HÓQUEI MINHOTO

HÓQUEI MINHOTO
HÓQUEI MINHOTO

1.31.2012

Minhotos no estrangeiro - Eduardo Mendes joga no RHC Diessbach da Suiça



Depois de temos iniciado o percurso em Thunnerstern, Suíça com Diogo Gomes, desta vez é o minhoto Eduardo Mendes que se encontra também em terras helvéticas, em Liss e que joga ao serviço do RHC Diessbach, juntamente com outros dois jogadores do Minho, César Torres e Rui Faria.
Na altura em que é publicado no Blog Hóquei Minhoto a entrevista a Eduardo Mendes, a equipa do Diessbach ocupa a quarta posição no campeonato suíça com vinte e um pontos, a dez do lidar o Geneve.
É assim mais um minhoto que brilha no estrangeiro. Nasceu em1985 na freguesia de Abade de Neiva e está fora de Portugal desde 2009.

- As razões da sua saída para o estrangeiro são comuns a muitos jogadores.
“ Quando saí de Portugal em Janeiro de 2009,foi para trabalhar na área de restauração, deixei tudo para trás inclusive o hóquei em patins, uma oportunidade que não podia rejeitar porque Portugal estava a caminhar para uma situação económica e profissional má.
Em Outubro no mesmo ano surgiu um clube, RHC Diessbach, que estava interessado nos meus serviços desportivos. Este clube ofereceu a oportunidade de conciliar o hóquei em patins e a minha vida profissional. A grande debandada de jogadores portugueses a emigrar refere-se somente às grandes dificuldades que Portugal atravessa o que deixa me deixa muito triste porque Portugal é um país de hóquei mas por outro lado é bom ver jogadores de topo a jogar noutros países a ajudar a evoluir os mesmos o que torna as competições europeias mais competitivas.

- A forma como foi recebido deixou-o muito satisfeito?
“No clube fui bem recebido não só pelos colegas suiços mas também por um português que neste momento está a jogar no Biasca. Curiosamente fomos nós os primeiros a jogar hóquei na Suiça mais Daniel Guedelha do Weill”.
- Infelizmente uma lesão grave impede Eduardo Mendes de dar o contributo à equipa que tem como objectivos vencer a taça da Suíça e tentar chegar à final do play off da prova helvética.
“Esta é a minha terceira época mas para mim infelizmente acabou devido a uma lesão no ligamento do joelho esquerdo.
Nos últimos dois anos fomos os vencedores da Taça Suiça e este ano queremos repetir o exito, em relação ao campeonato é tentar ir à final do play-off e vencer, sabendo que o Geneve é o principal candidato, mas se somos vencedores de duas Taças Suiça consecutivas também podemos ganhar o campeonato”.

- Jogar na Suíça é diferente de jogar em Portugal. Quais as principais diferenças?
“O hóquei aqui, como todos sabemos, não é tão rápido e a técnica-táctico está uns furos abaixo em relação aos principais campeonatos. Mas com a entrada de grandes jogadores como Pedro Alves, Sebastian Silva e agora recentemente David Paez entre outros, penso que a Suiça tem condições para melhorar não só a nivel sénior como nas camadas jovens, daqui a 3/4 anos poderemos ver uma surpresa nas competições europeias”.

- Como começou a tua formação como jogador de hóquei em patins?
“ Os meus primeiros passos no hóquei foram feitos no OCB graças ao meu pai que é amante desta modalidade. Fiquei no OCB até ao primeiro ano de júnior, depois surgiu a mudança para VSC Barcelinhos ( foto ao lado) até ao fecho do clube depois mudei para Cartaipense.
Todos os clubes ficaram no coração mas aquele que me marcou foi sem dúvida o VSC Barcelinhos, apesar de estar na 3ª divisão, encontrei um grupo fantástico não só nos juniores como em séniores, desde colegas à direcção pena é que o clube não exista.

Como tem visto a campanha do OC Barcelos e do Cartaipense? E o nacional da 1ªdivisão?
“ Como barcelense penso que o Óquei tem equipa para fazer um bom campeonato juntando experiencia e juventude. Já o Cartaipense pode lutar por um lugar de subida mas o campeonato da terceira divisão é muito difícil ao contrário do que as pessoas julgam.
Em relação ao campeonato vejo uma diferença grande de 2/3 equipas em relação às outras o que é mau mas como apaixonante desta modalidade espero que seja só este ano e para o ano esperamos equipas como OCB, Oliveirense e até mesma a Física a lutar por voos mais altos”.

Que pensas do projecto Hóquei Minhoto?
" Agradeço ao Hóquei minhoto por esta entrevista e também dou os meus parabens pelo este espaço de informação de qualidade e diversificada ao hóquei do Minho onde mostra que o Minho é uma zona onde se respira Hóquei. Todos os dias a minha fonte de informação do hóquei em patins e especial do Minho e no Blog o Hóquei Minhoto. Não sou só eu que procura a informação. Outros jogadores já o fazem diariamente. Aqui o blog é conhecido por Minhoto. Desejo sorte a este blog e que dure por muitos anos.”

O Blog Hóquei Minhoto agradece a colaboração e deseja as maiores felicidades pessoais e desportivas ao minhoto Eduardo Mendes.

I Divisão - Goleadores das equipas do Minho


Na primeira divisão o melhor marcador continua a ser a Luís Viana com 25 golos, seguido de Hugo Azevedo e Reinaldo Ventura com 23 tentos.
Quanto aos clubes do Minho ainda ninguém sobressai já que são vários os jogadores das equipas minhotas empatados no melhor registo com sete tentos.
Nas equipas do Minho, Rafa do HC Braga e e Miguel Soares do Riba d'Ave são os melhores com nove tentos cada.


Lista dos goleadores da equipas do MINHO

José Costa Rafa 9 ( HC Braga )
Miguel Soares 9 ( Riba d'Ave )
Diogo Fernandes 8 ( Juv Viana )
Rodrigo Sousa 8 ( Juv Viana )
Hélder Nunes 8 ( HC Braga )
Zé Pedro 8 ( OC Barcelos )
Hugo Costa 8 ( OC Barcelos )
António Cruz 7 ( Riba d'Ave )
Henrique Magalhães 6 ( HC Braga )
António Leal 6 ( OC Barcelos )
Nuno Teixeira 6 ( HC Braga )
Pedro Nogueira 6 ( Riba d'Ave )
André Centeno 5 ( OC Barcelos )
Álvaro Pinto 5 ( Juv Viana
Nuno Félix 4 ( OC Barcelos )
Jorge Faria Rato 4 ( HC Braga )
André Torres 4 ( HC Braga )
Nuno Almeida 4 ( OC Barcelos )
Didi 4 ( Juv Viana )
André Alves 4 ( Riba d'Ave )
Joel Coelho 3 ( Juv Viana )
Carlos André 3 ( OC Barcelos )
Luís Filipe 2 ( HC Braga )
Vítor Oliveira 2 ( HC Braga )
Jorge Maceda Xixa 2 ( OC Barcelos )
Daniel Coelho 2 ( Juv Viana )
Joel Ferreira 2 ( Riba d'Ave )
Pedro Sousa 1 ( Riba d'Ave )
César Pinheiro 1 ( Juv Viana )
Hélder Martins 1 ( Juv Viana ) transferido para a AD Limianos
Nuno Alves 1 ( Juv Viana ) transferido para o Famalicense

II Divisão / Zona Norte - Goleadores Minhotos após a 13ª Jornada



O atleta da AD Limianos, Márcio Rodrigues (na foto) continua a liderar a tabela dos melhores marcadores da segunda divisão Zona Norte
O avançado da equipa de Ponte de Lima tem 28 tentos, seguido de Márcio Fonseca dos Carvalhos com 25 e Bruno Fernandes do Cambra com 24 tentos

Em relação aos marcadores das equipas minhotas a tabela é a seguinte:

Márcio Rodrigues 28 ( AD Limianos )
João Pinheiro 18 ( Famalicense )
Pedro Alves 17 ( AD Limianos )
André Barbosa 15 ( Famalicense )
Pedro Lei 14 ( Famalicense )
Rafael Almeida 09 ( Famalicense )
Miguel Costa 07 ( AD Limianos )
Nuno Branco 07 ( Famalicense )
João Araújo 05 ( AD Limianos )
Hélder Martins 04 ( AD Limianos )
Tiago Crespo 03 ( AD Limianos )
Jonathan Oliveira 03 ( Famalicense )
Diogo Sá 03 ( AD Limianos )
José Marinho 01 ( Famalicense )

1.30.2012

Minho - Árbitros minhotos dão formação em Angola



A convite da Federação Angolana de Patinagem, José Monteiro e Paulo Rainha ( em cima na foto), dois árbitros portugueses, estão em Angola desde o passado dia e 26 de Janeiro até 5 de Fevereiro, tendo como objetivo de dar formação aos árbitros daquele país africano.
Para além disso os dois juízes que fazem parte do quadro principal de árbitros de Portugal, vão dirigir alguns do jogos referentes ao campeonato de Angola.

1.29.2012

I Divisão - AJ Viana vence derby minhoto sobre o Riba d'Ave por 6-2


A Juventude de Viana voltou a vencer no Pavilhão de Monserrate. A equipa de Pedro Sampaio derrotou o Riba d`Ave por 6-2 em jogo correspondente à 13ª jornada do campeonato nacional de hóquei em patins da 1ª Divisão. Didi, o internacional brasileiro da equipa vianense marcou três golos neste desafio, tornando fácil um jogo que teoricamente se poderia complicar devido à importância que tinha para as duas formações.

A jogar em casa e com a obrigação de vencer, os pupilos de Pedro Sampaio beneficiaram de uma noite inspirada de Didi que no minuto três fez os dois primeiros golos da sua equipa (2-0), atirando por terra a equipa visitante que nunca conseguiu reagir. Com a tarefa facilitada a formação de Viana do Castelo foi ampliando a vantagem, que no final da primeira parte já era bastante confortável (5-1). Rodrigo Sousa de livre directo ampliou para (3-0), Diogo Fernandes a dez minutos do intervalo também "picou o ponto" (4-0), mas os forasteiros numa das poucas oportunidades que tiveram reduziram por Pedro Nogueira (4-1). Didi teve tempo para fazer mais um, fixando o resultado ao intervalo (1-5).

Depois de terem resolvido o jogo no primeiro tempo, os vianenses na segunda parte limitaram-se a gerir a vantagem, marcando apenas um golo de grande penalidade por Daniel Coelho (6-1). A dois minutos do final do encontro, Pedro Nogueira fechou as contas do jogo (6-2). Vitória justa da Juventude de Viana que só não foi mais robusta porque o guardião contrario, Telmo Fernandes, rubricou uma excelente exibição.

Foto: Paula Brites, texto Pedro Xavier

Ficha técnica
pavilhão de Monserrate em Viana do Castelo
Árbitros: António Santos, Pedro Vieira e José Gonçalves
Ao intervalo: 5-1

AJ Viana 6
Leonardo Pais, Joel Coelho, Diogo Fernandes (1g), Didi (3g) e Rodrigo Sousa
Jogaram ainda: Daniel Coelho (1g), Tiago Natário, César Pinheiro e Álvaro Pinto
Treinador: Pedro Sampaio

Riba d'Ave 2
Telmo Fernandes, Pedro Salgado, Joel Ferreira, António Cruz e André Alves
Jogaram ainda: João Costa gr, Pedro Sousa, Vítor Pimenta, José Soares e Pedro Nogueira (2g)
Treinador: Horácio Ferreira

I Divisão - HC Braga perde injustamente por 6-5 em Torres Vedras



O HC Braga viajou até Torres Vedras onde defrontou o Física tendo perdido de forma injusta o jogo por 6-5.
Perante a equipa de Vítor Fortunato os bracarenses não foram nada inferiores, antes pelo contrario foram personalizados obrigando a formação da casa a mostrar porque é considerada ou foi a revelação da presente temporada.
A sorte e algumas decisões da dupla da arbitragem impediram os minhotos de somarem um resultado positivo.
O HC Braga foi a primeira equipa a marcar aos 18 por Rafa, mas os locais empataram ainda antes do intervalo por Alan Fernandes.
Na segunda parte os minhotos começaram logo em vantagem quando aos 2' Rafa fez o 1-2. Volvidos dois minutos carlos Garrancho igualou de novo o jogo. Sem nunca acusar os golos do adversário o HC Braga voltou a estar na frente do marcador desta vez por Fellini no lance imediato.
O Física voltou a igualar aos 7' por Ricardo Pereira na transformação de uma grande penalidade.
Aos 11' os locais conseguiram colocar-se pela primeira vez na frente do marcador com o tento de Carlos Garrancho em situação de power play. Esta decisão enervou os bracarenses, situação que foi aproveitada pelo Física para aos 15' fazer o 5-3 e aos 19' o 6-3 por Alan Fernandes. Com pouco mais de cinco minutos para o fim o HC Braga arriscou e André Torres fez aos 22' o 6-4, repetindo aos 23' colocando o resultado em 6-5. Até ao fim os minhotos tudo fizeram para chegar ao merecido empate não foi possível.

Ficha técnica
Pavilhão do Física em Torres Vedras
Árbitros: Joaquim Pinto e José Pinto
Ao intervalo: 1-1

Física 6
carlos Coelho, Samuel lima, Ricardo Pereira (1g), Carlos Garrancho (2g) e Carlos Godinho
Jogaram ainda: Alan Fernandes (3g), German Dates, Filipe Grileiro e Vítor Fortunato
Treinador: Vítor Fortunato

HC Braga 5
Guilherme Silva, Hélder Nunes, Fellini (1g), Rafa (2g) e Luís Filipe
Jogaram ainda: Henrique Magalhães, Jorge Faria e André Torres (2g)
Treinador: Vítor Silva

I Divisão - OC Barcelos vence Infante Sagres por 5-3

Na deslocação ao ultimo classificados os barcelenses venceram por 5-3 e mantiveram a quarta posição em igualdade pontual com o Física agora com vinte e dois pontos.

foto.Jornal Barcelos Popular

Apesar de jogar frente ao ultimo os minhotos tiveram algumas dificuldades nomeadamente na primeira parte onde o guarda redes do Infante foi a figura principal ajudado pelo ferro da sua baliza impedindo assim golos barcelenses.
Ao intervalo aos locais estavam em vantagem graças ao golo apontado aos 7' por Tiago Pimenta.
Na segunda parte o Barcelos entrou muito forte e chegou ao empate logo aos 3' por Hugo Costa.
Volvidos cinco minutos a resistência da equipa da casa acabou quando André Centeno fez o segundo golo minhoto. A partir dai só deu Barcelos que perante a sua avalanche ofensiva não deu qualquer hipóteses de reacção aos locais.À passagem do minuto catorze Nuno Almeida fez dois golos aumentando a vantagem barcelense para 4-1.O Infante apesar disso ainda reagiu reduzindo para 2-4 por Ricardo Frias. Mas o OC Barcelos com o jogo perfeitamente controlado não permitiu grandes "sonhos" ao Infante tendo feito o quinto golo por André Centeno. Apesar de ocupar a ultima posição a formação do Infante ainda voltou a fazer o terceiro golo, novamente por Ricardo Frias, fixando assim o resultado final em 3-5 a favor dos minhotos.



Ficha técnica
Pavilhão do Infante Sagres no Porto
Árbitros: Jorge Ventura e Miguel Guilherme
Ao intervalo: 1-0

Infante Sagres 3
Paulo Santos, Nelson Almeida, Jorge Vieira, Ricardo carvalho e Tiago Pimenta (1g)
Jogaram ainda: Gabriel Damásio, Ricardo Frias(2g), João Gilvaz e Alexandre Silva
Treinador: António Gomes

OC Barcelos 5
Paulo Matos, António Leal, Jorge Maceda, André Centeno (2g) e Zé Pedro
Jogaram ainda: Ginho gr, Hugo Costa (1g), Nuno Almeida (2g) e Nuno Félix
Treinador: José Fernandes

II Divisão - AD Limianos é lider da Zona Norte

A AD Limianos assumiu o primeiro lugar da segunda divisão, Zona Norte após vencer no seu reduto a Juventude Pacense por 7-3.



Apesar do resultado avolumado o inicio de jogo não foi fácil para os minhotos que viram os visitantes rematar ainda no primeiro minuto à barra da baliza de Ricardo Cunha.
No minuto seguinte a AD Limianos abriu o marcador por João Araújo, mas volvidos dois minutos a equipa de Domingos Guimarães empatou por António Pereira.
Este golo acordou em definitivo o conjunto minhoto que nunca mais permitiu reacção aos visitantes. Depois de muito tentar com remates de meia distancia finalmente o segundo golo aos 10’por Pedro Alves. O mesmo jogador aos 14’ fez o terceiro golo. Com uma avalanche ofensiva enorme junto da área da Juventude pacense só podia dar golo. Foi o que aconteceu de grande penalidade apontada por Márcio Rodrigues aos 16’
Ainda na primeira parte mais um golo para os minhotos apontado por Hélder Martins que assim fixou em 5-1, que até poderia ser mais “gordo”, mas Diogo Sá falhou um livre directo.


A segunda parte começou com os visitantes a reduzirem para 5-2 através de António Pereira que aproveitou e bem as muitas facilidades dadas pela defesa minhota.
Este segundo golo da Juventude Pacense enervou um pouco a equipa minhota que tardou em encontrar-se no jogo. Aos 8’ Márcio Rodrigues desperdiçou um livre directo mas no minuto seguinte Hélder Martins fez o 6-2, para segundos depois Pedro Alves aumentar para 7-2 na transformação de um livre directo a castigar a décima falta da equipa de Paços de Ferreira.
Com uma vantagem de cinco golos a AD Limianos controlou a bola, procurando o contra ataque já que a equipa visitante arriscou um pouco mais no jogo ofensivo.
Aos 21’ a equipa de Paços de Ferreira podia ter reduzido mas João Botelho que tinha entrado segundos antes na partida defendeu um livre directo de António Leal. No último minuto João Marques marcou o terceiro golo da sua equipa e fixou em 7-3 o desfecho final.
Um triunfo justo dos minhotos que assim passam para a frente do campeonato. Esse factor de liderança condicionou um pouco a prestação da AD limianos que ao longo do jogo mostrou um nervosismo miudinho sem qualquer necessidade.


Discurso directo
Paulo Morais treinador da AD Limianos
“ Uma vitória muito importante. Sabíamos que se chegássemos a esta altura do campeonato nos três primeiros lugares que tínhamos e temos todas as condições para lutar pela subida de divisão. O facto de no início de cada parte a bola não entrar criou uma natural ansiedade nos jogadores. Agora vamos a Famalicão tentar obter um bom resultado. Não vai ser fácil porque nesta zona não há jogos fáceis.”


Domingos Guimarães treinador da Juventude Pacense
“ Viemos para ganhar. Apesar do valor da AD Limianos, nunca deixamos de lutar e criar dificuldades. Os três primeiros golos do Limianos foram infelizes para a nossa defesa. Errar faz parte do desporto. A AD Limianos foi superior. O nosso objectivo é a manutenção numa época onde são muitas a s boas equipas que proporcionam um campeonato muito equilibrado.”

Ficha técnica
Pavilhão de Ponte de Lima
Árbitros: Manuel Gonçalves (Lisboa) e Thierry Francisco (Lisboa)
Ao intervalo: 5-1

AD Limianos 7
Ricardo Cunha, Pedro Alves (3g), Márcio Rodrigues (1g), João Araújo (1g) e Hélder Martins (2g)
Jogaram ainda: João Botelho gr, Diogo Sá, Miguel Costa, Tiago Crespo
Treinador: Paulo Morais

Juv. Pacense 3
Nuno Ribeiro, João Marques (1g), Duarte Dias, Luís Costa e António Pereira (2g)
Jogaram ainda: Jorge Mesquita gr, António Leal, Marcelo Ribeiro

II Divisão - Famalicense volta às vitórias


Finalmente o Famalicense voltou a vencer. Desde a partida em casa frente à Escola Livre que os minhotos não venciam para o nacional da segunda divisão.
Na deslocação a Santa Maria da Feira para a jornada treze, foi de sorte para os minhotos venceram por 6-5. Uma vitoria que coloca os famalicenses com dezassete pontos no lugar da classificação.
Os golos do FAC foram apontados por Pedro Lei (3), André Barbosa (2) e Rafael Almeida (1).
Na próxima jornada há derby minhoto com os famalicenses a receber a AD Limianos em jogo agendado para as 19horas.

III Divisão - CART Superinertes vence, HC Fão perde

O CART venceu este sábado o Fânzeres , por 5-2, em jogo relativo à 9ª jornada do Campeonato Nacional 3ª Divisão Norte de hóquei em patins, realizado nas Taipas.
A formação taipense chegou ao intervalo em vantagem (2-1), tendo acabado por controlar o resto do jogo e vencido por uma margem de três golos.
Com este resultado o CART mantém a 4ª posição na classificação geral da prova, somando agora 15 pontos, fruto de 5 vitórias e 3 derrotas.
Na próxima ronda, que irá realizar-se sábado, dia 4 de Fevereiro, o CART vai jogar novamente em casa, desta feita frente ao Académico FC, em jogo marcado para as 21 horas.


Quanto ao HC Fão visitou o líder o Pessegueiro de Vouga e perdeu por 2-1. Ao intervalo as duas equipas estavam empatadas a uma bola.
Com esta derrota a equipa fangueira mantêm a sétima posição com dez pontos e na próxima ronda desloca-se à Ilha da Madeira para defrontar o São Roque às 16.00 horas.

1.28.2012

Resultados das equipas minhotas

1ª Divisão

Infante Sagres 3 OC Barcelos 5
Física 6 HC Braga 5
AJ Viana 6 Riba d'Ave 2

2ª divisão Zona Norte

AD Limianos 7 Juv Pacense 3
Acad Feira 5 Famalicense 6

3ª Divisão Zona Norte

Pes. Vouga 2 HC Fão 1
Cartaipense 5 Fanzeres 2

( Crónicas, fichas e Fotos em breve)

1.27.2012

I Divisão - Derby Minhoto - AJ Viana - Riba d'Ave



A fechar a participação das equipas minhotas na décima terceira jornada nada melhor que um derby minhoto.Será às 21.30h no pavilhão de Monserrate em Viana do Castelo onde a equipa vianense recebe o Riba d'Ave.
Para o conjunto do Alto Minho é o segundo derby consecutivo depois de na passada quarta feira ter jogado e perdido em Braga.
Um jogo de minhotos "famintos" de pontos para fugir à despromoção já que as duas equipas estão em zona de descida e separadas por apenas um ponto. A Juventude de Viana tem sete e o Riba d'Ave seis pontos conquistados. Ambas procuram chegar perto do Gulpilhares (joga em casa com o Tigres) equipa que se encontra acima da linha de descida e que tem nove pontos. Por isso o jogo promete muita entrega e determinação das duas equipas minhotas na procura do melhor resultado na luta pela manutenção, objectivo comum aos dois conjuntos.
Em casa a Juventude venceu os Tigres de Almeirim e empatou com o Candelária. Já o Riba d'Ave fora perdeu os quatro jogos realizados.
Derby que é derby e do Minho será dirigido por José Monteiro (Minho) e Pedro Vieira (Minho)

I Divisão - HC Braga joga em Torres Vedras


A segunda equipa minhota a entrar em ringue é o HC Braga que viaja até Torres Vedras para defrontar a formação do Física que parece perder algum pedal depois do excelente inicio de campeonato, onde chegou a ocupar a segunda posição.
A tarefa minhota é complicada atendendo que o Física quer regressar aos triunfos já que não vence à quatro jornadas.
Quanto ao HC Braga que não perde à três jogos um resultado positivo em Torres Vedras colocaria a equipa minhota mais tranquila na tabela classificativa.
A turma de Vítor Fortunato em casa nos cinco jogos realizados venceu o Infante por 6-2, o Gulpilhares por 3-1 e o Valongo por3-2, tendo perdido duas partidas com o Benfica por 7-6 e com o FC Porto por 6-3.
Em relação ao percurso do HC Braga fora venceu apenas no Infante por 6-3. Os outros resultados forma derrotas em Almeirim por 7-5, no Candelária por 3-1, em Valongo por 6-3 e em Barcelos por 3-1.
O jogo será dirigido por Joaquim Pinto (Porto) e José Pinto (Porto)

I Divisão - OC Barcelos desloca-se a Infante Sagres


Para a décima terceira jornada do nacional da primeira divisão, o OC Barcelos é a primeira equipa minhota a jogar, sábado às 17.30 no reduto do ultimo classificado a turma do Infante Sagres.
Os minhotos que ocupando o quarto lugar em igualdade com o Física de Torres Vedras, ambos com dezanove pontos tentarão dar continuidade ao percurso vitorioso desde a derrota no ano passado em Dezembro em Paço d'Arcos. Fora de Barcelos a turma de José Fernandes apenas perdeu com a equipa da Oliveirense por 2-1 e em paço d'Arcos por 6-4, tendo empatado com o Candelária a duas bolas e vencido em Valongo por 6-3, em Riba d'Ave por 3-1 e em Almeirim por 3-2.
Ja a equipa do Infante que tem quatro pontos conquistados, apenas venceu um jogo realizado em sua casa que foi contra o Gulpilhares por 6-4. O resto são derrotas com o FC Porto por 10-2, com o Benfica por 7-2 e com os minhotos HC Braga por 6-2 e Juventude de Viana por 5-2.
O Infante Sagres é a defesa mais batida da prova com 74 tentos sofridos, a equipa com apenas uma vitória e o conjunto com mais derrotas no nacional, neste momento dez em doze jogos.
Para dirigir este jogo estão escalados os árbitros Jorge Ventura (Lisboa) e Miguel Guilherme (Lisboa)





Árbitros: Jorge Ventura (Lisboa) e Miguel Guilherme (Lisboa)

II Divisão - AD Limianos recebe Juv Pacense espreitando o primeiro lugar


O BLOG HÓQUEI MINHOTO ESTARÁ EM PONTE DE LIMA PARA A AD LIMIANOS - PACENSE

Ainda a saborear o excelente triunfo nos Carvalhos, a equipa da AD Limianos recebe este sábado às 18 horas no seu pavilhão a formação de Paços de Ferreira.
Os minhotos (25p) que ocupam a segunda posição a apenas um ponto do líder os Carvalhos (26p) defrontam o actual 12º classificado da tabela que tem treze pontos.
Em caso de triunfo a AD Limianos pode assumir o comando da prova ja que neste 13ª jornada os Carvalhos folgam.
Com um magnifico percurso a AD Limianos jogando em casa e perante os seus adeptos tem todas as condições para somar mais uma vitória. Para isso tem que mostrar dentro do ringue o favoritismo que naturalmente lhe é atribuído.
A equipa minhota em sua casa apenas cedeu uma derrota com o HC Mealhada por 8-6. O resto são triunfos sobre o Paço de Rei por 7-4, 5-1 sobre o Marítimo, 5-3 diante a Sanjoanense, e 4-0 sobre o HC Lavra.
O seu adversário de sábado fora da capital do Móvel soma por derrotas todos os jogos realizados, 7-3 em Cambra, 3-2 nos Carvalhos, 10-6 na Nortecoope, 2-1 em Marco e 10-1 na Mealhada.
A AD Limianos vai assim defrontar a segunda equipa com mais golos sofridos na prova, neste momento com 74 tentos encaixados.
Por isso é de esperar que Márcio Rodrigues e companhia possam aproveitar e marcar mas obter acima de tudo os três pontos em disputa.
A partida será dirigida por Manuel Gonçalves (Lisboa) e Thierry Francisco (Lisboa)

II Divisão - Famalicense visita Acad. da Feira


Depois da igualdade em casa frente ao HC Marco a cinco bolas, a turma famalicense joga este sábado às 18.30 horas em Santa Maria da Feira.
A equipa da casa esta numa posição delicada na tabela ocupando um lugar acima da linha de descida com dez pontos. Por isso não são de esperar facilidade à equipa minhota. O Famalicense que soma catorze pontos procurará quebrar uma serie de jogos sem vencer que dura desde a vitória em casa frente à Escola livre.
O Acad da Feira em casa venceu a outra equipa minhota a AD Limianos por 8-6 e superou o Povoa por 4-1. Nas restantes partida perdeu com o Cambra por 7-4, com os Carvalhos e com a Nortecoope por 5-1 e com a Escola Livre por 2-1.
O famalicense fora de portas perdeu em Paço de Ferreira por 11-10, 5-4 no Marítimo , 8-4 na Mealhada e 6-3 com a Sanjoanense. Pontuou com o triunfo em Lavra por 6-1 e com o empate a 11 golos em Paço de Rei.
O jogo vai ser dirigido por Domingos Carvalho (Porto) e Jerónimo Moura (Porto)

Antevisão - III Divisão - Equipas Minhotas - CART Superinertes e HC Fão

Realiza-se este fim de semana a 9ª jornada do nacional da terceira divisão, zona Norte onde estão duas equipas do Minho em competição, HC Fão e CART Superinertes.

A primeira equipa minhota a entrar em acção é o HC Fão que tem uma deslocação complicada ao recinto do líder do campeonato o Pessegueiro de Vouga a partir das 18. horas.
Recorde-se que a equipa fangueira já defrontou o Pessegueiro de Vouga mas para a Taça de Portugal tendo vencido em Fão no golo de ouro.
Atualmente na sétima posição com dez pontos o HC Fão procura fora de portas um resultado positivo que lhe permita não ficar muito atrás dos primeiros lugares. Fora de portas o HC Fão em três jogos venceram um em Estrela Vigorosa por 4-3 e perderam em Fanzeres por 5-2 e no Académico por 7-4.
Já o líder do campeonato no seu reduto apenas cedeu um empate a quatro bolas com o Cucujães tendo vencido o Fanzeres por 5-1 e o Boavista por 6-2.
A partida será dirigida por Bruno Antão (Porto)


Quanto ao CART Superinertes recebe às 21horas o Fanzeres. Um jogo que coloca em ringue duas equipas empatadas na tabela no quatro lugar, ambas com treze pontos.
A equipa minhota que vem de uma vitória fora de casa no Boavista por 3-0 tentara superar o seu adversário para se manter na luta pelos lugares de subida. Neste momento o Cart esta apenas a três pontos do segundo lugar e a quatro do primeiro. No entanto os minhotos tem um jogo a menos que os adversários que estão à sua frente.
Os minhotos em casa só sabem ganhar , 4-2 ao Sobreira, 5-2 ao Cucujães e 5-1 ao Pessegueiro.
Ja o Fanzeres fora de portas mostra ser um conjunto complicado porque venceu dois jogos em Sobreira por 7-6 e no Académico por 4-2 tendo obtido duas derrotas em Vigorosa por 3-2 e no Pessegueiro por 5-1.
O jogo será apitado por Paulo Sousa (Porto)

1.26.2012

I Divisão - FC Porto e Benfica vencem e continuam separados por dois pontos.

Devido à participação nas competições europeias, FC Porto e Benfica acertaram o campeonato, somando ambos triunfos. O FC porto em casa ultrapassou o Gulpilhares por 8-3 enquanto que o Benfica goleou o Paço d'Arcos por 12-2!!!


No dragão caixa a equipa do Gulpilhares ainda conseguiu impor dificuldades aos campeões nacionais na primeira parte onde inclusive chegou ao intervalo empatada a uma bola.
Na etapa final o Porto pressionou e aos poucos foi aumentado o resultado até ao 6-1.
Sem nunca deixar de espreitar a baliza portista o Gulpilhares reduziu para 6-2 mas o Porto não facilitou e atingiu o 9-2 com a turma de Gaia ainda a fazer mais um golo fixando desfecho em 9-3.


Já o Benfica ultrapassou o Paço d'Arcos por números algo inesperados. Foi um jogo fácil para a equipa de Luís Sénica que ao intervalo já vencia por 5-1. No segundo tempo foi mais do mesmo, ou seja só deu Benfica que atingiu com muita facilidade a goleada final em 12-2.
Com as vitorias alcançadas o FC Porto mantêm a liderança agora com 33 pontos, seguido do Benfica com 31.
Na próxima jornada o FC Porto joga em Oliveira de Azeméis enquanto que o Benfica recebe o Candelaria.

I Divisão - HC Braga vence derby minhoto por 2-0 sobre a Juv Viana



Foi um derby morno aquele que se assistiu em Braga especialmente nos primeiros minutos. As duas equipas começaram o jogo com muitas cautelas defensivas mas com maior posse de bola e remates a pertencer ao HC Braga.
Depois de um período de desconto pedido o jogo ganhou um pouco de velocidade e emoção. Foi nessa altura que os dois guarda-redes começaram a opor-se aos remates, com destaque para o guardião da Juventude Leonardo Pais.
Num contra ataque dos bracarenses, a equipa de Viana do Castelo foi obrigada a cometer falta por Joel Coelho que viu o cartão azul. Do livre directo Henrique Magalhães não conseguiu superar o guarda-redes vianense.
A jogar em power play os bracarenses conseguiram aos 15’ inaugurar o marcador por Nuno Teixeira.
Aos 16’ a perder o treinador da Juventude colocou em ringue Álvaro Pinto para tentar surpreender Guilherme Silva, mas este com boas defesas foi evitando as intenções do seu adversário.
Nos minutos finais antes do descanso a Juventude de Viana tudo fez para chegar ao empate mas o HC Braga segurou a vantagem mínima apesar de ter desperdiçado uma grande penalidade aos 24’ por André Torres que permitiu a defesa de Leonardo Pais.




A segunda parte começou animada com as duas equipais a entregarem-se ao jogo na procurar do golo.
Aos 3’ Joel Coelho já de ângulo difícil rematou com a bola ainda a bater no poste direito da baliza de Guilherme Silva. A Juventude de Viana tentava rematar e aos 10’ foi Rodrigo Sousa a enviar a bola ao ferro da baliza bracarense. Foi um período em que os vianenses jogaram sem Didi que saiu lesionado após “levar “com uma bola rematada por Joel Coelho.
Finalmente assistiu-se ao “ derby minhoto” com emoção, velocidade e oportunidades de golo criadas pelas duas equipas. Aos 13’ Hélder Nunes isolado não conseguiu bater Leonardo Pais.
Já com Didi recuperado a Juventude de Viana carregou ainda mais sobre a defesa bracarense. O poste agora da baliza vianense foi evitando o golo desta vez aos 19’ao Braga, a remate de Hélder Nunes. A incerteza quando ao resultado pairou nos últimos cinco minutos, valendo neste período a experiência do guarda-redes bracarense para que a Juventude chega-se ao empate. O Braga aos 23’ podia ter resolvido o jogo a seu favor mas Rafael Costa não conseguiu concretizar um livre directo a castigar a décima falta de equipa do conjunto vianense. No último minuto Didi derrubou Rafael Costa sendo castigado com cartão azul e Hélder Nunes marcou e acabou com as dúvidas em relação ao vencedor.
Nota negativa para o pouco publico que marcou presença neste derby. Terá sido o jogo de futebol entre o Barcelona/Real Madrid o culpado?

Discurso directo:
Vítor Silva treinador do HC Braga
“ Uma vitória muito importante e justa. O facto de a bola não estar deixou-nos nervosos e com alguma ansiedade. A boa exibição do guarda redes do Viana dificultou o nosso objectivo na finalização”.
Pedro Sampaio treinador da Juventude de Viana
“ A diferença foi que a minha equipa não marcou. Entramos algo apáticos na primeira parte. Na segunda parte corrigimos e podíamos ter marcado. O resultado mais justo seria o empate. Houve uma dualidade enorme de critério por parte da arbitragem na forma como assinalou as faltas.”

Pavilhão das Goladas em Braga
Árbitros: Florindo Cardoso e Cristiano Jardim
Ao intervalo: 1-0
Faltas: Braga 7, Viana 12
Cartões azuis: Joel Coelho, Didi


HC Braga
Guilherme Silva, Nuno Teixeira (1g), Hélder Nunes (1g), Luís Filipe e Rafael Costa
Jogaram ainda: Henrique Magalhães, André Torres e Jorge Faria
Treinador: Vítor Silva

AJ Viana
Leonardo Pais, Joel Coelho, Diogo Fernandes, Didi e Rodrigo Sousa
Jogaram ainda: Álvaro Pinto, Daniel Coelho, César Pinheiro
Treinador: Pedro Sampaio

1.25.2012

Árbitros para os jogos das equipas do Minho


1ª Divisão
13ª jornada
Sábado dia 28 de Janeiro

17.30 Inf Sagres - OC Barcelos - Jorge Ventura (Lisboa) e Miguel Guilherme (Lisboa)
18.30 Física - HC Braga - Joaquim Pinto (Porto) e José Pinto (Porto)
21.30 Juv Viana - Riba d'Ave - José Monteiro (Minho) e Pedro Vieira (Minho)


2ª Divisão
13ª Jornada
Sábado dia 28 de Janeiro

18.00 AD Limianos - Juv Pacense - Manuel Gonçalves (Lisboa) e Thierry Francisco (Lisboa)
18.30 Acad Feira - Famalicense - Domingos Carvalho (Porto) e Jerónimo Moura (Porto)

3ª Divisão Zona Norte
9ª Jornada
Sábado dia 28 de Janeiro

18.00 Pessegueiro Vouga - HC Fão - Bruno Antão (Porto)
21.00 CART Superinertes - Fanzeres - Paulo Sousa (Porto)

I Divisão - Hoje quarta feira há Derby Minhoto em Braga


O Blog Hóquei Minhoto estará em Braga para cobrir o Derby.

Hoje a partir das 21horas no pavilhão das Goladas em Braga há "derby" minhoto com o HC Braga a receber a Juventude de Viana. O jogo só hoje se realiza devido à participação da formação bracarense na Taça Cers em França no passado sábado, serve para acertar a 12ª jornada do nacional de hóquei em patins.
Para este derby as duas equipas minhotas encontram-se separadas na tabela classificativa por seis pontos com o HC Braga a ocupar a décima posição com treze pontos enquanto que a Juventude de Viana esta na décima terceira posição (lugar de descida) com apenas sete pontos.
O HC Braga em sua casa apenas perdeu com o FC Porto por 7-2, tendo empatado com o Benfica a um golo e vencido o Paço d'Arcos por 3-2, o Espinho por 5-4 e o Riba d'Ave por 7-2.
Em relação à Juventude de Viana fora de portas apenas venceu no Infante Sagres por 5-2, tendo perdido 4-1 em Gulpilhares, 11-7 no Porto, 4-0 em Valongo, 5-2 no Benfica e 3-1 em Paço d'Arcos.
Com o objectivo de alcançarem a manutenção o mais rápido possível o jogo é mais importante para os vianenses que se encontra em zona de despromoção. Para o HC Braga a partida pode permitir em caso de vitória aumentar consideravelmente a distancia para a zona de descida.
O jogo será apitado pelos árbitros, João Rodrigues (Minho) e Florindo Cardoso (Minho)
Para alem deste derby minhoto a 12ª jornada fica completa com os jogos FC Porto a receber o Gulpilhares e o Paço d'Arcos a jogar na Luz com o Benfica.

Pode acompanhar em directo o jogo via tv aqui www.tivchd.tv

1.24.2012

I Divisão - Candelária vence Oliveirense por 4-1


No jogo de acerto do nacional da primeira divisão referente à 12ª jornada, o Candelária recebeu a Oliveirense e venceu por 4-1.
Em duelo de equipas que disputam a Liga Europeia de clubes a formação açoriana foi mais forte e atingiu o intervalo já em vantagem com o tento aos 7' por Jorge Silva. A equipa do continente reagiu na segunda parte e chegou à igualdade por Vítor Hugo aos 4'.
Com as equipas empatadas o jogo tornou-se ainda mais equilibrado até que entrou na pista Pedro Afonso que abriu o livro e marcou dois golos seguidos aos 17' e 18' do final. A Oliveirense arriscou tudo na procura de reduzir o marcador mas seria o Candelária a ter oportunidade de marcar de livre directo a punir os visitantes com a sua décima falta de equipa, onde Martin Montivero não aproveitou permitindo a defesa de Diogo Almeida. A dez segundos do fim o Candelária fixou o resultado final por Jorge Silva na transformação de uma grande penalidade.
Com esta vitória os açorianos somam vinte e sete pontos, colocando em sentido o Benfica quem tem vinte e oito pontos e que só esta quarta feira joga em casa com o Paço d'Arcos.
A derrota da Oliveirense coloca a equipade Nuno Resende na setima posição com dezasseis pontos.

Ficha técnica
Pavilhão do Candelária na Ilha do Pico

Candelária 4
João Miguel, Tiago Resende, Tiago Rafael, Jorge Silva (2g) e Martin Montivero.
Jogaram ainda: Nuno Araújo e Pedro Afonso (2g)~
Treinador: Carlos Dantas

UD Oliveirense 1
Diogo Almeida, Diogo Silva, Nuno Resende, Tó Silva e Vítor Hugo (1g)
Jogou ainda: André Azevedo
Treinador: Nuno Resende

I Divisão - Hoje terça feira Candelária recebe Oliveirense na Ilha do Pico


Hoje terça feira na ilha do Pico encontram-se para acerto de calendário da 12ª jornada duas equipas que estiveram envolvidas na competições europeias, ambas com excelentes resultados obtidos.
O Candelária que venceu no seu pavilhão os italianos do Viareggio enquanto que a turma de Nuno Resende ultrapassou também em casa os alemães do Cronenberg, prometem um bom jogo. No que diz respeito ao campeonato os açorianos procuram o triunfo para se aproximarem do segundo lugar ocupado pelo Benfica. Já a Oliveirense tem como objectivo não deixar fugir Física e OC Barcelos na luta pelo quarto lugar. A partida tem inicio às 21 horas ( 22h do continente ) e é apitada por Ricardo Leão de Lisboa e Manuel Fernandes do Porto.
Amanha a ronda numero doze fica completa com os jogos Porto em casa com o Gulpilhares, O Benfica no seu reduto com o Paço d'Arcos e o Braga nas Goladas frente aos vizinhos Juventude de Viana

Foto: Arquivo Fernando Teixeira

1.22.2012

Taça Cers - HC Braga empata em França

O único representante português na Taça Cers viajou a França para defrontar o RAC Saint Brieuc e empatou a três golos em partida a contar para os oitavos de final da prova.
Os tentos da formação minhota foram apontados, dois por Hélder Nunes e um por Luís Filipe.
O jogo da segunda mão esta marcado para 18 de Fevereiro em Portugal.
A jogar em casa a equipa portuguesa tem todas as condições para vencer a equipa francesa e disputar os quartos de final, eliminatória de acesso à final four da prova que recorde-se o HC Braga já esteve presente na anterior edição em Vila Nova Espanha.
O possível adversário da equipa minhota pode ser novamente francês já que o Quevert venceu em casa na primeira mão os suíços do Friedlingen por 4-2.

I Divisão - OC Barcelos vence AA Espinho por 4-1



O jogo começou com uma toada morna com o Barcelos a assumir as despesas da partida enquanto o Espinho espreitava o contra ataque. Aos 5’ João Pinto apareceu isolado na frente de Paulo Matos mas o guarda-redes minhoto com uma grande intervenção impediu o primeiro golo do encontro.
Este lance acordou o sistema barcelense que acabou por dar resultado aos 10’ quando Zé Pedro inaugurou o marcador.
Tentou responder a equipa da AA Espinho mas seriam os minhotos a ameaçar novo golo mas o remate de André Centeno bateu no poste da baliza de Ângelo Girão. Até ao intervalo os visitantes procuraram de meia distância surpreender a baliza minhota enquanto o OC Barcelos procuravam de modo organizado rematar à baliza de Ângelo Girão.
Para a segunda parte o Espinho veio com outra disposição impondo um ritmo mais forte e rematando mais vezes mas o guarda-redes minhoto defendeu com classe. O Barcelos também respondeu da mesma forma e Hugo Costa e Nuno Almeida viram Ângelo Girão com duas excelentes defesas evitar o segundo golo barcelense.
O golo adivinhava-se numa das balizas e foi para o Barcelos que isso aconteceu por intermédio de Hugo Costa aos 6’.
A equipa visitante a perder por dois golos arriscou e podia ter reduzido mas Carlos Saraiva aos 9’ e aos 10’ rematou mas o poste da baliza de Paulo Matos evitou o golo.
Aos 16’ o Barcelos voltou a marcar por Zé Pedro que aproveitou da melhor forma uma jogada de insistência dentro da área da equipa de Espinho.
Os visitantes aos 19’ beneficiaram de um livre directo mas Ginho com toda a tranquilidade defendeu o remate de João Pinto.
Volvido um minuto foi a vez de o OC Barcelos dispor de um livre directo após a décima falta de equipa do Espinho onde Zé Pedro atirou ao poste direito de Ângelo Girão.
Na ponta final do encontro os minhotos voltaram a dispor de um livre directo aos 21’ desta vez a punir cartão azul a João Pinto por protesto e onde Hugo Costa não perdoou fazendo o 4-0.
Sem nunca desistir os visitantes conseguiram marcar por Frederico Saraiva aos 23’. Um premio para o jogador do Espinho que muito lutou para conseguir meter a bola no fundo da baliza de Paulo Matos.
Logo a seguir o Espinho podia ter reduzido mas André Pinto não conseguiu superar Ginho na transformação de um livre direto.
No último minuto uma delícia de jogada de Hugo Costa que meteu a bola na baliza adversária mas o lance foi anulado pela dupla de arbitragem que argumentou que o jogador minhoto jogou a bola demasiado alto.
Com esta vitória os minhotos sobem ao quarto lugar com dezanove pontos, empatados com o Física. O Barcelos na próxima jornada joga no Infante Sagres.

Discurso directo
José Fernandes treinador do OC Barcelos. “ Um bom jogo, muito equilibrado. Duas equipas que estavam no mesmo lugar e que jogaram para a vitória. Penso que a felicidade no jogo surgiu para o nosso lado. A equipa está bem, está a defender melhor e agora vamos até onde nos deixarem. Estamos no quarto lugar com todo o mérito.”
Carlos Realista treinador da AA Espinho. “ O Barcelos foi um justo vencedor mas penso que por numero exagerados. A margem mínima seria o mais correcto. No entanto a grande diferença esteve na finalização e nesse capitulo o Barcelos marcou e o Espinho não”.






Ficha técnica
Pavilhão Municipal de Barcelos
Árbitros: José Pinto do Porto e Paulo Rainha do Minho
Ao intervalo: 2-0
cartões azul: João Pinto

OC Barcelos 4
Paulo Matos, António Leal, Zé Pedro (2g), Jorge Maceda e André Centeno
Jogaram ainda: Hugo Costa (2g), Nuno Almeida
Treinador: José Fernandes


AA Espinho 2
Ângelo Girão, Eduardo Brás, João Pinto, André Pinto e Miguel Sousa
Jogaram ainda: Carlos Saraiva (1g), Filipe Sousa, António Costa
Treinador: Carlos Realista

I Divisão - Riba d'Ave vence Inf. Sagres por 6-3


Em jogo de aflitos, o Riba d'Ave somou uma importante vitória sobre um adversário directo na luta pela manutenção, o Infante Sagres aproximando-se assim face à desistência do Porto Santo dos lugares acima da linha de descida.
Foi o segundo triunfo na prova "dentro" de ringue, situação que permite aos minhotos somarem nesta altura sete pontos e avistarem o Gulpilhares que tem menos um jogo diante do FC Porto na próxima quarta feira.
O triunfo começou aos 12'com o golo do capitão Joel Ferreira na primeira parte. Alias foi o único antes do descanso. na segunda parte o Infante empatou por Tiago Pimenta aos 3'.
Logo a seguir os minhotos voltaram a marcar por Pedro Nogueira de livre directo a castigar cartão azul a Tiago Pimenta.
O minuto treze foi de sorte para a equipa de Horácio Ferreira que marcou dois golos aumentando assim a vantagem com dois golos de Miguel Soares. sem nunca desistir de lutar por um resultado positivo o Infante reduziu para 4-2 no minuto seguinte por Gabriel Dâmaso. Volvidos dois minutos foi a vez de André Alves fazer o 5-2. Com a vantagem de tres golos os minhotos controlaram a bola e o marcador perante um Infante que lutou mas não conseguiu marcar. os visitantes conseguiram ainda fazer o 5-3 mas a resposta de Joel Ferreira fechou o resultado em 6-3.

Ficha técnica
Pavilhão do Parque das Tílias
Árbitros: Rui Lameiras e Vítor Roxo

Riba d'Ave 6
Telmo Fernandes, André Alves (1g), Pedro Salgado, António Cruz e Joel Ferreira (2g)
Jogaram ainda: Miguel Soares (2g), Pedro Sousa, Pedro Nogueira (1g) e Vítor Pimenta
Treinador: Horácio Ferreira

Infantes Sagres 3
Paulo Santos, Nelson Almeida, Gabriel Dâmaso (1g), Jorge Vieira e Tiago Pimenta (2g)
Jogaram ainda: João Gilvaz, Ricardo Carvalho, Ricardo Anastácio e Renato Fonseca
Treinador: António Gomes

1.21.2012

II Divisão - Famalicense empata 5-5 com o HC Marco



Ainda não foi desta que a equipa minhota voltou aos triunfos. Mesmo a jogar em casa a formação famalicense não conseguiu aproveitar esse factor e cedeu uma igualdade a cinco bolas com a turma do HC Marco.
Os golos minhotos foram apontados, quatro por Pedro Lei e um de Rafael Almeida.
Com esta igualdade a equipa de Famalicão foi ultrapassada na tabela classificativa pelo Povoa, somando agora catorze pontos e ocupando a 11ª posição.
Na próxima jornada os minhotos deslocam-se ao reduto do Académico da feira.

II Divisão - Jogo Grande - AD Limianos vence em Carvalhos por 6-5


No jogo mais aguardado da jornada da zona norte da segunda divisão a AD Limianos foi vencer ao reduto do líder por 6-5.
Com esta vitória a equipa minhota reduziu para apenas um ponto a distancia para o CH Carvalhos tendo agora 25 pontos, contra os 26 da equipa dos Carvalhos.
Os golos minhotos foram apontados por
João Pedro Araújo (1) 10'
Diogo Sá (1) 13'
Márcio Rodrigues (1) 15'GP
Pedro Alves (8) 41', 47'GP, 49


"Os Limianos" venceram esta sábado o Carvalhos, líder da zona norte da 2ª divisão por 6-5. Aliás este foi um sábado pintado de ouro para a equipa limiana, visto que dos 5 primeiros, apenas o Limianos venceu!

A primeira parte começou melhor para a equipa limiana, que em 15 minutos ganhou uma vantagem de três golos sem resposta! No entanto, passado um minuto, a equipa da casa respondeu e, de grande penalidade, reduziu para 3-1, resultado com que se chegou ao intervalo.

Na segunda parte, o Carvalhos entrou melhor, e aos 10 minutos reduziu para 3-2. Apesar do golo sofrido, a equipa limiana continuou tranquila e logo de seguida Pedro Alves aumentou para 4-2. O Carvalhos ainda reduziu para 4-3, mas, mais uma vez, Pedro Alves aumentou para 5-3 na marcação de uma grande penalidade. Mas o jogo estava londe de estar resolvido. A dois minutos do final, a equipa de Vila Nova de Gaia fez o 5-5 e relançou por completo a partida! Mas esta era a noite de Pedro Alves. Já dentro do último minuto, o jogador limiano aumentou para 6-5e praticamente garantiu a vitória para a equipa limiana. O Carvalhos ainda reagiu , mas já não havia tempo para mais, e "Os Limianos" saíram de Carvalhos com os três pontos na bagagem.
( fotos e ficha técnica em breve)

fonte: http://desportopontedelima.blogspot.com/

I Divisão - Porto Santo suspenso da competição . E agora como fica a classificação?



CAMPEONATO DA 1ª DIVISÃO SOMENTE COM 15 CLUBES

Como resultado direto da suspensão do Porto Santo, a 1ª Divisão Nacional, tal como as 2ª Divisões Norte e Sul, passará a ter somente 15 clubes em atividade... até que a FPP torne pública a classificação OFICIAL...

1ºFC Porto 30 10 10 0 0 0 79 29

2ºSL Benfica 28 10 9 1 0 0 73 32

3ºCandelária SC 24 10 7 3 0 0 47 24

4ºAE Física D 19 10 6 1 3 0 37 29

5ºA Acad. Espinho 16 11 5 1 5 0 46 51

6ºUD Oliveirense 16 10 5 1 4 0 40 40

7ºOC Barcelos 16 10 5 1 4 0 31 31

8º AD Valongo 15 11 5 0 6 0 49 48

9ºCD Paço de Arcos 14 10 4 2 4 0 38 34

10ºHC Braga 13 10 4 1 5 0 34 37

11ºHC "Os Tigres" 9 10 2 3 5 0 42 46

12ºACR Gulpilhares 9 10 3 0 7 0 38 53

13ºA Juventude Viana 7 11 2 1 8 0 27 44

14ºC Infante Sagres 4 11 1 1 9 0 30 68

15ºRiba d'Ave HC 3 10 1 0 9 0 23 68

16ºPorto Santo SAD 0

1.20.2012

I Divisão - Porto Santo suspenso da competição e em risco de descer à segunda divisão nacional


Segundo nota informativa da FPP, o clube de Porto santo esta suspenso de participar no campeonato da primeira divisão.

" A partida ‘AD Valongo-Porto Santo SAD’, da 12ª jornada do Nacional da 1ª divisão de hóquei em patins que estava marcada para este sábado (21 de janeiro) pelas 18 horas, foi cancelada devido à suspensão da atividade do Porto Santo SAD.
Os motivos para a suspensão da atividade do clube madeirense prendem-se, de acordo com o Regulamento de Justiça e Arbitragem, com a falta de pagamentos das despesas de organização e arbitragem.
A Federação de Patinagem de Portugal tentou sempre ser parte da solução e fez tudo o que estava ao seu alcance para que o desfecho fosse outro que não a suspensão do Porto Santo SAD ".

segundo palavras de Paulo Rodrigues vice presidente da FPP " Queremos fazer parte da solução e não do problema, mas há limites para tudo. Temos anuído aos pedidos da SAD do Porto Santo, não queremos empurrar a equipa para o precipício, mas o campeonato tem de continuar dentro da normalidade. Não podemos continuar a adiar jogos, pois isso retira credibilidade À própria competição "

Após estas declarações se o Porto Santo não comparecer amanhã para defrontar o Valongo, no pavilhão do Infante Sagres, será excluído da prova. " Já não temos mais margem para manobra. A federação e os clubes têm sido mais do que razoáveis " afirmou Paulo Rodrigues.


No entanto o blog Hóquei Minhoto sabe que a equipa do Porto Santo está a pensar em impugnar o campeonato devido à utilização irregular de um jogador que contratualmente está ligado ao clube insular e que joga num clube na primeira divisão...
Uma novela que promete ainda fazer correr muita tinta entre o continente e a ilha de Porto Santo.

Taça Cers - HC Braga estreia-se na competição em França


A única formação portuguesa presente na edição da Taça Cers, é a equipa minhota do HC Braga que este sábado se desloca a França para defrontar o actual quarto classificado do campeonato francês o RAC Saint Brieuc em jogo a ter inicio às 19.30h de Portugal.
O HC Braga que participou na final four da prova na época passada em Vila Nova Espanha, ficou isento, tal como os franceses de disputar a anterior eliminatória joga o primeiro jogo dos oitavos de final em terras francesas.
Para este jogo a turma minhota não contará com o contributo de Hélder Teixeira que irá cumprir castigo pelo cartão vermelho visto na final four da época passada.

O seu adversário, o RAC Saint Brieuc ocupa na liga francesa a quarta posição com dezoito pontos a sete do líder o HC Quevert.
O HC Braga caso consiga ultrapassar o Saint Brieuc jogará nos quartos de final com o vencedor do jogo entre o HC Quevert (FRANÇA) e RHC Friedlingen (SUIÇA.
Os árbitros são ANGELO PERRONE e SALVATORE TARTARELLI

I DIVISÃO - OC Barcelos recebe AA Espinho



O OC Barcelos volta a jogar finalmente no seu pavilhão neste ano de 2012. Ainda a saborear a fantástica vitória fora de portas em Valongo por 6-3, os minhotos recebem a AA Espinho a partir das 21.00 horas no pavilhão municipal de Barcelos.
Um jogo interessante já que as duas formações estão empatadas na classificação ambas com dezasseis pontos mas com o OC Barcelos com menos um jogo.
Os barcelenses que não jogam em casa desde o dia 3 de Dezembro de 2011, contam com duas vitorias, 3-1 sobre o HC Braga e 4-3 sobre o Gulpilhares e duas derrotas contra o Benfica por 6-2 e com o FC porto por 5-3.
A AA Espinho fora de casa perdeu em Braga por 5-4, em Gulpilhares por 6-2, no Benfica por 11-5 e no Porto por 8-4, tendo apenas vencido em Viana do Castelo por 3-1.
O jogo será dirigido pelos árbitros José Pinto (Porto) e Paulo Rainha (Minho)

I DIVISÃO - Riba d'Ave recebe Infante Sagres " Jogo de aflitos"


É certamente um jogo decisivo para as aspirações quer dos minhotos,quer do Infante Sagres que procuram pontos para fugirem à despromoção.
O cenário na tabela classificativa não é nada animador para as duas equipas. Os minhotos somam seis pontos e o Infante apenas quatro.
A distancia pontual para a primeira equipa acima da linha de descida o Gulpilhares é considerável, ou seja seis pontos para o Riba d'Ave e oito para os visitantes.
Por isso só a vitoria interessa a qualquer equipa.
Os minhotos que em casa apenas venceram dois jogo frente aos Tigres de Almeirim e pela falta de comparência do Porto Santo tentarão aproveitar o facto de contarem com o apoio dos seus adeptos. A turma do Infante sagres que fora de portas alcançou um empate curiosamente contra a equipa de Almeirim sabe da importância decisiva de somar pontos.
Para este jogo de aflitos às 21.00 horas no pavilhão do Parque da Tílias foram nomeados os árbitros Rui Lameiras (Setúbal) e Vítor Roxo (Leiria)

II Divisão - Jogo Grande - AD Limianos visita líder o CH Carvalhos


Jogo grande este sábado com a equipa da AD Limianos segunda classificada a defrontar o CH Carvalhos comandante da prova no reduto da turma dos arredores do Porto.
A fazer uma excelente campanha os minhotos tem uma difícil deslocação a um candidato à subida de divisão. Neste momento são quatro os pontos que separam as duas equipas na tabela. A equipa dos Carvalhos tem 26 pontos contra os 22 pontos da AD Limianos.
Para alem dos três pontos em disputa,outra curiosidade prende-se com o confronto de dois "Márcios", melhores marcadores da prova. O limiano Márcio Rodrigues tem 26 tentos contra os 24 de Márcio Fonseca avançado dos Carvalhos.
Na presente temporada a equipa dos Carvalhos no seu reduto apenas cedeu um empate a quatro bolas com o HC Cambra. Nas outras partidas venceu por 3-2 a Juv Pacense, 5-3 a Nortecoope, 10-2 o HC Marco e 6-5 a Escola Livre.
Quanto aos minhotos fora de portas, vitórias na Povoa por 4-0, na Nortecoope por 4-3, 9-5 na Escola Livre, um empate a quatro em Vale de Cambra e apenas uma derrota em Santa Maria da Feira por 8-6.
Para este escaldante jogo a ter inicio às 18.00 horas foram designados os árbitros Jorge Carmona (Lisboa) e João Duarte (Lisboa)

II Divisão - Famalicense recebe HC Marco


Depois da derrota na Mealhada a equipa minhota recebe este sábado às 21horas no seu pavilhão a turma do HC Marco.
O Famalicense que tem vindo a descer na tabela classificativa procura quebrar uma serie de quatro jogos sem ganhar.
Desde a vitoria caseira por 3-2 frente à turma da Escola Livre que os minhotos nunca mais souberam vencer. Apenas registaram um empate a onze bolas em Paço de Rei. De resto derrotas em casa com os Carvalhos por 10-5 e fora em Paços de Ferreira por 11-10 e na Mealhada por 8-4.
O seu adversário, o HC Marco que tem mais quatro pontos na tabela classificativa. Nos seus jogos fora de casa sofreu as suas únicas três derrotas, 6-2 em Cambra, 10-2 nos Carvalhos e 3-1 na Nortecoope. Pelo meio venceu uma vez na Povoa por 8-3 e empatou a sete bolas na Escola Livre.
Espera-se que o factor casa seja aproveitado pelos minhotos para somarem os três pontos, num jogo que será apitado pelos árbitros Fernando Cabaço (Lisboa) e Luís Barbosa (Setúbal).

1.19.2012

I DIVISÃO - Porto Santo consegue adiar jogo com o Paço d'Arcos para 5 de Abril



O adiamento dos jogos tem sido para já a solução por parte do Porto Santo para evitar a terceira falta de comparência e consequente exclusão do nacional da primeira divisão.
Recorde-se que o Porto Santo já faltou aos jogos em Braga e em Riba d'Ave.
Segundo o que o Blog Hóquei Minhoto conseguiu apurar a falta de verbas provenientes do IDRAM está a complicar a vida ao conjunto madeirense, pelo que a solução foi uma vez mais adiar a partida contra a equipa de Paulo Garrido
O jogo com o Paço d'Arcos inicialmente marcado para hoje quinta feira às 21 horas foi adiado para 5 de Abril, tal como a partida de sábado em Valongo.
São já vários os adiamentos feitos pela equipa do Porto Santo que assim tem tido a concordância dos outros emblemas que participam na 1ª divisão nacional.

III Divisão - CART Superinertes - S. Roque de novo adiado


O jogo entre o CART Superinertes - S. Roque foi uma vez mais adiado. No seu primeiro adiamento ficou para este sábado dia 21 de Janeiro sábado mas depois de nova solicitação da equipa madeirense passou para o dia 19 de Fevereiro às 16 horas.
Perante esta situação a equipa minhota estará parada este fim de semana.

1.18.2012

I DIVISÃO - HC Braga - AA Espinho ainda se joga mas fora do ringue


Luís Botelho, director do HC Braga ao centro na foto, disse ao jornal " Record " já ter avançado com uma queixa para o Ministério Público na sequência dos confrontos que tiveram lugar depois do jogo que os minhotos realizaram em casa com a Ac. Espinho, no último dia 7.

No final do encontro, já quando os visitantes faziam exercícios de aquecimento, gerou-se grande agitação no recinto, com jogadores, dirigentes, adeptos, e até um polícia, envolvidos na confusão. João Pinto, jogador da Ac. Espinho, terá sido agredido a soco – partiu um dente.

O dirigente do HC Braga diz que foi ameaçado de morte por João Pinto. "Felizmente temos imagens gravadas. O João Pinto começou a cuspir em cima dos adeptos e, ainda não satisfeito, virou-se para o camarote e ameaçou-me, dizendo que me ia dar um tiro. No corredor de acesso aos balneários agrediu um dirigente do HC Braga. Depois foi ao balneário, trocou os patins pelas sapatilhas e à frente da nossa equipa de Infantis começou a ameaçar-me, dizendo que me ia matar com um tiro na cabeça", explica Luís Botelho, acrescentando: "Eu estava sentado no banco de suplentes (ele estava com o André Centeno), quando os jogadores do HC Braga entraram para fazer alongamentos. Gerou-se uma confusão com o João Pinto e quando fui para separá-los tenho a ideia que lhe terei dado uma cotovelada ao afastá-lo de um jogador do HC Braga que ele se preparava para agredir. Porém, também levei um pontapé e um murro do Realista treinador da Ac. Espinho. O João Pinto continuou a ameaçar-me e por isso apresentei na semana passada queixa ao Ministério Público".

Resposta
Contactado pelo "Record", João Pinto conta outra versão. "Isso é completamente mentira. Tenho como testemunhas o André Centeno, o seleccionador de Angola, Orlando Graça, além do Comissário da PSP de Braga. Não recebi qualquer notificação, mas gostava de ver as imagens, pois assim provava-se quem está a falar a verdade. Ele é que será notificado por aquilo que fez". Já o treinador Carlos Realista não quis fazer comentários

1.17.2012

I DIVISÃO - Goleadores minhotos com sete golos após a 11ª Jornada

Na primeira divisão o melhor marcador a nível nacional é Luís Viana com 23 golos, seguido de Hugo Azevedo com 22 e de Martin Montivero e Reinaldo Ventura com 21.
Quanto aos clubes do Minho ainda ninguém sobressai já que são vários os jogadores das equipas minhotas empatados no melhor registo com sete tentos.

Lista dos goleadores da equipas do MINHO
Diogo Fernandes 7 ( Juv Viana )
Rodrigo Sousa 7 ( Juv Viana )
Hélder Nunes 7 ( HC Braga )
José Costa Rafa 7 ( HC Braga )
António Cruz 7 ( Riba d'Ave )
Miguel Soares 7 ( Riba d'Ave )
Henrique Magalhães 6 ( HC Braga )
António Leal 6 ( OC Barcelos )
Zé Pedro 6 ( OC Barcelos )
Álvaro Pinto 5 ( Juv Viana )
Hugo Costa 5 ( OC Barcelos )
Nuno Félix 4 ( OC Barcelos )
Jorge Faria Rato 4 ( HC Braga )
Hélder Teixeira 4 ( HC Braga )
André Alves 3 ( Riba d'Ave )
Pedro Nogueira 3 ( Riba d'Ave )
Joel Coelho 3 ( Juv Viana )
André Centeno 3 ( OC Barcelos )
Carlos André 3 ( OC Barcelos )
André Torres 2 ( HC Braga )
Luís Filipe 2 ( HC Braga )
Vítor Oliveira 2 ( HC Braga )
Nuno Almeida 2 ( OC Barcelos )
Jorge Maceda Xixa 2 ( OC Barcelos )
Joel Ferreira 2 ( Riba d'Ave )
Pedro Sousa 1 ( Riba d'Ave )
César Pinheiro 1 ( Juv Viana )
Daniel Coelho 1 ( Juv Viana )
Didi 1 ( Juv Viana )
Hélder Martins 1 ( Juv Viana ) transferido para a AD Limianos
Nuno Alves 1 ( Juv Viana ) transferido para o Famalicense