FINAL FOUR DA TAÇA CERS

FINAL FOUR DA TAÇA CERS
HÓQUEI MINHOTO EM VIAREGGIO

4.30.2012

A luta pela manutenção na 1ª Divisão

Numa altura em que os campeonatos se aproximam do fim, algumas equipas ja tem a sua posição definida.
Na 1ª divisão, Infante Sagres (matematicamente) e Portosanto Sad ( excluido) descem à segunda divisão nacional, faltando encontrar mais duas equipas. Neste momento o Riba d'Ave só ainda nao desceu porque matematicamente ainda pode fazer vinte e quatro pontos. Para isso terá de vencer os cinco jogo que faltam e esperar que a AA Espinho que tem vinte e três  não alcance qualquer resultado positivo até ao final da prova. Uma tarefa complicada para quem em vinte e dois jogos apenas somou nove pontos.
Já a Juventude de Viana que tem neste momento dezoito pontos ainda pode salvar-se da descida. Para isso tem de somar pontos nos jogos em casa ( Braga, Barcelos e FC Porto) e fora em Riba d'Ave e nos Tigres esperarando pelos resultados que a AA Espinho faça também nos cinco jogos que lhe falta. A turma da Costa Verde que tem vinte e três pontos joga em casa com o Braga, Barcelos e Valongo defrontando fora o Riba d'Ave e o Paço d'Arcos. No total os vianenses podem fazer trinta e três pontos.
O Paço d'Arcos que tem vinte e cinco pontos também ainda não esta totalmente seguro, tendo nesta altura sete pontos de vantagem sobre a equipa de Viana do Castelo. A turma da linha de Cascais  até ao fim tem quatro jogos em casa com AA Espinho, Candelaria , Oliveirense e Benfica e fora apenas tem a deslocação a Valongo.
Embora matematicamente e com quinze pontos em disputa ainda não estão a salvo da descida  de divisão, Tigres (27p), Gulpilhares (29p), HC Braga(29p) Valongo(30p) e OC Barcelos (31p).

A proxima jornada poderá ja definir a vida para algumas equipa com o OC Barcelos a folgar

Juventude de Viana - FC Porto
Paço d'Arcos - Oliveirense
Riba d'Ave - AD Valongo
Infante Sagres - Os Tigres
AA Espinho - HC Braga
Gulpilhares - Benfica







Subidas e descidas da 2ª Divisão Norte e Sul




A seis jornadas do fim da prova na Zona Norte Cambra e AD Limianos  nao encontram adversarios à altura para a discusão da promoção ao escalão amior da modaldiade.
A equipa de Vale de Cambra é lider com 54p, contra os 52p da formação minhota.
Matematicamente com dezoito pontos em disputa  as duas equipas ainda nao podem festejar . Na terceira posição surge os Carvalhos com 44p, logo a seguir a Sanjoanense e Mealhada com 42p.
A AD Limianos pode voltar à primeira divisão se amanha terça feira dia 1 de Maio na deslocação ao Maritimo somar os tres pontos do jogo.
Até ao final da prova o Cambra tem seis jogos sendo  em casa com a a Sanjoanese, Lavra e Mealhada e fora de portas joga no Maritimo, na Povoa e na Maia.
Em relação à AD Limianos recebe o Famalicense, Carvalhos e Escola Livre  e fora Maritimo, Paço de Rei, Pecense e HC Marco.
Quanto a descidas Paço de Rei e Lavra  com tarefa muito complicada só matematicamente é que ainda não confrimaram a despromoção.

Quanto à Zona Sul, o Turquel ja garantiu a subida matematicamente, faltando saber o segundo classificado. Neste momento o Sporting esta em boas condições de regressar ao escalão maior da modalidade.
Ate ao final o Sporting tem seis jogos para realizar ao contrario do terceiro classificado o Oeiras que tem apenas cinco. A diferença pontual entre as duas equipas é neste momento de onze pontos a favor dos leões.
Quem desce da segunda divisão Sul apenas o Nafarros que soma sete pontos está com a sua decisão praticamente definida. Resta uma vaga para ser disputada por  Vasco da Gama, AA Coimbra e Parede.


Da terceira divisão nacional estão ja encontradas as promoções, a  Norte sobem Sobreira e Pessegueiro de Vouga, do Centro Alcobacense e Entroncamento e a Sul Gandola e Juv Salesiana.





Juniores - Falta definir o primeiro lugar - Valongo ou HC Braga

No escalão de juniores da zona norte A, os apurados são há muito tempo conhecidos, AD Valongo e HC Braga, restando neste momento apenas a duvida de quem termina no primeiro lugar.
A duas jornadas do fim apenas um ponto separa as duas formações com vantagem para a AD Valongo.
Da jornada do fim de semana passado apenas o HC Braga ganhou em Lavra por 6-4, enquanto que os outros dois jogos terminaram empatados com o mesmo resultado, igualdade a cinco bolas. Divisão de pontos da Juventude de Viana em casa com o OC Barcelos e da AD Valongo na Povoa.
Para a próxima ronda onde ja é conhecido o triunfo do OC Barcelos por 7-3 sobre o Povoa, o Lavra recebe a Juventude de Viana enquanto que o HC Braga joga em sua casa com a AD Valongo. Esta partida poderá ajudar a definir quem termina o grupo no primeiro lugar. Na primeira volta o HC Braga perdeu em Valongo por 9-5.
Em relação à zona norte B, apenas o FC Porto tem garantido o apuramento, falta saber quem fica em segundo lugar. São três as equipas que lutam por essa posição, Gulpilhares, Sp Tomar e AA Coimbra.

Juvenis - OC Barcelos e HC Braga discutem segundo lugar.

Com o F Porto apurado, resta saber quem termina na segunda posição, o OC Barcelos ou HC Braga já que à entrada para a ultima jornada estão empatados nesse lugar com dezoito pontos com vantagem para os barcelenses na diferença de golos nos jogos entre as duas formações
No passado domingo as emoções estiveram ao rubro no pavilhão municipal de Barcelos, onde os bracarenses venceram por 6-5. Esta derrota dos barcelenses por um golo de diferença nao  permite que o HC Braga ultrapasse o seu adversario. Em caso de igiualdade o resultado obtido pelo OC Barcelos em Braga por 4-2 foi decisivo para ocupar a segunda posição.
Por isso a diferença de golos é "valiosa" para o OC Barcelos que em caso de empate final na prova ficará sempre na segunda posição.
Na derradeira jornada o OC Barcelos joga em Valongo enquanto que o HC Braga recebe o ja apurado FC Porto. Na outra partida a Juventude Pacense recebe a ED Viana.
Quanto aos adversarios da zona norte B, apenas o Carvalhos garantiu o apuramento. Na ultima ronda Cambra, Mealhada e Infante Sagres decidem que acompanha a turma dos Carvalhos. O jogo entre o Cambra e o Infante Sagres será emotivo enquanto que o Mealhada joga em casa com os Carvalhos.

Iniciados - HC Braga e OC Barcelos apurados

No escalão de iniciados o HC Braga e o OC Barcelos estão na fase seguinte após total dominio perante os seus adversarios, quando falta duas jornadas para a conclusão deste fase.
As duas equipas somam ambaas 21 pontos pelo que proxima jornada poderá definir quem termina na primeira posição. Essa partida referente à 9ª jornada realiza-se em Braga, domingo às 15.30h
Quarta feira a ADB Campo caso vença o jogo em atraso em Lavra, da oitava jornada alcançará em definitivo a terceira posição.
Do fim de semana passado o HC Braga goleou o Penafiel por 11-2 eo OC Barcelos venceu em Paços de Ferreira por 6-3.
No que diz respeito aos adversários de HC Braga e OC Barcelos, apenas falta saber quem acompanha a AD Valongo. A duas jornadas do fim o FC Porto está em boa posição de garantir o apuramento, mas a Oliveirense ainda tem matematicamente hipóteses de seguir para a proxima fase.

Infantis - Três equipas lutam por um lugar na ultima jornada

Na categoria de Infantis, Zoina Norte A, o apuramento para a próxima fase será decidido na ultima jornada, em relação ao segundo classificado já que o Infante Sagres garantiu este fim de semana o apuramento com a vitória em casa sobre a ADB Campo por 2-1. Nos outros jogos o FC Porto derrotou o Penafiel por 3-0 e a AD Valongo perdeu em Viana por 5-2.
Por isso são três equipas a disputarem por um  lugar, AD Campo com 17p, Valongo e FC Porto ambos com 15p.
A ADB Campo apenas depende de si para seguir em frente enquanto que o FC Porto tem de vencer e esperar que a AD Valongo perca no Infante Sagres.
A ultima jornada promete ja que coloca dentro do ringue o Infante Sagres ja apurado  a receber  a AD Valongo , enquanto que a ADB Campo joga em casa com o FC Porto.
Todos os jogos estão marcados para sábado 5 de Maio às 15h.
Os adversarios da zona norte A ja são conhecidos porque na zona norte B, Gulpilhares e Carvalhos garantiram o apuramento.


4.28.2012

I Divisão - Juv Viana perde nos Açores por 7-2




Em mais um jogo onde pontuar era importante, a Juventude de Viana perdeu nos Açores com o Candelária por 7-2
A tarefa para atingir os lugares de manutenção esta cada vez mais difícil para a equipa vianense.
Na deslocação à ilha do Pico a Juventude que não contou com Didi e Joel Coelho por suposta lesão, ainda jogou de igual com os açorianos pecando na finalização. Essa situação apenas foi aproveitada pelos picarrotos para chagarem ao intervalo a vencerem apenas por um golo que foi apontado por Tiago Resende.
A perder na segunda parte os vianenses arriscaram tudo e acabaram por ser surpreendidos na sua defesa pelos golos do seu adversário, que rapidamente fizeram três tentos acabando por completo com qualquer esperança minhota. Ja sem qualquer hipótese de lutar pelo marcador a Juventude de Viana foi abaixo animicamente permitindo que até ao fim o Candelária marca-se mais golos , fixando o resultado final em 7-2 , com o júnior Gustavo Lima e Daniel Coelho  a fazerem os tentos  minhotos.
Esta derrota mantêm a Juventude de Viana em zona de descida com dezoito pontos. A luta pela manutenção prossegue na próxima ronda com a recepção ao campeão nacional FC Porto.



I Divisão - OC Barcelos vence Paço d'Arcos por 4-2





Depois da derrota e eliminação da Taça de Portugal frente ao Turquel, o OC Barcelos recebeu e venceu o Paço d'Arcos por 4-2.
Uma vez com o pavilhão cheio de cadeiras vazias os minhotos foram superiores alcançando os três pontos de forma justa.
O primeiro golo surgiu de grande penalidade apontado por Nuno Félix (na foto). Reagiu o Paço d'Arcos mas João Vieira não aproveitou um livre directo. Em cima do intervalo Nuno Félix levou os minhotos com dois golos de vantagem para os balneários.
Na segunda parte a equipa da linha de Cascais entrou com a determinação de lutar pelo resultado tendo André Moreira logo aos 3' reduzido para 2-1.
No entanto os minhotos nem deixaram respirar o seu adversário já que na resposta Jorge Maceda fazendo o 3-1 .
Pouco depois o conjunto visitante cometeu a décima falta de equipa mas Zé Pedro não aproveitou para marcar
O Paço d'Arcos podia ter entrado de novo na luta pelo resultado mas João Vieira voltou a falhar um livre directo rematando ao poste da baliza de Ginho.
Seria o OC Barcelos a elevar o resultado novamente por Jorge Maceda para 4-1. Mesmo no fim do jogo Rui Ribeiro fixou o resultado final em 4-2 a favor dos minhotos.
Perante esta vitoria o OC Barcelos subiu ao sexto lugar ultrapassando o Valongo somando agora trinta e um pontos.
Na próxima jornada o OC Barcelos folga

I Divisão - HC Braga vence AD Valongo por 7-3

O HC Braga voltou a defrontar a AD Valongo depois da partida referente à Taça de Portugal onde os minhotos foram superiores. Desta vez o jogo foi em Braga e a primeira parte foi de luxo por parte dos bracarenses que chegaram ao intervalo a vencer por 5-0, permitindo uma reacção antes do descanso por parte do seu adversário para 5-3.
Na segunda parte mais dois golos do HC Braga que assim fixaram o desfecho final em 7-3.
Os tentos dos bracarenses foram apontados, três por Hélder Nunes, dois de Henrique Magalhães e um cada de Rafa e Vítor Oliveira
Perante este triunfo o HC Braga subiu ao oitavo lugar agora com vinte e nove pontos.

( cronica mais completa e fotos brevemente )





II Divisão - AD Limianos vence Escola Livre por 8-2





"Os Limianos" venceram este sábado o Escola Livre por 8-2. O grande destaque do jogo vai para Márcio Rodrigues, que apontou quatro golos.

A primeira parte começou melhor para os visitantes, que abriram o marcador logo nos primeiros minutos de jogo. No entanto a equipa de limiana reagiu, e Márcio Rodrigues começou a fazer a diferença. Primeiro aos sete minutos a empatar o jogo num remate forte, e passados dois minutos, a aumentar para 2-1 na recarga de um livre directo. Logo se seguida, de novo Márcio Rodrigues, após passe de João Araújo, fez mais um golo e também o 3-1. Mas o jogador limiano não iria ficar por aqui. Depois de falhar um livre directo, Márcio, quando a equipa visitante jogava com apenas dois jogadores (um cartão azul por falta e outro por protestos) fez o 4-1. Aos 22 minutos assistiu-se a dois golos... Primeiro Pedro Alves na marcação de um livre directo, e depois Miguel Costa "Fininho" após grande jogada de Márcio Rodrigues, levaram o resultado em 6-1 para o intervalo.

Na segunda parte a equipa de Ponte de Lima limitou-se a gerir o resultado, mas sem nunca se esquecer de procurar mais golos. E esses mesmos golos apareceram mesmo. Aos 16 minutos, após grande passe de Hélder Martins, Diogo Sá ao segundo poste a aumentar para 7-1. O último golo da equipa limiana foi marcado por Tiago Crespo, após mais uma grande assistência de Hélder Martins. Já nos últimos segundos de jogo, a equipa do Escola Livre reduziu para 8-2 na marcação de um livre directo.

Vitória tranquila da equipa limiana, que embalada por um Márcio Rodrigues com a pontaria bem afinada, não teve grandes dificuldades para derrotar a equipa de Oliveira de Azeméis.

Limianos: Ricardo Cunha, Diogo Sá, Pedro Alves, João Araújo e Márcio Rodrigues. Botelho, Luís Morais, Hélder Martins e Tiago Crespo.
Golos: Márcio (4), Pedro Alves, Miguel Costa "Fininho", Diogo Sá e Tiago Crespo.

fonte: http://desportopontedelima.blogspot.pt/

II Divisão- Famalicense perde com Juv Pacense por 6-5

A turma do Famalicense foi surpreendida pela Juventude Pacense no seu reduto perdendo por 6-5.
Um jogo com muitos golos à semelhança da partida da primeira volta onde os pacenses venceram por 11-10.
Com esta derrota os minhotos os minhotos viram o seu adversário ficar a apenas três pontos de distancia, quando faltam apenas quatro jornadas para o fim do campeonato.


III Divisão - HC Fão vence CART por 3-2

Realizou- se em São Salvador do Campo, Barcelos o jogo de repetição entre os clubes minhotos do HC Fão e do Cartaipense.
Uma partida aguardada com muita expectativa não só pelos clubes intervenientes no ringue mas também por terceiros porque para alem dos três pontos em jogo , estava também em causa uma subida de divisão. Neste aspecto o CART tinha esse objectivo.
Muitos ao longo dos últimos dias tinham posto em causa a verdade desportiva, alguns ate tinham  intenção de impugnar o campeonato pela decisão deste jogo, receando a verdade desportiva por serem dois clubes do Minho.
No entanto o Blog Hóquei Minhoto esteve presente e assistiu a uma verdadeira partida de hóquei onde ambas as equipas procuram ganhar.
Só quem não assistiu é que pode fazer outro tipo de julgamento da partida.



Na primeira parte o HC Fão foi melhor tendo enviado uma bola ao poste logo aos 4' por Nuno Costa. No lance imediato foi a fez de José Valente isolado permitir a defesa do guarda redes do CART. Antes do intervalo os fangueiros podiam ter feito o primeiro golo do encontro mas Joni atirou ao poste na transformação de uma grande penalidade.
Na segunda parte o CART sem Eduardo Marques que esteve ausente por motivos pessoais entrou determinado e mais forte na procura da vitoria, resultado que lhe permitia subir de divisão. Esse sonho ganhou contornos quando Frederico Coelho inaugurou o marcador aos 4' na transformação de uma grande penalidade. Uma infracção que motivou muitos protestos do HC Fão. Fica a duvida se a falta foi fora ou dentro da área fangueira.
Volvidos dez minutos o CART aumentou para 2-0 com golo de Tiago Carvalho.
Pensou-se que o vencedor do encontro estava encontrado. Puro engano.


O HC Fão entrou novamente no jogo mas quem teve nova oportunidade para marcar foi o CART por Frederico Coelho que aos 17' desperdiçou um livre directo pela décima falta da equipa do HC Fão. O mesmo jogador aos 18' atirou ao poste.
Nos últimos minutos o CART procurou segurar a vantagem perante um HC Fão que acordou e reduziu por Joni de grande penalidade aos 20'.
Volvidos dois minutos o mesmo Joni num remate de meia distancia empatou a partida a duas bolas.
Frenético estava o jogo com o perigo a rondar as duas balizas.
A 38 segundos o HC Fão cometeu a sua décima quinta falta de equipa . Chamado para o livre directo Frederico Coelho permitiu a defesa de Carlos Lima.
Ja sem o guara redes do CART na pista por opção do seu treinador e numa fase de desespero para tentar obter o golo da vitória, o HC Fão acabou por marcar o terceiro golo e vencer o jogo mesmo em cima do apito da mesa por Nuno Costa.
Com este resultado o CART não sobe de divisão , terminado a prova na quarta posição. Ja o HC Fão concluiu o campeonato na sétima posição
Quem sobe da terceira à segunda divisão é o Sobreira e o Pessegueiro de Vouga.

Ficha técnica
Pavilhão de São Salvador do Campo em Barcelos
Árbitro: Paulo Afonso de Coimbra
Ao intervalo: 0-0

HC Fão 3
Adolfo Pereira, Nuno Costa (1g), Joni (2g), Pedro Mata e José Valente
jogaram ainda: João Figueiredo, Rui Ribeiro e Carlos Lima gr
treinador: Hugo Nora

CART 2
Vítor Salgado, João Fernandes, Bruno Carvalho, Luís Martins e Frederico Coelho (1g)
Jogaram ainda: Tiago Carvalho (1g)
Treinador: Orlando Ribeiro



4.27.2012

Árbitros e jogos das equipas minhotas - seniores e formação




1ª Divisão
sábado dia 28 de Abril

21:00 Candelária -  Juventude Viana  Jorge Carmona (Lisboa) João Duarte (Lisboa) Jose Pereira (Pico)
17:00 HC Braga - Valongo  Ricardo Leão (Lisboa) Jaime Vieira (Alentejo) Claudia Rego (Minho)
21:00 OC Barcelos  Paço d'Arcos Porfírio Fernandes (Porto) Manuel Oliveira (Aveiro) Orlando Panza (Porto

2ª Divisão
sábado dia 28 de Abril

18:00 Limianos - Escola Livre  Joaquim Pinto (Porto) José Pereira (Porto) Paula Santos (Porto)
19:00 Famalicense -  Pacense  Carlos Fagulha (Ribatejo) Ana Pereira (Ribatejo)
terça feira dia 1 de Maio
17:00 Marítimo - AD Limianos Humberto Correia (Madeira) Nuno Simas (Madeira)

3ª Divisão
sábado dia 28 de Abril
18:00 HC Fão - Cartaipense  Paulo Afonso (Coimbra) Paulo Cruz (Coimbra)

Iniciados
sábado dia 28 de Abril
11:00 Juv Pacense -  OC Barcelos  Fernando Teixeira (Porto)

Domingo dia 29 de Abril
Juniores
17:30 Lavra - HC  Braga  Teófilo Ramalho (Porto)

Juvenis

15:30 OC Barcelos - HC Braga  Florindo Cardoso (Minho)
15:00 ED Viana - AD Valongo João Rodrigues (Minho)

Iniciados
16:15 Lavra -  ADB Campo Teófilo Ramalho (Porto)

Infantis

11:00 Inf. Sagres - ADB Campo Sofia Ferreira  (Porto)
16:30 ED Viana - AD Valongo  João Rodrigues (Minho)



Juniores - Juventude de Viana e OC Barcelos terminam empatados (5-5)

Em partida referente à oitavo jornada do nacional de Juniores o OC Barcelos  foi a Viana do Castelo e dividiu o resultado em mais um derby minhoto do escalão.
Ao intervalo as duas equipas já estavam empatadas mas a uma bola.
Na segunda parte o OC Barcelos conseguiu uma vantagem no marcador de 3-2 a seis minutos do fim mas a turma da casa reagiu e empatou o jogo a cinco bolas.
Com este empate a turma do OC Barcelos garantiu a terceira posição na prova somando agora treze pontos, lugar insuficiente para se apurar para a próxima fase onde já estão AD Valongo e HC Braga.
Quanto à juventude de Viana manteve a quarta posição agora com sete pontos.




1ª Divisão - OC Barcelos recebe Paço d'Arcos às 21h


Depois da derrota e eliminação da Taça de Portugal em Turquel por 7-3, o OC Barcelos recebe no seu pavilhão o Paço d'Arcos.
Será o segundo jogo orientado por José Querido e onde os barcelenses defrontam um adversario que luta pela manutenção.
A equipa de Paulo Garrido soma 25p, menos três que os minhotos.
Resta saber como reagirá o OC Barcelos à pesada derrota sofrida com a equipa da segunda divisão o Turquel para a taça. O Paço d'Arcos ja mostrou que fora de casa é complicado. Curiosamente nas visitas ao Minho apenas perdeu em Braga por 3-2, tendo vencido em Riba d'Ave por 7-1 e empatado em Viana do Castelo a tres golos.
O OC Barcelos que depois de cinco jogos sem ganhar para o campeonato, quebrou essa série no passado sábado na recepção ao Riba d'Ave.
Um triunfo dos barcelenses garante praticamente a manutenção , enquanto que para a equipa da Linha de Cascais um resultado positivo pode ajudar e muito nas suas contas pela permanencia.

1ª Divisão - HC Braga recebe AD Valongo às 17h

Pouco mais de quarenta e oito horas depois de se terem defrontado para a Taça de Portugal, o HC Braga volta a jogar com a AD Valongo desta vez para o campeonato e em sua casa.
Ainda a saborear a passagem à próxima eliminatória da Taça onde venceram em Valongo por 4-3, os minhotos viram atenções para este jogo ja que os pontos podem ser determiantes para garantir a manutenção.
O HC Braga que ocupa o nono lugar com 26p defronta a AD Valongo que está um pouco acima na classificação ocupando tranquiliamente a sexta posição com 30p.
Na primeira volta a AD Valongo venceu em sua casa por 6-3.
Para os minhotos um triunfo pode contribuir para que a manutenção esteja praticamente assegurada, visto que em relação aos clubes que estão na luta pela manutenção os bracarenses tem menos uma partida por realizar.
O jogo tem inicio marcado para o Pavilhão das Goladas em Braga às 17h

1ª Divisão - Juv Viana procura pescar pontos nos Açores

A Juventude de Viana joga este sábado com o Candelária na Ilha do Pico uma cartada quase decisiva para continuar a lutar pela manutenção.
O adversario é somente o actual terceiro classificado da prova e que apenas em casa cedeu um empate contra o OC Barcelos. O resto são apenas triunfos, um deles sobre o campeão FC Porto por 2-1. Os açorianos são inclusive a equipa com menos golos sofridos na prova até ao momento, quarenta e quatro tentos.
A Juventude de Viana uma vez mais para continuar a lutar pela manutenção tem que somar pontos o mais rápido possivel ja que se encontra a cinco pontos da primeira equipa acima da linha de descida o Espinho.
Será um encontro entre duas equipas que acontece depois de ambas terem sido eliminadas da taça de Portugal.
Fora de portas a equipa vianense apenas venceu em Infante Sagres por 5-2 e em Barcelos por 5-3 tendo também registado uma igualdade a seis golos em Espinho.
O jogo tem inicio às 21 h ( 22h do continente ) no pavilhão do Candelaria.


II Divisão - AD Limianos recebe Escola Livre às 18h

A equipa minhota da AD Limianos pode recuperar a liderança da prova que na passada jornada perdeu para o Cambra, tudo porque o Valecambrenses estão de "folga" nesta ronda.
O jogo preve -se equilibrado porque a Escola Livre é um adversario complicado e que ocupa uma posição tranquila na classificação, estando na sexta posição com 36 pontos.
A jogar perante os seus adeptos, a AD Limianos tentará somar uma vitória para se redimir do desaire caseiro sofrido na ultima ronda precisamente contra o lider o Cambra por 7-6 e recuperar a frente da prova, mesmo que ainda tenha um jogo por realizar que se disputa no dia 1 de Maio na Madeira frente ao Marítimo.
Neste momento o Cambra soma 54p , enquanto que os minhotos somam 52p
Na primeira volta a AD Limianos ganhou na Escola Livre por 9-5.


II Divisão - Famalicense recebe Juv Pacense às 19h

Em Famalicão jogam duas equipas com a sua posição praticamente definida na tabela classificativa embora a Juventude Pacense aiunda não esteja totalmente a salvo da despromoção quando faltam cinco jornadas para o fim do campeonato.
O Famalicense que vem de uma derrota pesada nos Carvalhos por 11-4 procurará somar se possivel uma vitória para tentar chegar ao decimo lugar.
Em relação à equipa de Paços de Ferreira que tem dez pontos de avanço sobre a primeira equipa ( Lavra)abaixo da linha de manutenção, um empate ja seria um bom resultado para ajudar a atingir os seus objectivos da permanencia..
Na primeira volta os pacenses venceram por 11-10.
O jogo tem inicio marcado para as 19h.

Juniores - Juv Viana recebe OC Barcelos



Na luta pelo terceiro lugar (nao dá acesso á proxima fase) a Juventude de Viana recebe hoje sexta feira às 22h o OC Barcelos na categoria de juniores em partida da 8ª jornada.
Os vianenses (6p) que matematicamente ainda podem atingir esse lugar tem de vencer os barcelenses, ja que são seis os pontos que o OC Barcelos (12p) tem de vantagem e com mais um jogo disputado.
Na primeira volta o OC Barcelos venceu no seu reduto por 3-1.
O jogo será dirigido por José Monteiro do Minho.

4.26.2012

Taça de Portugal - HC Braga defronta Benfica


A única equipa do Minho presente na Taça de Portugal vai jogar nos oitavos de final da prova com o Benfica conforme ditou o sorteio realizado hoje quinta feira na sede da FPP.

Paulo Rodrigues vice presidente da FPP fala do jogo HC Fão - Cartaipense





A poucas horas do jogo de repetição entre o HC Fão e o Cartaipense que se realiza em São Salvador do Campo no sábado às 18h, o Blog Hóquei Minhoto falou em exclusivo com Paulo Rodrigues vice presidente da Federação Portuguesa de Patinagem sobre toda a situação que rodeia esta partida que pode originar em caso de vitória do Cartaipense a subida de divisão, relegando o Pessegueiro de Vouga para o terceiro lugar.
" Espero que seja uma boa partida de hóquei em patins onde impere o fair play. Infelizmente algumas pessoas no nosso hóquei em patins encontram fantasmas por todo o lado. A marcação deste jogo para esta data foi condicionada por varios factores, desde a própria competição da terceira divisão, a taça de portugal bem como as obras que decorrem no pavilhão do Fão. A data está marcada e que fique bem claro que não houve qualquer intenção de arranjar ou favorecer quem quer que seja. Álias houve muito pouca recetividade em encontrar e resolver esta situação. Confesso que perante todos os cenários, esta data é a possivel".
Sobre a possibilidade de o Pessegueiro de Vouga impugnar a prova , Paulo Rodrigues referiu
" Não merece qualquer comentário. É um direito que assiste a qualquer clube em mostrar que não está de acordo. As pessoas são livres de se manifestarem"

Taça de Portugal - HC Braga salva o Minho





Das quatro equipas minhotas da primeira divisão que iniciaram a participação na Taça de Portugal apenas o HC Braga continua em prova.
Após o sorteio dos 16/ avos a turma bracarense era a que tinha a missão mais complicada já que defrontava outra equipa do escalão maior da modalidade, enquanto que OC Barcelos, Juv Viana e Riba d’Ave defrontavam clubes da segunda divisão nacional.
Acabou por seguir em frente a equipa que tinha o jogo mais difícil. O HC Braga venceu em Valongo por 4-3 e passou aos oitavos de final da Taça, sendo pois o único representante do Minho no sorteio da próxima eliminatória.
Pelo caminho ficou de forma surpreendente ou não o OC Barcelos que visitou Turquel, clube que já garantiu o regresso à primeira divisão e perdeu por 7-3. Os barcelenses nunca conseguiram reagir ao maior caudal ofensivo dos locais onde ao intervalo já perdiam por 3-0. Já a Juventude de Viana em São João da Madeira também caiu aos pés de um clube de divisão inferior a Sanjoanense por 8-4. Os primeiros minutos foram fatais para os vianenses que mal tinha aquecido e já perdiam por 3-0. Por fim o Riba d’Ave foi afastado pelos Carvalhos da segunda divisão por um golo de diferença, 7-6. O afastamento da prova só aconteceu nos últimos minutos quando o Carvalhos virou de 5-6, para o 7-6 final.
Não foi só a eliminação dos minhotos a única surpresa esta eliminatória.
O actual detentor do troféu a Oliveirense afastou no Dragão o FC Porto por 4-2.
Da primeira divisão também foram afastados por equipas inferiores o Gulpilhares que perdeu em Lavra por 4-1 e o Cambra superiorizou-se ao Física por 6-4 e para o HC Marco que afastou o Infante Sagres por 8-2.
Referencia para o único representante da terceira divisão o Sobreira que superou do escalão superior o Caco por 5-4

Apurados
1ª Divisão
Benfica, HC Braga, Oliveirense, Paço d’Arcos, Tigres, Espinho
2ª Divisão
Cambra, Carvalhos, HC Marco, Sanjoanense, Turquel, Lavra, Escola Livre
3ª Divisão
Sobreira

Resultados dos 16/Avos de final da Taça de Portugal

AD Valongo (1D) 3 HC Braga (1D) 4
Turquel (2D) 7 OC Barcelos (1D) 3
Sanjoanense (2D) 8 Juv Viana (1D) 4
Carvalhos (2D) 7 Riba d’Ave (1D) 6
FC Porto (1D) 2 Oliveirense (1D) 4
Benfica (1D) 4 Candelária (1D) 3
Lavra (2D) 4 Gulpilhares (1D) 1
HC Marco (2D) 8 Inf Sagres (1D) 2
Cambra (2D) 6 Física (1D) 4
Oeiras (2D) 2 Tigres (1D) 4
Esc. Livre (2D) 3 Tomar (2D) 2
Alenquer (2D) 3 Paço d’Arcos (1D) 4
Sobreira (3D) 5 Ourique (2D) 4

Realizam-se a 12 de Maio
Núcleo Sportinguista da Ilha Terceira – Biblioteca
Académico – União Micaelense

4.25.2012

Taça de Portugal - OC Barcelos eliminado em Turquel por 7-3.




Na visita à " Aldeia do Hóquei ", muito bem composta de publico, o OC Barcelos ficou pelo caminho na taça de Portugal após sair derrotado por 7-3.
Os minhotos começaram o jogo com Paulo Matos, Jorge Maceda, Nuno Almeida, Carlos André e André Centeno.
A partida começou equilibrada mas o Turquel acabaria por inaugurar o marcador por Vasco Luís em jogada de insistência no ataque da equipa da casa.
A perder os minhotos reagiram e começaram a criar perigo mas seria o Turquel a marcar de novo desta vez por Paulo Passos.
O treinador do Barcelos mexeu e colocou em ringue Zé Pedro e Nuno Félix tentando dar outra vivacidade ao ataque barcelense. A equipa da casa optou por jogar em contra ataque, situação que foi aproveitada por Vasco Luís para aumentar para 3-0, garantindo um confortável resultado ao intervalo. As equipas recolheram aos balneários com seis faltas para o Turquel e quatro para o Barcelos.
Esperava-se uma reacção por parte dos minhotos mas foram os locais que conseguiram ampliar para 4-0 novamente por Vasco Luís.
A perder por essa diferença o Barcelos arriscou tudo mas jogou sempre mais com o coração do que com a cabeça. O Turquel em contra ataque elevou de novo o resultado para 5-0 por Gonçalo Santos a pouco mais de onze minutos do fim. O mesmo jogador fez o 6-0 de livre directo após a décima falta de equipa do Barcelos levando ao rubro o pavilhão do Turquel.
Na resposta Jorge Maceda reduziu de livre directo para 6-1 apos décima falta de equipa dos locais. O veterano jogador do Barcelos podia ter feito o segundo golo mas não aproveitou um livre directo a castigar cartão azul a André Luís. Os minhotos conseguiram fazer o 6-2 por André Centeno.Na resposta Vasco Luís ainda fez o 7-2, para Nuno Félix de grande penalidade fazer o 7-3 e atenuar a diferença no resultado final.

Infantis - ADB Campo vence em Penafiel por 6-0

A ADB Campo deslocou-se a Penafiel e derrotou a equipa da casa por 6-0 em partida a contar para a sexta jornada da prova.
Com esta vitória a ADB Campo passou para a liderança com 17 pontos em igualdade pontual com a equipa do Infante Sagres.


Iniciados do HC Braga vencem Penafiel por 11-2

A equipa do HC Braga defrontou e goleou o Penafiel por 11-2
Os golos foram apontados por André Silva e Carlos Loureiro com três, Guilherme Ferreira dois e um cada de Duarte Azevedo, Gonçalo Meira e de Sofia Silva.
Com esta vitória a equipa minhota soma agora 21 pontos e mantêm a primeira posição.

Juniores do OC Barcelos vencem Povoa por 7-3

Em partida a contar para a 9ª jornada do nacional de Juniores, o OC Barcelos recebeu e venceu o Povoa por 7-3.
Na primeira volta na Povoa de Varzim os minhotos já tinham ultrapassados os poveiros por 6-3.
Com este triunfo o OC Barcelos manteve a terceira posição agora com doze pontos, enquanto que o Povoa continua na ultima posição com três pontos.
Acrescente-se que neste grupo A da zona norte, a AD Valongo e o HC Braga já se apuraram para a próxima fase de decisão rumo à final four.

Taça de Portugal - HC Braga joga em Valongo às18h



Num dos jogos que coloca equipas da primeira divisão o sorteio ditou que a equipa minhota do HC Braga defronta-se fora de portas a AD Valongo.
Os bracarenses partem para este jogo motivados mas algo apreensivos com a dupla de arbitragem nomeada como referiu ao Hóquei Minhoto o treinador Vítor Silva.
" O HC Braga em todos os jogos entra para fazer o melhor. Vai ser uma partida complicada, num pavilhão muito difícil. Estou algo preocupado com a dupla de arbitragem nomeada para este jogo. Vamos ser fortes e acreditar no nosso valor para tentar seguir em frente na prova."
A dupla de arbitragem nomeada é António Santos e Paulo Almeida de Aveiro.

Taça de Portugal - OC Barcelos joga em Turquel às 21h



É um dos jogos aguardados com maior expectativa desta eliminatória entre clubes de divisões diferentes.
O OC Barcelos joga na chamada "aldeia do Hóquei " em Turquel, frente ao conjunto da casa que vive nesta altura em festa por ter alcançado na passada jornada o regresso ao escalão maior da modalidade.
Pelas declarações proferidas ao Hoquei Minhoto o treinador do Barcelos José Querido prevê um jogo muito difícil.
" Vai ser uma partida complicada frente à equipa que joga melhor hóquei em patins na segunda divisão nacional.  Vamos encontrar um ambiente fervoroso por parte dos adeptos da equipa do Turquel que vivem intensamente o clube. No entanto o Barcelos vai fazer o seu jogo procurando atingir o objectivo de estar presente na final four da prova".
Os minhotos não tem boas recordações de Turquel já há dois anos os minhotos foram eliminados da prova pela equipa dos arredores de Alcobaça., perdendo por 4-2.
Para este jogo a ter inicio às 21h foram designados os árbitros Miguel Guilherme e Jorge Ventura de Lisboa

Taça de Portugal - Juv de Viana joga em São João da Madeira




A Juventude de Viana não tem tarefa fácil na sua estreia na Taça de Portugal. Os minhotos jogam às 18h frente à Sanjoanense, uma equipa que no seu ringue é bastante aguerrida nomeadamente quando recebe equipas de escalão superior como é o caso . Os locais que ocupam a quinta posição na segunda divisão zona norte certamente que irão criar bastantes dificuldades aos minhotos. Ja a equipa vianense tentará ganhar com a passagem á próxima eliminatória alguma moral para enfrentar os difíceis jogos que se aproximam na sua luta pela manutenção na primeira divisão.
Para este jogo forma nomeados os árbitros, António Teixeira do Minho e Manuel Oliveira de Aveiro

Taça de Portugal - Riba d'Ave joga nos Carvalhos



O Riba d'Ave desloca-se aos Carvalhos para tentar seguir em frente na Taça de Portugal.
Como equipa da primeira divisão os minhotos iniciam a prova num reduto sempre muito complicado e perante um conjunto que disputa a segunda divisão. Os locais que andaram no campeonato da segunda divisão algum tempo nos primeiros lugares e que chegaram a estar na luta pela subida procuram também na taça fazer uma boa campanha.
Na anterior eliminatória os Carvalhos eliminaram uma equipa minhota, a AD Limianos por 6-2.
O jogo tem inicio marcado para as 18h e será dirigido por Vítor Roxo de Leiria  e Luís Inácio do Ribatejo.

4.24.2012

Taça de Portugal - Benfica vence Candelária por 4-3





No primeiro jogo dos 16/ avos de final da taça de Portugal, o Benfica afastou o Candelária da prova vencendo por 4-3, num dos jogos que coloca frente a frente equipas da primeira divisão. O golo do triunfo surgiu no final da partida apontado por Carlos Lopez na transformação de um livre directo a castigar a décima falta da equipa dos Açores.
Uma partida jogada a grande velocidade por parte das duas formações. Ao intervalo registava-se uma igualdade a uma bola. Na etapa final o Benfica conseguiu uma vantagem de dois golos, mas o Candelária reagiu e empatou a três bolas mesmo depois de ter desperdiçados dois livres directos.
A equipa encarnada é assim a primeira formação a passar aos oitavos de final da competição.



Portugues Tiago Barbosa conquista Taça de França




O jogador portugues que alinhou nas equipas minhotas do Barcelos, Braga e Juventude de Viana conquistou no passado fim de semana a Taça de França ao serviço do St Omer. Na final disputada em Quevert a equipa do portugues derrotou a formação da casa por 2-1.
Tiago Barbosa não marcou mas ajudou com a sua prestação a que a Taça fosse para St Omer.
Quanto ao jogo começou melhor o St Omer que chegou cedo ao primeiro golo por Francesco Dolve. No entanto o Quevert alcançou a igualdade por Andreau Thomas. Ainda na primeira parte o St Omer ganhou vantagem por Floran David.
Na segunda parte apesar das inumeras oportunidades de golo, o marcador nao sofreu mais nenhuma alteração.
Uma partida onde a comitiva do St Omer tem razões de queixa da arbitragem que apresentou uma dualidade de criterio sempre em prejuizo da equipa de Tiago Barbosa ou nao fosse a final em e contra o Quevert.
Parabens Tiago

III Divisão - Pessegueiro de Vouga pretende impugnar campeonato


A equipa sénior masculina da Associação Cultural e Recreativa de Pessegueiro do Vouga (ACRPV)
disputou nesta época de 2011-2012 o Campeonato Nacional de Hóquei em Patins da III Divisão –
Zona Norte, Campeonato esse que deveria ter tido o seu final no passado Sábado, 21 de Abril, data
em que se realizou a sua última jornada.

Dizemos “deveria”, uma vez que, estranhamente, a Federação de Patinagem de Portugal (FPP)
ordenou, para o dia 28 de Abril, uma semana após estar agendado o final daquela prova (21 de
Abril), a repetição do jogo nº 680 (referente à 4ª jornada), que opõe as equipas do HC Fão ao CAR
Taipense. A repetição deste jogo surge na sequência do deferimento do protesto apresentado pelo
CAR Taipense e irá decidir qual a segunda equipa a ascender à 2ª Divisão Nacional: a ACR
Pessegueiro do Vouga ou o CAR Taipense.
Em tempo oportuno, ou seja, quando tomámos conhecimento (via site da FPP) da data de realização
daquele jogo (28 de Abril), manifestámos, junto da FPP, a nossa indignação, sem que, da parte
daquele organismo fosse tomada qualquer medida que conduzisse à alteração da decisão
anteriormente tomada.
Porque considerámos que, e independentemente dos resultados da última jornada, a verdade
desportiva da prova foi e está posta em causa com aquela decisão da FPP, tomámos a decisão de
efetuar o último jogo do Campeonato (HC Fão – ACRPV) sob protesto.
Esta foi a primeira forma de mostrar, junto da FPP, a nossa indignação e discordância com a decisão
de marcação da repetição do jogo para depois de terminado o Campeonato. Tomaremos todas as
medidas que, legalmente e de acordo com os regulamentos federativos, possamos tomar. A próxima
etapa será a impugnação da homologação do Campeonato Nacional da III Divisão – Zona Norte –
com as consequências que daí possam advir.
Em todo este processo, nada nos move contra qualquer clube, mas tão só contra a decisão proferida
pela FPP que, como já foi referido, coloca em causa a verdade desportiva que se queria e quer em
todas as provas desportivas.
Somos um “pequeno” clube em termos de dimensão e visibilidade, mas “GRANDE” em termos de
seriedade no trabalho que realiza. Seriedade e transparência é que aquilo que pedimos e exigimos
de todos os intervenientes.
Faremos o que estiver ao nosso alcance para que a verdade desportiva impere.
Pessegueiro do Vouga, 23 de Abril de 2012.
A Direção da ACR Pessegueiro do Vouga

4.23.2012

Iniciados - OC Barcelos vence ADB Campo por 5-0



O OC Barcelos recebe e venceu a ADB Campo em jogo referente à sétima jornada  do nacional de iniciados.
Ao intervalo o OC Barcelos já vencia por 2-0 com golos de Serafim Silva aos 7' e de Miguel Sardinha aos 10', dando assim uma real noção à maior posse de bola por parte do OC Barcelos.
Na segunda parte a ADB Campo procurou marcar tendo criado varias situações para concretizar. Também o OC Barcelos podia ter marcado mas os dois guarda redes brilhavam em ambas as balizas.
Só nos últimos cinco minutos é que apareceram novos golos e para o OC Barcelos na transformação de uma grande penalidade por Vítor Braga e depois  por Afonso Lima, Francisco Gonçalves
Pela postura e entrega dos jogadores da ADB Campo o golo de honra seria mais que merecido.
Com esta vitória o OC Barcelos igualou o HC Braga na frente da prova ambos com dezoito pontos.
Na próxima jornada o OC Barcelos joga em Paços de Ferreira, o HC Braga recebe o Penafiel e a ADB Campo desloca-se a Lavra.

Pavilhão Municipal de Barcelos
Árbitro : Cláudia Rego
Ao intervalo: 2-0

OC Barcelos
João Matos, Serafim Silva, David Costa, Miguel Sardinha, Daniel Moutinho, Afonso Lima, Vítor Braga, Francisco Gonçalves, Francisco Alegria e João Fernando.
Treinador: Luís Silva

ADB Campo
Luís Costa, Elói Martins, Carlos Campos, Ruben Araújo, Ricardo Maciel, Pedro Silva e Gabriel Pinto
Treinador: Nuno Gomes







Partiu José Leste, um dos heróis do Campeonato do Mundo de 1982




José Leonilde Santos Leste nasceu em Oliveira de Azeméis a 8 de janeiro de 1959. Em 1973, iniciou a prática do hóquei em patins na Associação Juventude Salesiana. Defendeu também as cores do SL Benfica e do Sporting e teve ainda uma passagem por Itália.
José Leste foi internacional português por 68 ocasiões: 14 como júnior e 54 como sénior. Enquanto júnior, participou nos Campeonatos da Europa de Juniores em 1977 e 1978, competições em que Portugal terminou no 2º lugar.
Como sénior, defendeu a Seleção Nacional no Campeonato da Europa de 1981 (2º) e nos Campeonatos do Mundo de 1982 (1º), 1984 (3º) e 1986 (3º). Participou ainda na Taça das Nações em 1982 (3º) e nos Jogos Mundiais de 1985 (3º).
No Campeonato do Mundo de 1982, em Barcelos, Portugal sagrou-se Campeão do Mundo e José Leste arrecadou o título de melhor marcador com 39 golos apontados.
Ao longo de toda a sua carreira internacional, José Leste assinou 140 golos.
José Leste tinha 53 anos. Faleceu a 22 de abril de 2012, vítima de doença prolongada. A família do Hóquei em Patins ficou seguramente mais pobre com o desaparecimento de um dos seus mais ilustres atletas.


fonte: FPP

Infantis – Zona Norte A – Tudo em aberto para a próxima fase.


Infantis – Zona Norte A – Tudo em aberto para a próxima fase.

Ao fim de sete jornadas ainda nenhuma equipa conseguiu garantir matematicamente a passagem à fase seguinte.
Das seis equipas, quatro ainda podem seguir para o apuramento para a final four.
Em melhor posição está neste momento a equipa do Inf Sagres que é primeira com 17p, seguida da AD Valongo com 15p, ADB Campo com 12p e do FC Porto com 10p.
No entanto no meio disto a equipada ADB Campo tem menos um jogo realizado em casa frente ao Penafiel.
Do fim-de-semana passado o Inf Sagres venceu em Penafiel por 6-1, a ADB campo empatou em casa a três bolas com o Valongo e o FC Porto também igualou a três tentos em casa com a ED Viana.
Na próxima ronda que promete emoção, o Inf Sagres recebe a ADB Campo, o FC Porto no seu reduto joga com o Penafiel e a ED Viana recebe a AD Valongo.
Como adversários da Zona Norte B, Gulpilhares e CH carvalhos são as equipas apuradas.

Juvenis - OC Barcelos e HC Braga decidem quem acompanha o FC Porto


Juvenis – Zona Norte A

OC Barcelos e HC Braga decidem quem acompanha o FC Porto

Na categoria de juvenis na Zona Norte A, o FC Porto já tem presença garantida na próxima fase após vencer na sétima jornada realizada este fim-de-semana a equipa da ED Viana por 7-2. No grupo da Zona Norte B, o CH Carvalhos já tem a passagem confirmada, faltando saber quem o acompanha das três equipas, Inf Sagres, Cambra ou Mealhada.
Até ao momento os portistas somam por vitórias todos os oito jogos disputados.
Resta pois saber quem fica em segundo, com o OC Barcelos e HC Braga a serem os únicos candidatos neste momento a essa posição. Ambas as equipas estão em condições de terminar nesse lugar estando nesta altura separadas por três pontos com o OC Barcelos em segundo com 18p enquanto que o HC Braga soma 15p.
Atrás estão ED Viana com 6p, Valongo e Juv Pacense com apenas quatro pontos conquistados.
Na próxima jornada a recepção do OC Barcelos ao HC Braga pode decidir ou não quem passa à fase seguinte em jogo marcado para o pavilhão municipal de Barcelos domingo às 15.30h. Na primeira volta os barcelenses venceram em Braga por 4-2.
Quanto aos outros jogos o líder FC Porto recebe a Juventude Pacense enquanto que a AD Valongo joga em Viana do Castelo.

Juniores - AD Valongo e HC Braga garantem passagem à próxima fase



AD Valongo e HC Braga garantem passagem à próxima fase

Ao fim da sétima jornada a AD Valongo e o HC Braga confirmaram a passagem à próxima fase do nacional de juniores Zona Norte A e vão medir forças para já com o FC Porto vencedor da Zona Norte B. Resta esperar pelo outro adversário que sairá da dupla Gulpilhares e Sp Tomar.
Desde muito cedo que verificou que seriam estas duas equipas a garantir a presença no apuramento para a final four da categoria.
Da sétima jornada ficam as vitórias do HC Braga por 7-1 na Povoa, da AD Valongo em casa por 7-5 diante a Juventude de Viana e do triunfo do OC Barcelos em casa por 7-2 sobre a equipa do Lavra.
Perante estes resultados a AD Valongo lidera com 21p, seguido do HC Braga com 18p. Na terceira posição está o OC Barcelos com 9p, Juv de Viana e Lavra com 6p e na ultima posição o Povoa com apenas 3p.
Na próxima ronda que começa sexta-feira o OC Barcelos joga em Viana do Castelo enquanto que no Domingo o HC Braga joga em Lavra e o Povoa recebe o Valongo.
Olhando para a classificação o jogo da ultima jornada decidirá que termina na primeira posição com o HC Braga a receber o Valongo. Na primeira volta os valonguenses venceram os bracarenses por 9-5.

I Divisão - Juv Viana com contas complicadas

A preceito, com uma moldura humana significativa, o pavilhão municipal de Monserrate vestiu-se de gala para receber o SL Benfica, um dos “gigantes” do hóquei em patins nacional. No encontro da 23ª jornada do campeonato da primeira divisão, um aguerrido conjunto da Juventude de Viana não foi capaz, contudo, de contrariar os superiores argumentos de uma formação encarnada que, auxiliada pelo hat trick do filho da terra Luís Viana, triunfou por um esclarecedor 9-4.
Numa partida que, teoricamente, não faria parte do “campeonato” dos homens da casa, o técnico laranja Pedro Sampaio escalou o guardião Jorge Correia, habitualmente suplente, para o cinco inicial. Inicialmente com mais bola, determinada em, perante o seu público afecto, dar a melhor réplica possível, a turma laranja viu, no entanto, a sua estratégia “abalroada” bem cedo. O capitão Valter Neves quebrou a resistência local ao minuto seis, a que se seguiram, pouco depois, os tentos de Diogo Rafael e Carlos López. Pelo meio, numa altura em que o desnorte laranja imperava, destaque para Jorge Correia que, com uma boa defesa, negou novo golo visitante na cobrança de uma grande penalidade.
Já com Luís Viana em campo, os pupilos de Luís Sénica, senhores das principais incidências no retângulo de jogo, apoiados na sua maior qualidade técnica, davam indicações de não estarem para grandes “correrias”. O momento ideal para a Juventude de Viana, por intermédio de Didi, reentrar na discussão do duelo. Depois de inaugurar o marcador local na marcação exímia de um livre direto, a que se juntou o castigo de reduzir os encarnados a quatro unidades, o internacional brasileiro cifrou a margem mínima do placard (2-3), quando faltavam cinco minutos por disputar no primeiro tempo. Acreditar momentâneo, uma vez que João Rodrigues anunciou o intervalo com novo “golpe” da águia.
 Ciente das dificuldades que ainda teria pela frente, a turma da Princesa do Lima ditou o inevitável desfecho, em definitivo, estavam decorridos apenas 36 segundos do segundo tempo. De águia ao peito, ele que já envergou o manto laranja, Luís Viana fez o primeiro da conta pessoal. Cifrado o 2-5, Cacau e, novamente, Viana, na marca de penálti, embalaram os homens da Luz até ao 2-7.
Num embate onde Pedro Sampaio rodou toda a equipa à sua disposição, com Leonardo Pais a defender as redes locais na segunda metade, César Pinheiro, à lei da bomba (3-7), escreveu o seu nome na lista de goleadores. Sem nunca desistir, embora menos clarividentes na abordagem ao jogo, batalhando mais com o coração do que com a razão, os guerreiros de Monserrate viram Diogo Fernandes fazer o derradeiro gosto ao stick, já depois de Luís Viana completar o hat trick.

Diogo Rafael, a bisar, fechou a contabilidade de uma noite que deixou a Juventude de Viana na 13ª posição, com 18 pontos, a cinco da linha de água, o que equivale a dizer, do mais próximo rival direto na luta pela manutenção, Espinho, que, nesta ronda, venceu (8-4), surpreendentemente, em casa, o campeão em título FC Porto.
 
fonte:  http://desportoemviana.blogspot.pt/

HC Fão decide "vida" do Cartaipense e de outros....

III Divisão Zona Norte – HC Fão decide “vida” do Cartaipense e de outros…

Com os resultados verificados na ultima jornada, onde o HC Fão venceu o Vouga por 7-6 e o Cart perdeu em Fanzeres por 5-3, o jogo de repetição entre os minhotos, o HC Fão e Cartaipense que se realiza no dia 28 de Abril, sábado às 18h em São Salvador do Campo será determinante para se conhecer quem acompanha o Sobreira na subida à segunda divisão nacional.
Neste momento duas equipas estão na luta por esse objectivo. O Pessegueiro de Vouga que soma 35 pontos e o Cartaipense que tem 32 pontos.
Sendo assim a repetição da partida entre o Fão e o Cart ordenada pela Federação Portuguesa de Patinagem por erro técnico do árbitro tem uma importância decisiva para a equipa das Taipas.
No pavilhão da ADB Campo a formação do Cart para subir tem de vencer o seu adversário. Caso isso aconteça, Cart e Pessegueiro terminam a prova ambos com 35 pontos, mas a vantagem é para os minhotos que no confronto directo são superiores já que venceram em casa por 5-1 e voltaram a somar uma vitória em Vouga por 5-3.
Um jogo que promete já que também o Fanzeres está interessado no desfecho do jogo porque ainda pode subir caso se confirmem as desistências anunciadas por clubes que disputam a segunda divisão.
Recorde-se que no jogo desta segunda volta as duas equipas empataram a zero bolas na partida que se realizou nas Taipas.
O palco, o pavilhão de São Salvador do Campo deverá ser pequeno para tanta gente interessada num jogo entre "minhotos".

4.22.2012

Faleceu José Leste antigo internacional de hóquei em patins





É com profundo pesar e tristeza que informamos do falecimento, aos 50 anos, do antigo Internacional de hóquei em patins José Leste.
José Leste iniciou-se na Modalidade ao serviço da Juventude Salesiana, jogando ainda no SL Benfica e no Sporting CP. O hoquista, que faleceu este domingo 22 de abril, vestiu a camisola da Seleção Nacional por 68 vezes, tendo-se sagrado Campeão do Mundo, em Barcelos '82.
A família do Hóquei em Patins fica seguramente mais pobre, com o desaparecimento de um dos seus mais ilustres atletas, o Blog Hóquei Minhoto endereça as mais sentidas condolências à família e amigos.

fonte: FPP

OC Barcelos vence derby por 10-4 sobre o Riba d'Ave


Foi bastante movimentado o derby minhoto que colocou o OC Barcelos no seu reduto ao Riba d’Ave especialmente nos primeiros sete minutos de jogo, altura em que apareceram os primeiros cinco golos do encontro. Uma partida que marcou a estreia de José Querido no comando técnico dos barcelenses.
Marcaram primeiro o Riba d’Ave por André Alves aos 2’. Respondeu o OC Barcelos por Jorge Maceda aos 3’. Em toada de ataque por parte das duas equipas o Riba d’Ave voltou a marcar aos 5’ por André Alves. Aos 6’ foi a vez de António Cruz aumentar para 3-1. No lance imediato André Centeno reduziu. A partir dai o jogo apesar de bastante movimentado, os golos tardaram em aparecer para desânimo dos poucos espectadores presentes, cerca de uma centena.



Foi precisar esperar pelo 19’ para acontecer novo golo desta vez para o OC Barcelos por Nuno Félix na transformação de uma grande penalidade, empatando assim o jogo a três bolas.
Ainda na primeira parte o Barcelos conseguiu ganhar vantagem por Carlos André aos 22’ num lance que motivo muitos protestos da equipa do Riba d’Ave e que castigou com cartão azul o capitão Joel Ferreira. A jogar com mais um elemento o OC Barcelos conseguiu aumentar novamente por Carlos André aos 23’.
No lance imediato o OC Barcelos cometeu a sua décima fata mas Miguel Soares não conseguiu superar no livre direto o guarda-redes Paulo Matos, mantendo os barcelenses a vencer por 5-3 em tempo de descanso.
Quanto à segunda parte o Barcelos entrou forte e logo aos 2’ aumentou para 6-3 por Zé pedro
Jogando de igual o Riba d’Ave procurou incomodar a baliza do Barcelos que na segunda parte foi defendida por Ginho tendo António Cruz rematado à barra aos 8’.
Com o perigo a rondar as duas balizas o golo podia aparecer a qualquer momento. Primeiro foi o Barcelos que desperdiçou uma grande penalidade foi Nuno Félix a rematar à barra. No lance imediato António Cruz não conseguiu superar Ginho num livre direto a castigar a décima quinta falta da equipa de Barcelos. O golo finalmente apareceu e para os barcelenses por Nuno Félix aos 14’ em jogada de contra ataque. Segundos depois foi a vez de Jorge Maceda ampliar para 8-3.
A partida estava completamente aberta e o perigo era uma constante nas duas balizas. O Riba d’Ave sem nunca baixar os braços pecava na finalização. Que o diga Joel Ferreira que aos 15’ desperdiçou uma grande penalidade. Quem não marca sofre e Jorge Maceda em mais uma jogada de contra ataque aumentou para 9-3. Ao 18’ Hugo Costa viu o cartão azul sendo o Barcelos castigado com um livre direto que foi aproveitado na recarga por André Alves fazendo o 9-4.
Dois minutos volvidos o Óquei aumentou para 10-4 por Nuno Almeida fixando o placard final.

Discurso dos intervenientes

José Querido treinador do OC Barcelos
“ A equipa deu uma boa resposta depois da derrota em Braga. O Barcelos tem experiência e disponibilidade para lutar sempre pela vitoria em qualquer jogo. Vamos procurar fazer boa figura na Taça de Portugal onde queremos estar na final four e tentar terminar o campeonato no sexto lugar se possível. Quero deixar uma palavra para o Zé Fernandes onde lhe desejo as maiores felicidades. Comigo no Barcelos vou ter uma guerra que é voltar a encher este pavilhão com os nossos adeptos."


António Cruz jogador do Riba d'Ave
" Penso que pelo que fizemos o resultado é algo desnivelado. Entramos bem no jogo mas depois algumas decisões dos árbitros desorientaram a equipa. O Barcelos acabou por ser mais forte na segunda parte. Vamos procurar dignificar a camisola ate ao fim do campeonato".



Ficha técnica
Pavilhão Municipal de Barcelos
Árbitros: Rego Lamela e Júlio Teixeira
Ao intervalo 5-3
Resultado final: 10-4
Cartões azuis: Hugo Costa, Joel Ferreira

OC Barcelos 10
Paulo Matos, António Leal, Jorge Maceda (3g), André Centeno (1g) e Hugo Costa
Jogaram ainda: Ginho gr, Zé Pedro (1g), Nuno Félix (2g), Nuno Almeida (1g) e Carlos André (2g)

Riba d’Ave 4
João Costa, Pedro Salgado, António Cruz (1g), André Alves (3g) e Joel Ferreira
Jogaram ainda: Pedro Sousa, Vítor Pimenta, Diogo Machado, José Soares
Treinador: Horácio Ferreira

4.21.2012

Resultados finais de seniores

1ª divisão
Inf Sagres 1 Candelária 5
Paço d'Arcos 4 Gulpilhares 5
Física 2 Oliveirense 4
Valongo 3 Tigres 3
AA Espinho 8 FC Porto 4
OC Barcelos 10 Riba d'Ave 4
Juv Viana 4 Benfica 9

II Divisão
Carvalhos 11 Famalicense 4
Escola Livre 6 Acad Feira 5
Paço de Rei 5 HC Marco 6
Juv Pacense 6 Mealhada 9
Fund Nortecoope 4 Sanjoanense 7
Lavra 5 Povoa 5


III Divisão
HC Fão 7 Pessegueiro Vouga 6
Fanzeres 5 Cartaipense 3
( jogo de repetição dia 28 de Abril entre o HC Fão e o CART decide quem fica em segundo e sobe de divisão)

Repetição do HC Fão - CART decide promoção do segundo lugar

Com a vitória do HC Fão sobre o Pessegueiro de Vouga por 7-6 , o jogo de repetição entre o HC Fão e o CART vai decidir quem acompanha o Sobreira na subida à segunda divisão nacional.
O Cartaipense que perdeu em Fanzeres por 5-3 terá agora de conquistar uma vitoria para subir diante a outra equipa minhota. O jogo esta marcado para o dia 28 de Abril!!!!

4.20.2012

José Querido novo treinador do OC Barcelos




José Querido esta de regresso ao OC Barcelos.
O treinador barcelense será apresentado hoje  às 18h e já orientará o treino desta sexta feira. O novo técnico estará também no banco para dirigir a equipa no derby minhoto de amanha sábado às 21horas frente ao Riba d’Ave no pavilhão municipal de Barcelos. Depois da saída de José Fernandes a equipa foi dirigida por Paulo Machado no jogo realizado quarta-feira passada em Braga. José Querido é a aposta da SAD do OC Barcelos até ao final da presente temporada e para a próxima época.
O treinador minhoto que foi campeão nacional pelo OC Barcelos, esta assim de voltar após passagens por Vilanova, Liceo da Corunha, Juventude de Viana, Portosantense. Nesta época esteve a orientar a turma da Oliveirense mas acabou por em finais de Novembro de Oliveira de Azeméis.
José Querido nunca escondeu mesmo jogando contra o Óquei a sua admiração e respeito pelo OC Barcelos.

4.19.2012

I Divisão - Juv Viana perde com a Oliveirense por 6-4

A equipa de Viana do Castelo viajou a Oliveira de Azeméis e não conseguiu pontuar para se aproximar dos lugares de permanência na primeira divisão.
O adversário era difícil mas a primeira parte foi fatal para os minhotos já que permitiram que a turma da casa fosse em vantagem por 4-1 com o tento minhoto a ser apontado por Rodrigo Sousa.
O resultado já era desnivelado e mais ficou logo no inicio da etapa final quando Vítor Hugo aumentou para 5-1, dando assim à equipa de Nuno Resende uma margem para controlar o marcador.
Reagiram os vianenses com Álvaro Pinto a fazer o 5-2, mas a equipa da casa nunca deixou que os minhotos crescessem e voltaram a marcar.
Até ao fim a Juventude de Viana ainda marcou mais dois golos por Didi que foram insuficientes para impedir um resultado positivo.
Com esta derrota a Juventude de Viana mantêm-se abaixo da linha de permanência ocupando a 13ª posição com dezoito pontos, a dois do Espinho, primeira equipa em zona de manutenção.
Na próxima ronda a Juventude de Viana tem mais um jogo muito complicado com a recepção ao Benfica. 

I Divisão - HC Braga vence OC Barcelos por 5-1


Num dos  sempre apetecíveis  derbys minhotos, o HC Braga recebeu e venceu o OC Barcelos por 5-1, resultado que permitiu aos bracarenses subirem na tabela e inclusive ultrapassar os barcelenses.
A viver um excelente momento a equipa do HC Braga conseguiu ser melhor que o seu adversário na finalização. Uma partida que marcou a estreia de Paulo Machado à frente da equipa barcelense e que contou com ex treinador José Fernandes na bancada agora como espectador da modalidade.



O jogo começou com um ritmo agradável onde as duas equipas encaixaram perfeitamente uma na outra, pelo que os primeiros minutos as oportunidades de golo foram cause nulas, à excepção de remates de meia distancia. Curioso também foi que o jogo teve a sua primeira falta de equipa já estavam decorridos cerca de sete minutos.
A primeira grande situação de golo apareceu aos 13' e para o Braga, mas Vítor Oliveira rematou ao poste e na recarga fez o mesmo desperdiçando um livre directo após cartão azul mostrado a Nuno Almeida. A partida ganhou emoção e aos 15' apareceu o primeiro tento por Hélder Nunes após passe de Rafa.
O OC Barcelos reagiu e ainda antes do intervalo fez o empate por Nuno Almeida que com um remate cruzado surpreendeu o guarda redes Guilherme Silva , levando as duas equipas empatas em tempo de descanso.




Na segunda parte o Barcelos procurou ser mais ofensivo e tentou explorar o facto de o HC Braga ter nove faltas de equipa. No entanto acabaria por ser a equipa da casa a marcar e novamente por Hélder Nunes aos à passagem dos 4'.
Volvidos dois minutos o Barcelos cometeu a décima falta de equipa  mas Hélder Nunes não conseguiu ultrapassar Ginho. Aos 10' mais uma oportunidade para os barcelenses com mais um livre directo por cartão azul a Hélder Nunes onde Jorge Maceda não soube superar o guarda redes bracarense. A jogar com mais um elemento o OC Barcelos não aproveitou essa situação para chegar à igualdade. O momento do jogo surgiu aos 15' com o OC Barcelos a desperdiçar mais um livre directo , desta vez por Zé Pedro em mais uma defesa de Guilherme Silva. No lance seguinte a velha história de que quem não marca sofre e foi o que aconteceu com Hélder Nunes a fazer o 3-1.
Os barcelenses ja a jogar de forma desesperada arriscaram, permitindo facilidades na sua defesa, situação que foi aproveitada por Luís Filipe para aumentar para 4-1 aos 20'. Para acabar com qualquer duvida em relação ao vencedor Rafa fez o 5-1 aos 23'.
Até ao fim do jogo  mais do mesmo ou seja Guilherme Silva a brilhar e o Barcelos a desperdiçar mais um livre directo desta vez por Hugo Costa.
Com esta vitoria a equipa do HC Braga subiu ao sétimo lugar somando agora vinte e seis pontos , mais um que o OC Barcelos que surge logo a seguir na tabela classificativa.
Na próxima ronda o HC Braga joga folga enquanto que o OC Barcelos tem novo derby desta vez no seu reduto com o Riba d'Ave.

Discurso dos treinadores

Vítor Silva do HC Braga
" Sabíamos que era um jogo onde precisávamos de pontos. Tínhamos de facturar nesta luta pela manutenção. A partida foi bem disputada por duas equipas que se enquadraram nos primeiros minutos. Não costumo individualizar mas neste jogo o Guilherme Silva e o Hélder Nunes foram decisivos. O Braga precisava de um jogo a assim para que esta juventude se solta-se. É sempre bom vencer um derby".

Paulo Machado do OC Barcelos
" Não foi a melhor estreia. No entanto a grande diferença neste jogo esteve na finalização. O Braga bem organizado conseguiu anular o nosso sistema ofensivo. Fizemos pressão, tentamos tudo mas não conseguimos. Foi um jogo em que se decidiu nos pormenores".

ficha técnica
pavilhão das Goladas em Braga
Árbitros: Paulo Romão, Luís Peixoto e Cláudia Rego
Ao intervalo: 1-1
Cartões azuis : Hélder Nunes, Jorge Maceda e Luís Filipe

HC Braga 5
Guilherme Silva, Luís Filipe(1g), Rafa(1g), Hélder Nunes (3g) e Henrique Magalhães
Jogaram ainda: Vítor Oliveira e Fellini
Treinador: Vítor Silva

OC Barcelos 1
Paulo Matos, António Leal, Jorge Maceda, André Centeno e Hugo Costa
Jogaram ainda: Ginho gr, Nuno Almeida (1g), Nuno Félix, Carlos André e Zé Pedro
Treinador: Paulo Machado









4.18.2012

Campeonatos Universitários. AAUMINHO termina na 3ª Posição




O Blog Hóquei Minhoto publica no seu espaço a modalidade de hóquei em patins e em especial o que acontece no Minho.
Nem sempre as noticias são de profissionais ou de camadas jovens.
Merece o devido destaque os Campeonatos Nacionais Universitários que decorreram no Minho.
Por isso noticiamos que as cidades de Braga e Guimarães foram o palco da edição dos Campeonatos Nacionais Universitários onde de várias modalidades, o hóquei em patins esteve presente com a equipa da Associação Académica da Universalidade do Minho (AAUMINHO). A equipa minhota foi composta por jogadores que são estudantes na universidade do Minho em diversas áreas.
Os minhotos terminaram a competição na terceira posição que foi conquistada Universidade do Porto que derrotou na final a Associação Académica de Coimbra.
Para todos os que a disputaram o evento, consideraram que foi a prova mais competitiva de sempre e que contou com vários atletas federados, situação que originou equipas muito equilibradas
Houve neste campeonato também uma prova para o sector feminino sem a presença da equipa minhota que foi ganho pela Universidade do Porto que assim conquistou a chamada “dobradinha” na modalidade.
O objectivo da Universidade do Minho foi alcançado que era as medalhas.

Resultados das meias-finais
AAC 9 AEIST 0
AAUMINHO 4 UPORTO 8

3º E 4º lugar
AEIST 1 AAUMINHO 5
Final
AAC 5 UPORTO 6

Relativamente à equipa masculina da Associação Académica do Minho os jogadores presentes foram os seguintes:

João Celso Silva
Tiago Paiva (ex. ADPovoa)
Tiago Pereira (Juventude Pacense)
João Botelho (A.D.Limianos)
Filipe Miranda (H.C.Braga)
Gonçalo Matos (Juventude Pacense)
Miguel Costa
João Soares
Afonso Machado (H.C.Braga)
Rui Marinho

Treinador: André Torres