme e Luís Peixoto de Lisboa.

I Divisão - OC Barcelos testa "leão" no Livramento



No primeiro de dois jogos a Sul, o OC Barcelos vai ao Livramento esta quarta feira às 21.30h, defrontar o Sporting CP, com seis pontos a separar as duas equipas.
Os minhotos são umas das quatro equipas que somam por vitorias os três jogos ja disputados, enquanto que os leões apenas conquistaram um triunfo.

A equipa de Paulo Freitas venceu em casa o Paço d'Arcos por 5-2 e o HC Braga por 8-2 e fora derrotou a Sanjoanense por 7-4.
Por parte do Sporting CP apenas um triunfo no Livramento sobre a Sanjoanense por 8-2, tendo como visitante perdido em Braga por 4-2 e no Benfica por 9-0.
Será pois um teste por parte de um Barcelos confiante, a um Sporting "ferido", especialmente após a goleada sofrida na Luz.
Na temporada passada o Sporting derrotou em casa o OC Barcelos por 4-2, resultado que na altura originou a primeira derrota na prova dos minhotos.
Para este jogo foram nomeados os juízes de Lisboa, José Nave e Paulo Baião.

10.26.2015

III Divisão - HC Fão volta aos triunfos


Após três jornadas sem vencer no nacional da terceira divisão, com duas derrotas e um empate, a equipa do HC Fão somou nova vitória, a segunda na prova por 8-4 diante o Vigorosa em jogo da quinta jornada.

Com um começo forte os fangueiros chegaram com naturalidade a um vantagem por 2-0, mas os visitantes empataram.
Antes do descanso os minhotos fizeram o 3-2, mas no inicio da segunda parte o Vigorosa atingiu nova igualdade
O HC Fão voltou a assumir o jogo desfazendo o empate e partiu para o triunfo, sempre com réplica da equipa visitante.
Só na parte final é que com tranquilidade a equipa minhota fez o 8-4 final.
Os golos minhotos foram da autoria de Tiago "Bolinhas " quatro, Bernardo Silva dois e um cada de Carlos Mata e Hugo Barbosa.
O triunfo permitiu ao HC Fão subir ao oitavo lugar agora com sete pontos.
Para a próxima ronda há derbi minhoto com o Fão a jogar nas Taipas com o Cartaipense B.

foto:DR


Taça Cers - Eliminatória entre OC Barcelos - Villach pode não se realizar...


O OC Barcelos pode seguir em frente na Taça Cers mesmo não jogando qualquer partida contra os austríacos do Villach da primeira eliminatória da Taça Cers.
Recorde-se que o encontro não se disputou no passado sábado, porque os equipamentos dos jogadores do Villach "desapareceram" e não chegaram a Portugal a tempo.
Os mesmo nesta segunda feira encontram-se algures perdidos sem qualquer rasto.

Segundos palavras do presidente do CERH, Fernando Graça ao Hóquei Minhoto essa é uma forte possibilidade.
" Atendendo a todas as situações que o Villach se viu envolvido na deslocação a Portugal, vários são os cenários colocados, entre eles a não realização de qualquer jogo da primeira eliminatória.
O CERH verificou que o clube austríaco não tem qualquer responsabilidade no sucedido na perca das suas bagagens, pelo que vai analisar a melhor forma em relação ao sucedido.
A preocupação em não sofrer qualquer penalização ficou demonstrada com a presença dos seus elementos no pavilhão de Valença, onde justificaram que queriam jogar mas os equipamentos não tinham chegado a Portugal. Caso não o tivessem feito seriam punidos com falta de comparência e excluídos da prova.
Voltar a Portugal é complicado para o Villach perante nova despesa financeira.
O OC Barcelos que já tem a sua viagem programada à Áustria poderá caso a situação seja resolvida da melhor formas para todas as partes anular essa deslocação.
Nem o Villach, nem o OC Barcelos tem culpa de toda a situação gerada.
Vamos ver a melhor forma para que ninguém seja penalizado com tudo isto".

Caso a decisão de nao realizar qualquer jogo desta primeira eliminatória, o OC Barcelos segue em frente, onde na fase seguinte defrontará os franceses do Coutras ou os suíços do Diessbach. Neste momento a vantagem está do lado dos franceses que venceram na primeira mão em casa por 2-0.

10.25.2015

III Divisão - Vila Praia soma mais uma vitória


Mesmo jogando fora, os seus adeptos ( ver foto ) não deixaram de marcar presença em Sobreira e vibraram com mais um triunfo do Vila Praia.
O seu apoio foi importante em mais uma vitoria minhota por expressivos 10-4, resultado que coloca o Vila Praia na terceira posição com treze pontos, a dois dos lideres Gulpilhares e Marítimo.
Uma entrada forte no jogo permitiu à equipa de Rui Neto chegar tranquilamente ao 5-0 com tentos de Telmo Ramos e César Pinheiro dois e um de Eduardo João.
A equipa da casa ainda deu um ar da sua graça na primeira parte quando reduziu para 3-5 antes do intervalo.
Na segunda parte o Vila Praia voltou a aumentar a vantagem por Eduardo Joao e Rui Silva, com o Sobreira a fazer o 4-7.
Até ao fim o domínio do Vila Praia foi consumado com mais três golos da autoria de Telmo Ramos,Eduardo João e Rui Araújo.
Ao fim de cinco jornada o Vila Praia segue na perseguição aos primeiros lugares recebendo na próxima ronda a turma do Infante Sagres B.
Por parte da CP Sobreira os ultimo lugares são uma realidade com zero pontos.

Taça Cers - Juventude de Viana goleia Dornbirn



Juventude de Viana goleia Dornbin na estreia para a Taça CERS

Na primeira mão dos 16 avos da Taça CERS a Juventude de Viana defrontou, e goleou, em Monserrate os austríacos do Dornbin (11-3). 

A goleada dos minhotos foi em grande parte conseguida na primeira metade do encontro que teve, grosso modo, sentido único. As diferenças de qualidade e competitividade entre as duas equipas vieram rapidamente ao de cima.

Só nos primeiros 25m a Juventude de Viana marcou sete golos sem qualquer resposta dos visitantes. Gonçalo Suissas, André Azevedo, Tó Silva, Francisco Silva com um hat-trick e Gustavo Lima assinaram os golos da Juventude (7-0).

Os visitantes foram tendo um ou outro apontamento perigoso, mas resolvido prontamente pela defesa e pelo guardião Francisco Veludo.

Quer na primeira, quer na segunda metade o Dornbin ainda ganhou por minutos um pouco de oxigénio, no entanto sem nunca pôr em causa a supremacia Vianense. 

No que respeita à segunda parte não foi tão produtiva para a Juventude quanto a primeira e os visitantes marcaram os seus três tentos de honra. 

Suissas fez o bis (8-0) e o primeiro golo dos austríacos surgiu volvidos 12' da segunda metade, por intermédio de Michael Hammerer (8-1). Quem também assinou um hat-trick na partida foi Suissas ao marcar o 9-1. Seguiu-se mais um golo de Tó Silva (10-1) cuja resposta do Dornbin chegou por David Rodriguez Lorenzo (10-2). 

O fecho de contas deu um golo para cada uma das equipas. Primeiro marcou Gende Paris Jesus para os visitantes (10-3) e Gustavo Lima fez mesmo o fecho de contas final a 47s do fim (11-3).

No final da partida os técnicos foram unânimes em reconhecer uma Juventude de Viana muito mais forte do que o Dornbin. "A diferença entre as duas equipas é gritante, mas fica uma palavra para a tentativa do Dornbin surpreender com uma defesa à zona e a tentar criar-nos dificuldades", enalteceu Pedro Sampaio.

Já por parte dos austríacos houve o sublinhar das dificuldades frente a uma equipa bem mais forte como é a Juventude de Viana. "O Viana é uma equipa com muita experiência e um ritmo de jogo muito elevado. Jogar esta competição é um prémio para esta equipa", reconheceram aos austríacos.

Juventude de Viana joga diante do Física já na Quarta-feira

Sem tempo para descansar a Juventude de Viana joga a 4ª jornada do campeonato nacional esta Quarta-feira, 28 de Outubro, às 21h, em Torres Vedras diante do Física.

"O Física dificulta muito a acção das equipas que defronta. Marca poucos golos, mas também sofre muito poucos golos", alerta Pedro Sampaio. 

Para a Juventude de Viana esta será uma semana particularmente difícil e desgastante ao ter três jogos num curto espaço de tempo.

Ficha de Jogo
Pavilhão Municipal de Monserrate
16 avos Taça CERS - 1ª mão
Árbitros: António Gomez e Angel Tavera

AJ Viana 11 - 3 RCH Dornbin (Áustria)
Ao intervalo: 7-0
Disciplina: 
Azul: Jakob Stockinger e Michael Sahler


Juventude de Viana
Treinador: Pedro Sampaio

Cinco Inicial:
Francisco Veludo (gr)
Tó Silva (2)
Gonçalo Suissas (3)
André Azevedo (1)
Nélson Pereira

Jogaram ainda: Gustavo Lima (2), Francisco Silva (3), Nuno Félix

RHC Dornbin
Treinador: Markus Fehr

Cinco Inicial:
Angel Mirantes (gr)
Thomas Kessler
David Rodriguez Lorenzo (1)
Jakob Stockinger
Gende Paris Jesus (1)

Jogaram ainda: Kilian Hagspiel, Michael Sahler, Michael Hammerer (1), Dominique Kaul

fonte: AJ Viana 

10.24.2015

II Divisão - Cartaipense "lavra" segunda vitoria


A turma do Cartaipense obteve a segunda vitória na prova depois de vencer o Lavra em casa pela diferença mínima.
O 2-1 final começou a desenhar-se na primeira parte com Nelson Silva a fazer o primeiro tento.
Ainda na etapa inicial o Lavra chegou ao empate.
O golo do triunfo foi apontado por Miguel "Fininho " a cinco minutos do fim.

Ao fim de quatro jornadas a equipa de Orlando Ribeiro soma seis pontos, fruto de dois trunfos alcançados em casa.
Por parte do Lavra, um ponto é o que soma neste momento.
Em relação à próxima ronda o Cartaipense desloca-se à Escola Livre e o Lavra recebe o Cucujães.

foto: Cartaipense

II Divisão - Famalicense vence Barcelos B (reforçado )



A equipa do Famalicense recebeu o OC Barcelos B vencendo por 4-2

Nem mesmo com um OC Barcelos B reforçado pelos jogadores da equipa A, o guarda redes Ricardo Silva e o capitão Luís Querido ( castigados das provas internacionais ) a equipa do Famalicense vacilou, conquistando a segunda vitoria na prova
O marcador foi inaugurado por Chumbinho aos 5' de livre direto após cartão azul mostrado a Ricardo Silva.
A perder o OC Barcelos B chegou ao empate por Luís Querido.
Ainda na primeira parte a turma do Famalicense voltou a comandar o marcador com o 2-1 por Gabi Silva de grande penalidade.
Na segunda a turma de Fernando Almeida entrou a marcar o 3-1 por André Ferreira e elevou por Luís Filipe.
O OC Barcelos B ainda reagiu por Luís Querido a dois minutos do fim, segundos depois de Afonso Lima ter falhado um livre direto pela 15ª falta dos famalicenses.
Com o triunfo do Famalicense, este soma agora seis pontos, enquanto o OC Barcelos B tem três.
Na próxima ronda o Famalicense joga no Infante Sagres e o OC Barcelos B recebe a AA Espinho.

II Divisão - Valença HC empate em Riba d'Ave


No derbi minhoto no Parque das Tílias, a equipa do Riba d'Ave defrontou o Valença, num jogo presenciado por muitos publico

Um jogo muito tático e equilibrado entre equipas que procuram andar nos lugares cimeiros da tabela, motivou que ao intervalo o marcador se mantivesse inalterável.
Na segunda parte a postura das duas formações mudou, com mais cariz ofensivo, tendo o Valença inaugurado o marcador por Zé Braga de livre direto.
Respondeu o Riba d'Ave mas Bruno Serôdio falhou uma grande penalidade.
A turma valenciana sem Tomba e Miguel Fernandes não ficou atrás e Zé Braga a seguir desperdiçou uma grande penalidade.
Adivinha-se o golo para alguma das equipas, tendo nesse aspecto o Riba d'Ave alcançado o empate por Nuno Micolli.
Em toda de jogo aberto, o Riba d'Ave deu a volta por Raul Meca de livre direto a castigar a décima falta do Valença.
Foi também de livre direto que Zé Braga fixou o resultado final.
Com este resultado o Riba d'Ave perdeu os primeiros pontos no campeonato, enquanto que o Valença somou o seu terceiro empate na prova.
Na classificação o Riba d'Ave soma agora dez pontos.
Por parte do Valença HC esta igualdade permite ter seis pontos na tabela.
Para a próxima ronda o Riba d'Ave joga nos Carvalhos e o Valença recebe a Juv Pacense.

I Divisão - HC Braga arranca triunfo nos últimos segundos



No único jogo da quarta jornada do nacional da primeira divisão disputado este sabado, o HC Braga recebeu os açorianos do Candelária, vencendo por 2-1, com o golo da vitoria a surgir a escassos segundos do apito final.
A conquista dos três pontos permitiu aos minhotos, somarem a sua segunda vitoria na prova de novo em casa.
Sem o contributo de Tiago Jorge que foi operado na passada quinta feira o HC Braga adiantou-se no marcador por Rodrigo Sousa.
Foi com essa vantagem mínima para o descanso a equipa minhota, que ainda viu o Candelária em cima do intervalo desperdiçar uma grande penalidade por Mauro Fernandez.
O Candelária na segunda parte podia ter feito o empate mas por cartão azul mostrado a Rodrigo Sousa, Alan Fernandez não soube superar Diogo Almeida.
As bolas paradas continuaram a não entrar com Pedro Delgado Bekas a seguir a não concretizar um livre direto pela décima falta da turma açoriana.
Para não ficar atrás do colega Tiago Barbosa "Sapo" também não aproveitou igual lance por azul mostrado ao guarda redes Diogo Rodrigues.
Um filme muitas vezes visto, ou seja quem não marca sofre e na realidade o Candelária fez a igualdade a um minuto do fim
Uma divisão que durou pouco tempo com Márcio Rodrigues a vinte segundos do fim a fazer o 2-1, garantindo assim três preciosos pontos aos minhotos
Para a próxima ronda o HC Braga desloca-se a Valongo e o Candelária recebe o Sporting CP.

Taça Cers - Jogo OC Barcelos - Villach não se realiza



O jogo entre o OC Barcelos e o Villach da Áustria não se realizou porque os equipamentos dos jogadores austríacos não chegaram a Portugal.
Numa atribulada viagem desde a Áustria que durou mais de vinte horas, o Villach acabou por só aterrar no Porto à uma da manha desta sabado.
Já não bastava toda essa situação, os equipamentos e bagagens da comitiva "desapareceram ", pelo que o jogo em Valença não se realizou, com enorme tristeza, especialmente para o Villach que tanto queria defrontar uma equipa grande de Portugal.
Resta agora esperar pela decisão do CERH perante toda esta situação.
À luz dos regulamentos o RHC Villach pode perder o jogo por falta de comparência, seguindo o OC Barcelos para a segunda eliminatória onde irá defrontar o vencedor do jogo Coutras de França ou o Diessbach da Suiça.
No entanto um dos elementos do RHC Villach está em Valença com toda a documentação dos jogadores para preencher o boletim de jogo, justificando desta forma a impossibilidade de jogar por falar de equipamentos.


10.23.2015

Competições Europeias ( Liga Europa e Taça Cers ) - Vários são os minhotos em ação



Começa este fim de semana mais uma edição da Taça Cers com quatro equipas portuguesas presentes, duas delas do Minho, OC Barcelos e Juventude de Viana, juntamente com HC Turquel e Sporting CP.
A equipa orientada por Paulo Freitas defronta o RHC Villach em casa emprestada, no municipal de Valença às 18h, por interdição do municipal de Barcelos.
Mesmo sem dois elementos, o guarda redes Ricardo Silva e o capitão Luís Querido também eles castigados pelo CERH, o OC Barcelos é amplamente favorito a vencer e a passar esta eliminatória sem grande dificuldades.
Mais tarde às 21.30h,  joga em Monserrate a Juventude de Viana também diante um adversário da Áustria, o RHC Dornbirn.
À semelhança do Barcelos, os vianenses são favoritos a ultrapassarem o Dornbirn mesmo não contando com o ainda castigado Diogo Fernandes.
Como não há duas sem três, o HC Turquel defronta uma formação da Áustria, mas com o primeiro jogo a disputar no recinto do RHC Wolfurt.

Para alem do OC Barcelos e Juventude de Viana, a prova conta com a participação de jogadores nascidos no Minho, com várias equipas presentes na competição.
Na Alemanha no Germania Herriigen do guarda redes Joka Ferreira defronta os italianos do Fóllonica, enquanto que os suíços do Uri de José Marinho medem forças com o Cronnenberg.
O Diesbach da Suiça com César Torres desloca-se a França para jogar com o Coutras.

Na Liga Europa também entram em pista jogadores minhotos, com Gonçalo Alves e Hélder Nunes pelo FC Porto a receber o Iserlohn da Alemanha.

Árbitros e jogos para as equipas do Minho ( 24, 25 e 28 de outubro )



SÁBADO DIA 24 DE OUTUBRO DE 2015

Taça Cers - 1ª eliminatória
18.00h OC Barcelos - RHC Villach - Alberto Veiga e Daniel Villar de Espanha
21.30h Juventude de Viana - RHC Dornbirn - António Gomez e Angel Tavera de Espanha


Nacional da 1ª divisão
17.00h HC Braga - Candelária - Paulo Santos e António Santos de Aveiro

Nacional da 2ª divisão, zona norte
18.30h Riba d'Ave - Valença HC - Claudia Rego e António Teixeira do Minho
21.00h Famalicense - OC Barcelos B - Ricardo Sousa e António Bastos do Minho
21.00h Cartaipense - Lavra - João Rodrigues e Carlos Correia do Minho

DOMINGO DIA 25 DE OUTUBRO DE 2015

Nacional da 3ª divisão, zona norte
16.00h HC Fão - Estrela Vigorosa - Claudia Rego do Minho
17.30h Fanzeres - Cartaipense B - Manuel Fernandes do Porto
20.00h Sobreira - Vila Praia - Porfirio Fernandes do Porto

QUARTA FEIRA DIA 28 DE OUTUBRO DE 2015

Nacional da 1ª divisão
21.00h Sporting CP - OC Barcelos  - Paulo Baião e José Nave de Lisboa
21.00h Física - Juventude de Viana - Miguel Guilherme e Luís Peixoto de Lisboa

fonte:FPP

10.22.2015

"Minhotos no Estrangeiro" - Tiago Faria agora na Suíça " Saí do OC Barcelos, bem, feliz e campeão..."


Uns regressam, outros partem.
Tem sido assim nos últimos meses com atletas minhotos.

O ultimo a partir foi Tiago Faria, campeão nacional da terceira divisão pelo OC Barcelos B na época passada e que agora joga na Suíça, no HC Munsingen Wolfe da segunda divisão helvética, formação orientada pelo minhoto Eduardo Mendes.

Natural de Barcelos, nasceu em 24 de setembro de 1994 e começou a patinar no Vitória de Barcelinhos rumando depois para o escalão de infantis do OC Barcelos.
O fato de o irmão Rui Faria já se encontrar na Suiça há alguns anos pesou na mudança,

" A razão principal de sair do Barcelos e de Portugal foi por motivos profissionais. O meu irmão Rui Faria que se encontra na Suiça também pesou na decisão. 
Vim para trabalhar e a oportunidade de jogar surgiu em conjunto. Esta mudança já podia ter acontecido mais cedo, porque propostas sempre existiram. 
Agora foi possível conciliar o trabalho com a pratica do hóquei em patins, por isso arrisquei e aceitei o desafio".

Naturalmente que ainda vive o momento de ter sido campeão pelo OC Barcelos?

" Sim ainda vivo essa situação. Penso que saí a bem, com a sensação de dever cumprido e feliz com um, mas sim dois títulos. Foi uma época em cheio. Inesquecível com muitas experiências que certamente serão úteis no meu futuro como jogador. Não posso deixar de agradecer a toda a estrutura do OC Barcelos, direção, colegas, treinadores e adeptos. Um especial para o Bruno Gomes e para o Nelson Araújo ".

As diferenças são grandes entre o hóquei português e o suíço apesar de estar há pouco tempo no estrangeiro.

" São enormes, principalmente a nível de infraestruturas. Dentro do ringue também existente nomeadamente na cultura tática. Mas penso que aos poucos essas diferenças vão melhorar. Os clubes neste momento estão a trabalhar e bem nesse sentido."

São muitos os portugueses a jogar na Suíça, alguns minhotos...

" Sim é verdade. Mas a vinda destes jogadores torna os campeonatos mais competitivos e ajuda na evolução dos jogadores. Trazem experiência e qualidade. Para alem disso é triste sair de Portugal por varias razões, Alguns deles a nível desportivo encaixam perfeitamente bem em equipas da primeira divisão portuguesa. "

E o OC Barcelos acompanhas?

OC BARCELOS SEMPRE. Não posso esquecer que fiz quase toda a minha formação, que criei grandes amigos e pelas vitorias que obtive. Sempre que o OC Barcelos joga , quer seja a equipa A ou B tenho a preocupação de saber. Desde já agradeço ao Hoquei Minhoto essa possibilidade de divulgar os clubes do Minho.
Este ano desejo aos meus antigos colegas do OC Barcelos B que em ano de adaptação aproveitem o máximo a experiência da segunda divisão, sabendo que vai ser uma temporada muito difícil, onde cada jogo será uma final.
Para a equipa A, ainda é muito cedo para se falar no titulo, mas se mantiverem o nível das exibições realizadas com o grupo que se conhece bem e aproveitar o factor casa, podem muito bem lutar por um titulo". 

O Hoquei Minhoto agradece a disponibilidade e deseja ao Tiago Faria as maiores felicidades pessoais e desportivas.


fotos: Tiago Faria

Taça Cers - RC Villach quer fazer melhor que no ano passado



A formação do RC Villach da Áustria joga este sábado diante o OC Barcelos para a primeira eliminatória da Taça Cers.
Por interdição do Municipal de Barcelos, a partida realiza-se em Valença a partir das 18.00h.
Para o OC Barcelos será a primeira vez que nas competições europeias defronta uma equipa austríaca.
Devido à proximidade geográfica com Itália, o Villach compete na segunda divisão transalpina, serie B, juntamente com equipas B do Bassano, Valdagno , Breganze e ainda Trissino, Hoquei Thiene, Fortitudo, Hóquei Pordenone , Hóquei Montecchio, Hóquei Montebello e Sandrigo.
O campeonato tem cumpridas três jornadas, sendo que o RC  Villach soma por vitorias as partidas realizadas, 9-2 ao Valdagno, 4-3 ao Montecchio e 10-0 ao Bassano.

Para o treinador Kenzian a sua equipa pode ter um melhor desempenho que na edição anterior da Taça Cers onde diante o Reus perdeu por 30-3 no conjunto das duas partidas.
" Espero fazer melhor este ano. Somos realistas perante uma equipa profissional como o OC Barcelos. Na realidade as nossas chances são muito poucas."

Da mesma opinião tem o jogador, Manuel Parfant.
" Vai ser uma eliminatória especial para todos os jovens jogadores. É uma oportunidade única para alguns defrontarem grandes jogadores. A expectativa é grande entre todos "


fonte: RC Villach

Pior cenário confirma-se - Tiago Jorge do HC Braga vai ser operado


O atleta Tiago Jorge afinal vai mesmo ter que ser operado após a dupla fratura do maxilar direito ocorrida durante o jogo do passado domingo em Barcelos.
A intervenção irá decorrer esta sexta feira no Hospital de Braga, segundo avançou o clube minhoto na sua pagina oficial.

Taça Cers - Jesus Jende do Dornbirn " Jogar em Viana do Castelo é um prémio para a nossa equipa..."



Em Viana do Castelo, a equipa de Pedro Sampaio recebe o RHC Dornbirn, formação austríaca que disputa o campeonato suíço, na zona NLB, equivalente à segunda divisão da Suiça.
Neste momento a turma do Dornbirn lidera a prova com doze pontos, após as quatro primeiras jornadas sobre Munsingem Wolfe por 2-1, Thunerstern 3-1, RHC Gipf Oberfirk 5-2 e Uttigen por 8-2.

Destaque na equipa austríaca para o seu guarda redes Angel Mirantes e para Jesus Jende que jogou com o internacional português Pedro Alves no Liceu da Corunha.
Para o antigo companheiro de Pedro Alves, a diferença entre as duas equipas é uma realidade, após declarações ao Hóquei Minhoto.

" Temos de ser realistas. A diferença entre o Dornbirn e a Juventude de Viana é muito grande. Os campeonatos de Portugal e Áustria não tem comparação.
Para o Dornbirn a Taça Cers é um prémio que permite jogar perante jogadores da qualidade e experiência como os da Juventude de Viana.
Vamos a Portugal desfrutar dessa experiência, tentado fazer o nosso jogo e impor dificuldades à Juventude de Viana.
Sabemos das nossas limitações perante uma das equipas mais fortes da competição. O nosso objectivo é fazer um bom resultado para a segunda mão, mas não será fácil."

A partida tem inicio às 21.30h no pavilhão de Monserrate e será dirigida pela dupla espanhola, António Gomez e Angel Tavera.

foto: Jesus Jende

10.19.2015

I DIVISÃO - Juventude de Viana vence para o nacional antes da ronda europeia

Juventude de Viana alcança primeira vitória no campeonato diante do Cambra

Na 3ª jornada do campeonato nacional a Juventude de Viana recebeu e venceu o HA Cambra por 3-1. Esta foi a primeira vitória dos vianenses no campeonato nacional, mas sofreram para derrotar a turma visitante.

Não foi um jogo particularmente fácil para a Juventude de Viana que encontrou um Cambra não só bem organizado como bastante atrevido. Os homens de Ricardo Geitoeira procuraram em contra-ataque fazer frente ao poderio vianense.

A Juventude de Viana foi a primeira a marcar logo aos 11' por intermédio de Gonçalo Suissas (1-0). No entanto, e ainda antes do intervalo, o Cambra empatou a partida pelo stick de Dani (1-1), num contra-ataque venenoso.

Na segunda parte os locais corrigiram posições e pressionaram o Cambra acabando por chegar à vitória, difícil mas merecida. O jogo foi resolvido nas bolas paradas. De livre directo Tó Silva deu a tão desejada vantagem à turma de Pedro Sampaio (2-1).




O atleta da Juventude não vacilou tal qual como Nuno Félix que acabou por sentenciar e tranquilizar o resultado a favor da sua equipa. De penalty, e com frieza, o capitão vianense fechou os números da partida (3-1).

No final do encontro Pedro Sampaio reconheceu: "sabíamos que o jogo ia ser assim. Tínhamos de assumir o jogo e o Cambra defendeu num bloco muito baixo". Apesar disso o técnico lembrou que "estivemos focados no que queríamos e foi justa a vitória".

Depois deste jogo a Juventude de Viana ascende algumas posições somando três pontos, enquanto o Cambra ainda não somou qualquer ponto e segue na última posição.

Juventude de Viana joga novamente em Monserrate para a Taça CERS

Já na próxima semana, a 24 de Outubro, às 21h30, a Juventude de Viana joga estreia-se para a Taça Cers, na primeira eliminatória da prova. Os Vianenses recebem a equipa austríaca do RH Dornbirn que milita na segunda divisão do campeonato suíço.
"É mais confortável trabalhar durante a semana depois de uma vitória", afirma o treinador Pedro Sampaio que vai tentar resolver em casa esta eliminatória da Taça CERS.

fonte: AJ Viana

Eurockey 2015 - António Trabulo eleito para o melhor cinco do torneio



Apesar de não ter conseguido renovar o titulo de campeão europeu de sub 17, o HC Braga que terminou na quarta posição colocou um jogador no cinco principal escolhidos pelos responsáveis.
Foi ele António Trabulo juntamente com Givency Tshilimbo do Villejuif, Raul Fernandez do Dominicos, Marc Montilla do Barcelona e do guarda redes campeão, Raul Garrido do Manlleu.

fonte: http://eurockey.com/

Tiago Jorge atleta do HC Braga com dupla fratura maxilar


O jogador do HC Braga vai estar afastado para já durante um período indeterminado depois da lesão sofrida na partida de domingo passado diante o OC Barcelos.
Ainda na primeira parte numa reposição de bola, esta saltou e bateu na face do atleta causando lhe uma fratura no maxilar direito e no queixo.
Prontamente assistido na pista, Tiago Jorge acabou por ter de sair e ser transportado, primeiro para o Hospital de Barcelos e depois para o São João no Porto.
Na invicta após analise dos médicos a intervenção cirúrgica foi posta de parte visto que as fraturas estavam alinhadas.
Para hoje segunda feira, Tiago Jorge volta ao Hospital, agora de Braga para mais exames.
Ao atleta o Hoquei Minhoto deseja as rápidas melhoras.

10.18.2015

III Divisão - Cartaipense B continua a surpreender



A recém formada equipa B do Cartaipense continua a dar nas "vistas" neste inicio de campeonato nacional da terceira divisão, zona norte.
Na recepção ao Académico, os minhotos somaram o seu terceiro triunfo na prova em quatro possíveis, com um resultado de quatro golos sem resposta.
Ao intervalo a vantagem mínima graças ao golo de Alexandre Pontes.
Para a segunda parte o Cartaipense após reacção do Académico sem efeitos práticos, resolveu o jogo por José Pedro por duas vezes e Diogo Antunes.
Após a quarta jornada o Cartaipense B encontra-se no quarto lugar com nove pontos, somando apenas uma derrota , na Madeira diante o Marítimo.
Na próxima ronda os minhotos jogam fora em Fanzeres.


III Divisão - Em duelo de "Vilas" a da Praia foi melhor




Em jogo da quarta jornada do nacional da terceira divisão, zona norte, o Vila Praia recebeu o Vila Boa Bispo vencendo por 9-2.

A resistência da formação de Vila Boa Bispo durou doze minutos, altura em que o Vila Praia abriu o marcador por Telmo Ramos.
Procurou entrar na discussão do resultado mas os últimos minutos antes do descanso foram fatais para os visitantes com a equipa de Rui Neto a fazer mais três golos, dois de Rui Silva e um de Rudy Pereira.
Na segunda parte o Vila Praia ampliou o marcador ate ao 8-0 com tentos de Rudy, César Pinheiro e Telmo Ramos.
Foi nesse período que o Vila Boa Bispo conseguiu marcar e logo dois golos seguidos, por Luís Vieira e Elton Teixeira.
Antes do apito final Duda estabeleceu o resultado em 9-2 a favor dos minhotos.

Este triunfo permite ao Vila Praia aproxima-se dos primeiros lugares, somando agora dez pontos, atrás do Gulpilhares e Marítimo que lideram com doze pontos,
Na próxima ronda o Vila Praia desloca-se ao ultimo classificado, o Sobreira.

I Divisão - OC Barcelos vence HC Braga


Muito publico foi o que marcou presença no pavilhão municipal de Barcelos para o derby minhoto da terceira jornada entre o OC Barcelos e o HC Braga.
Um jogo que para alem da rivalidade tinha como ingrediente, o mais recente triunfo dos bracarenses sobre o Sporting CP.
Nota para a ausência do treinador do HC Braga, Vítor Silva que se encontrava em Barcelona com a equipa de sub 17 no Eurockey.

Depois de um inicio equilibrado, o OC Barcelos abriu o marcador aos 6' por Reinaldo Ventura de livre direto a castigar azul mostrado a Márcio Rodrigues.
No minuto seguinte o 2-0 por Luís Querido de grande penalidade.
Sem abrandar o ritmo o OC Barcelos rapidamente chegou ao 4-0 no minuto nove com tentos de Reinaldo Ventura e Miguel Vieirinha.
O campeão do mundo de sub 20 elevou para 5-0 aos 13'.
Com cinco golos de vantagem o Barcelos abrandou mas mesmo assim podia ter feito o sexto mas Luís Querido desperdiçou uma grande penalidade.
Na parte final o HC Braga acordou e reduziu para 5-2 com golos de Ângelo Fernandes e Tiago Barbosa "Sapo" este de livre direto pela décima falta dos barcelenses.

A perder o HC Braga ( sem Tiago Jorge que saiu lesionado em direção ao hospital ) entrou a pressionar mais na segunda parte, mas foi o OC Barcelos a aumentar, primeiro por Luís Querido de grande penalidade e depois por Reinaldo Ventura em jogada de contra ataque.
O antigo jogador do FC Porto voltou a deixar a sua marca fazendo o oitavo de livre direto por azul mostrado a Pedro Delgado Bekas.
Com esta vitoria o OC Barcelos continua nos primeiros lugares com nove pontos, enquanto que o HC Braga mesmo com a derrota subiu ao sétimo posto com três pontos.
Na próxima ronda o OC Barcelos desloca-se ao Sporting CP e o HC Braga recebe o Candelária.



Eurockey sub 17 - HC Braga termina no 4º lugar. Manlleu novo campeão



Depois de ser afastada da final pelo Manlleu, o HC Braga lutou pelo bronze perdendo com o Dominicos por 6-5.
NA grande final o Manlleu derrotou o Barcelona por 3-2, com o golo do triunfo a ser pbtido no ultimo segundo do encontro.

No jogo os minhotos andaram sempre atrás do resultado após permitirem uma vantagem de dois golos aos espanhóis.
Ainda na primeira parte Gonçalo Neto reduziu mas o Manlleu fez o 3-1.
Para a segunda parte o HC Braga deu a volta ao marcador, passando para a frente com tentos de Gonçalo Neto, António Trabulo e Gonçalo Botelho.
Essa vantagem acabou por ser anulada pelo Dominicos, mas António Trabulo voltou a empatar desta vez a cinco bolas. 
Na ponta final o Dominicos fez o sexto lugar, garantido assim o bronze e relegando o HC Braga para o quarto lugar.

10.17.2015

II Divisão - OC Barcelos soma primeira vitoria.



Após a pesada derrota em Riba d'Ave, o OC Barcelos B recebeu a Juventude Pacense, vencendo por 4-0.
Uma partida que ficou marcada pelo elevado numero de faltas, vinte e uma para o Barcelos B e dezoito para a Juventude Pacense e a amostragem de um cartão vermelho e quatro azuis.


A equipa minhota apresentou-se em ringue com firme determinação de "lavar" a imagem do resultado anterior e foi com naturalidade através do seu ascendente ofensivo que abriu o marcador aos 15' por Rui Silva.
O mesmo jogador aumentou aos 17' de grande penalidade.
Antes do descanso Afonso Lima podia ter feito o 3-0 mas falhou uma livre direto por azul exibido a Manucho.
Na segunda parte a Juventude Pacense apareceu a pressionar mais e aos 5' podia ter reduzido mas Kiko desperdiçou um livre direto.
Quem não marca sofre e numa jogada de contra ataque Afonso Lima elevou para 3-0.
Depois o jogo caiu de uma forma desinteressante, muito por culpa do rigor da dupla de arbitragem, que por exemplo aos 9' mostrou dois azuis e um vermelho a elementos da Juventude Pacense.
Esta situação condicionou o resto da partida.
No ultimo minuto, João Figueiredo de livre direto estabeleceu o 4-0 final.
Para a próxima jornada o OC Barcelos B visita o vizinho Famalicense enquanto que a Juventude Pacense recebe o Infante Sagres.

II Divisão - Ponta final garante triunfo ao Valença HC


O Valença HC conseguiu a sua primeira vitoria na prova depois de dois empates obtidos nas duas primeiras jornadas.
Diante os seus adeptos os minhotos perante um adversário aguerrido como o CH Carvalhos tiveram de jogar de forma mais táctica, pelo que ao intervalo o nulo era o resultado.
Na segunda parte o CH Carvalhos ganhou vantagem por Zé Almeida, mas a ponta final do jogo foi enorme por parte do Valença que chegou ao empate por Hélder Martins e deu a volta ao marcador com um bis de Zé Braga.
A soma do triunfo permite ao Valença subir ao sétimo lugar agora com cinco pontos, enquanto que o CH Carvalhos desceu para o quarto lugar com seis pontos.
Na próxima ronda o Valença joga em Riba d'Ave e o CH Carvalhos recebe o Povoa.

II Divisão - Riba d'Ave lidera classificação




Grande vitoria obteve o Riba d'Ave no reduto do Infante Sagres, em partida da terceira jornada do nacional da segunda divisão.
A respirar confiança a equipa do Riba d'Ave chegou ao 2-0, primeiro por Tiago Pimenta e depois por Bruno Serôdio.
O Infante Sagres a fazer um inicio de prova nada convincente para um candidato à promoção reduziu por Jorge Vieira, mas antes do descanso os minhotos voltaram a marcar e por duas vezes por Vítor Hugo e Nuno Micoli.
Na segunda parte o Infante reagiu e chegou a assustar os minhotos quando colocou o marcador em 4-3, mas os suspeitos do costume, Nuno Micoli, Vítor Hugo e Bruno Serôdio deram a tranquilidade à sua equipa aumentando para 7-3.
Ate ao fim o Infante ainda fez dois golos com resposta de Vítor Hugo de livre direto após cartão vermelho mostrado a António Cruz.
Ao fim das três primeira jornadas o Riba d'Ave é líder juntamente com a AA Espinho, com nove pontos. Em sentido contrario está o Infante que apenas tem um ponto obtido.
Na próxima ronda há derby minhoto com a equipa do Riba d'Ave a receber o Valença HC.

II Divisão - Cartaipense perde em Marco de Canaveses



Na deslocação a Marco de Canaveses, o Cartaipense perdeu por 7-2, um resultado pesado para a produção da equipa minhoto, especialmente na primeira parte onde chegou ao intervalo em desvantagem por 2-1. O golo do Cart foi apontado por Luís Martins de grande penalidade.
Para a segunda parte a equipa da casa aproveitou para consolidar a sua vitoria tendo a turma minhota ainda feito o segundo golo por Alberto Martinho.
Com apenas três pontos conquistado na prova o Cartaipense recebe na próxima ronda o Lavra enquanto que o HC marco que soma seis pontos viaja a Cucujães.

Eurockey sub 17 - HC Braga afastado da final




Na meia final diante o Manlleu, o HC Braga foi afastado da final após perder no prolongamento por 6-4.
A final da prova vai ser disputada entre o Barcelona e o Manlleu.

Começou melhor a equipa espanhola a abrir o marcador, mas Gonçalo Neto empatou aos 15'.
Ainda na primeira parte o Manlleu marcou por duas vezes fixando o resultado em tempo de descanso em 3-1 a favor da equipa espanhola.
Para a segunda parte o HC Braga tentou mas foi o Manlleu a elevar para 4-1..
Sempre a acreditar, os minhotos aos poucos foram encurtando o marcador ate atingirem o empate com tentos de dois de Gonçalo Neto e um de António Trabulo.
Podiam ter resolvido o jogo a seu favor antes do prolongamento mas Gonçalo Neto não aproveitou uma grande penalidade e António Trabalho um livre direto.
No tempo extra sem a pratica do golo de ouro, o Manlleu, não só desfez o empate como aumentou para 6-4, garantindo assim a presença na final da prova.

Eurockey sub 17 - HC Braga luta pela final com o Manlleu


O HC Braga vai lutar este sabado, por um lugar na final da prova com os espanhóis do Manlleu, após vencerem os italianos do Breganze por 5-2.
Na outra meia final o Barcelona vai defrontar o Dominicos, após derrotar o Bassano
O jogo da equipa minhota tem inicio às 17.30h, hora de Portugal

10.16.2015

II Divisão - Riba d'Ave visita Infante Sagres



O Riba d'Ave, um dos três lideres da segunda divisão zona norte visita o reduto do Infante Sagres, este sábado a partir das 18.30h.
Será um teste difícil para a equipa do Riba d'Ave diante um Infante Sagres que assume como objectivo subir de divisão.
Com duas jornadas realizadas, a formação da casa está apenas com um ponto, fruto do empate em casa com o Valença a duas bolas. Fora perdeu nos Carvalhos por 5-3.
Em relação ao Riba d'Ave, duas vitorias, em casa diante o OC Barcelos B por 11-1 e fora na Escola Livre por 7-3.
Uma partida que se prevê equilibrada e que será dirigida por Domingos Carvalho e Orlando Panza do Porto.

foto: Cartaz Infante Sagres

Eurockey sub 17 - HC Braga salta para os quartos de final em 1º do grupo



O HC Braga que defende o titulo de campeão europeu de sub 17 apurou-se para os quartos de final em primeiro lugar no grupo A, após derrotar os espanhóis do Companhia Maria por expressivos 9-3
A equipa adversaria dos minhotos na fase seguinte, é Breganze. de Itália que terminou em segundo lugar no grupo D, atrás dos espanhóis do Dominicos.
Este terceiro e ultimo jogo do grupo servia para definir quem terminava em primeiro lugar, já que ambas as equipas estavam empatadas com seis pontos.
Na primeira parte os minhotos resolveram o jogo a seu favor com o marcador a registar ao intervalo uma vantagem de quatro golos, 5-1.
Para a segunda parte apareceram mais golos, com quatro para o HC Braga e dois para os espanhóis.
Marcaram na vitoria, Gonçalo Neto quatro, António Trabulo três e Rodrigo Botelho dois.
A equipa de Vítor Silva terminou a fase de grupos com nove pontos, tendo apontado vinte e quatro golos e sofrido apenas oito.

Classificação do grupo A
1º HC Braga 9p
2º C. Maria  6p
3º Sarzana 3p
4º Quintinc 0p

foto: Luis Miguel Velasco Hevia
fonte: Eurockey 2015

II Divisão - Valença HC testa CH Carvalhos


A equipa do Valença HC na terceira jornada, volta a defrontar um candidato à promoção, agora com o CH Carvalhos que lidera a prova juntamente com o Riba d'Ave e AA Espinho, todos com seis pontos.
Depois de dois empates obtidos contra os também candidatos, Infante Sagres e CD Povoa, a formação de Paulo Morais não vai querer desperdiçar nova hipótese caseira de alcançar a vitoria.
O CH Carvalhos já provou ser uma equipa forte, nomeadamente depois de vencer no Infante sagres por 5-3. A outra vitoria foi arrancada em Barcelos diante o OC Barcelos B por 4-3.
Para a deslocação a Valença, o CH Carvalhos não pode contar com Rui Vidal que foi expulso com vermelho no jogo do Infante Sagres, sendo castigado com dois jogos de suspensão.
Do lado dos minhotos, de fora continua Miguel Fernandes a recuperar de uma operação.
Para este jogo, sabado às 21.30h  foram designados os árbitros João Rodrigues e Carlos Correia do Minho.

foto: cartaz Valença HC 

Eurockey Cup - HC Braga volta a ganhar, agora sobre o Quintinc da França




Na segunda jornada do grupo A, o HC Braga voltou a vencer, desta vez os franceses do Quintinc por 7-2, depois de na ronda inaugural ter superado os italianos do Sarzana por 8-3.

No jogo Rodrigo Botelho abriu o marcador para dois minutos volvidos Gonçalo Neto de grande penalidade aumentar para 2-0.
O Quintinc ainda na primeira parte reduziu para 2-1, fixando a vantagem mínima no resultado a favor dos minhotos em tempo de intervalo.
À semelhança do que tinha feito perante os italianos do Sarzana, o inicio da segunda parte foi bastante forte por parte do HC Braga que nos primeiros dez minutos "disparou" no marcador para 6-2 com um bis cada de Gonçalo Neto e de António Trabulo.
Com a vitoria assegurada por parte dos minhotos, o ritmo da partida diminuiu e ate ao fim apenas se registaram dois golos, um para cada lado com o sétimo do Braga a pertencer a Gonçalo Botelho.
Ainda esta sexta feira às 15h, o HC Braga joga com os espanhóis do Companhia de Maria, jogo que decide o primeiro lugar.
A equipa espanhola venceu o Quintinc por 6-0 e o Sarzana por 4-2.

foto: Luis Velasco
fonte: Eurockey Cup 17