Final Four da Taça de Portugal

Final Four da Taça de Portugal
Final Four da Taça de Portugal

4.30.2019

Sub 13 do HC Braga vencem Taça do Minho


Disputou-se no pavilhão das Goladas a Taça de do Minho de Sub 13 com o triunfo a pertencer aos bracarenses que na final derrotaram a AD Barcelos/Campo nas grandes penalidades por 5-4.
Em tempo regulamentar e no prolongamento o marcador manteve-se numa igualdade a duas bolas.
Para se encontrar o vencedor foi preciso esperar pela terceira serie de grandes penalidades com o HC Braga a levar a melhor marcando o tento do triunfo.
1ª serie 2-2
2ª serie 0-0
3ª serie 1-0

Nesta final four estiveram presentes, para além do HC Braga, a AD Barcelos/Campo, a AD Limianos e Famalicense.
Uma grande jornada de hóquei em patins valorizada pela entrega das quatro equipas presentes.

Resultados
AD Barcelos/Campo 6 Famalicense 0
HC Braga 3 AD Limianos 2

Final
HC Braga 5 AD Barcelos/Campo 4
( após grandes penalidades )

Foto: HC Braga 


4.29.2019

Famalicense perde em casa com o Infante Sagres




O Infante Sagres foi ao reduto do Famalicense alcançar três importantes pontos, que podem ter sido decisivos para a manutenção na segunda divisão, zona norte.
Uma vitoria por 4-3 com golos de Márcio Rodrigues (3) e Eduardo Brás, enquanto pelo Famalicense marcaram Rui Silva " Folhetas " (2) e Manuel Pinheiro (1).

Este triunfo permitiu inclusive que o Infante Sagres ultrapassa-se a turma de Famalicão na classificação, somando agora trinta e três pontos.
Acabou por ser um jogo com duas partes distintas.
Na primeira parte mandou o Famalicense que chegou ao intervalo a vencer por 2-0 enquanto que no segundo tempo, o Infante Sagres soube virar o resultado negativo de 3-1, para 4-3 a seu favor.
Com apenas duas jornadas para o fim, o Famalicense que tem trinta e dois pontos desloca-se na próxima ronda a Ponte de Lima e recebe na ultima ronda, a Sanjoanense.
Em relação ao Infante Sagres, recebe o CH Carvalhos e desloca-se ao ultimo classificado, o CRPF Lavra.

Neste momento o Famalicense é 9º classificado com trinta e dois pontos e o Infante Sagres 8º com trinta e três.
Matematicamente ambas as equipas não estão a salvo da descida.
Para isso se saber o jogo em atraso  da próxima quarta feira entre o CD Povoa e o Valença pode ajudar a definir posições.
Em caso de derrota dos poveiros, Famalicense e Infante Sagres ficam com a permanência assegurada.

Foto: José Gomes / Hóquei Minhoto

4.28.2019

Sub 20 - HC Braga perde em Paço d'Arcos


O HC Braga deixou fugir uma vantagem de 4-3 ao intervalo, perdendo em Paço d'Arcos por 8-7 em partida da 8ª jornada da fase final de juniores.
Os minhotos superiores nos primeiros minutos fizeram o 2-0 por António Trabulo, que podiam ter sido melhor, mas o mesmo jogador a seguir desperdiçou dois livre s direto.
Mesmo assim o HC Braga fez o 3-0 por Guilherme Leitão, permitindo depois que o Paço d'Arcos encurta-se para 3-2 com dois golos de Bruno Frade, ambos de livre direto.
Em cima do descanso, o Braga fez o 4-2  Matteo Molina e João Mendes o 4-3.

No segundo tempo, João Mendes empatou, lançando o Paço d'Arcos no jogo.
A equipa da linha, aos 11' passou a vencer por 6-4, graças aos tentos de Bruno Frade e José Tiago.
Aos 14', os minhotos reduziram para 6-5 por Francisco Soares.
Nos minutos finais, João Mendes fez o 7-5 aos 20', Afonso Ferreira aos 22' obteve o 7-6, Bruno Frade o 8-6 e Guilherme Leitão o 8-7 final.
Ao fim da 8ª jornada, o Paço d'Arcos soma dez pontos e o HC Braga apenas três, curiosamente graças ao triunfo na primeira volta nas Goladas diante o Paço d'Arcos por 4-3.
Para as duas formações, na próxima jornada, o Paço d'Arcos joga na Sanjoanense e o HC Braga defronta o Sporting CP.

Foto: Francisco Leitão

AD Limianos vence em Espinho



A AD Limianos que liderou o nacional da segunda divisão, zona norte nas primeiras jornadas e depois andou em zona de despromoção, está muito próximo de assegurar a manutenção, após  importante vitoria alcançada em Espinho por 5-4.
A duas jornadas do fim, a turma orientada por Paulo Morais soma trinta e um pontos, mais três que a AA Coimbra e mais seis em relação ao CD Povoa.
No entanto a equipa da Povoa de Varzim tem menos um jogo realizado que cumpre dia 1 de maio com o Valença.
Perante tal situação, o jogo da próxima jornada em casa com o Famalicense pode confirmar a permanência no segundo escalão por parte do conjunto de Ponte de Lima.

Quanto ao jogo em Espinho, a equipa da casa por Tiago Ferraz e Frederico Saraiva chegou ao 2-0, mas em cima do intervalo os minhotos reduziram por Pedro Braga.
No segundo tempo, a AD Limianos surpreendeu e após ter feito o empate por Miguel Castro nos primeiros segundos, deu a volta aos 4' por José Pedro Carvalho de livre direto.
Mas a AA Espinho voltou a entrar no jogo e fez nova igualdade por Miguel Costa e passou para a frente aos 8' por André Pinto de grande penalidade.
Numa partida muito tensa e emotiva, com muitas faltas, a AD Limianos viu José Pedro Carvalho falhar um livre direto.
Seria em igual lance que aos 17' Tiago Crespo igualou a quatro bolas o marcador, para segundos a seguir Frederico Saraiva desperdiçar igual infração.
O tento do triunfo dos limianos apareceu no ultimo minuto por José Pedro Carvalho. 
Para a penúltima jornada, a AD Limianos recebe o Famalicense e a AA Espinho, quarta classificada, desloca-se ao reduto do líder Sanjoanense.

Foto: Paulo Rodrigues / Hóquei Minhoto

CE Lleida conquista a WS Europe



CE Lleida conquista a WS Europe

A agora denominada WS Europe Cup ( antiga Taça Cers ) voltou a ter como vencedor a equipa espanhola do CE LLeida que na final derrotou os italianos do Sarzana por 6-3.
Recorde-se que em 2018, o CE Lleida tinha na final após grandes penalidades, derrotado o OC Barcelos.
Para chegar à final da prova, organizada de novo pelo CE Lleida, esta afastou o Voltregà por 5-2 e o Sarzana eliminou o Valdagno no prolongamento por 4-2.

Na partida decisiva que foi dirigida pelos árbitros portugueses, Joaquim Pinto e Rui Torres, o CE Lleida andou sempre na frente do marcador, muito por culpa da eficácia nos lances de bola parada que nos três lances alcançados, marcou sempre.
A tarefa do Sarzana, orientada pelo conhecido Alessandro Bertolucci, ao intervalo já demonstrava dificuldades com o 2-1 a favor do CE Lleida.
No segundo tempo, o CE Lleida soube gerir da melhor forma a vantagem que conseguiu adquirir, principalmente a partir do 3-2.
Os marcadores do CE Lleida foram de Maximiliano "Maxi" Oruste (2), Roberto Di Benedetto (2),  Bruno Di Benedetto (1) e  Jordi "Xixi" Creus (1).
Por parte do Sarzana apontaram, Danilo Rampulla, Davide Borsi e Francisco "Pancho" Ipiñaza.

Tanto o CE Lleida como o Sarzana ja asseguraram a sua presença na final four da Taça Continental, onde aguardam pelos finalista da Liga Europeia que se realiza no Pavilhão João Rocha com Sporting CP, Benfica, Barcelona e FC Porto.

4.27.2019

HC Braga muito perto da manutenção



O HC Braga deu um enorme salto, rumo à manutenção após vencer na Marinha Grande, o Marinhense por 7-4.
A três jornadas do final do campeonato, a formação bracarense soma vinte e sete pontos, mais sete que a primeira equipa em zona de descida, o SC Tomar.
Diante o despromovido SC Marinhense, os minhotos estiveram a perder por 2-0, golos de Gonçalo Domingues e Filipe Vaz, mas antes do descanso deram a volta passando a vencer por 3-2, graças a um bis de Afonso Lima e um de Tomás Castanheira.
No segundo tempo, o HC Braga aumentou a sua vantagem para 5-2 por Angelo Fernandes e Pedro Delgado " Bekas ".
O SC Marinhense por Nico Carmona ainda conseguir intrometer-se no resultado por duas vezes, tendo Juan Lopez e Ângelo Fernandes feito os outros dois golos minhotos, estabelecendo o resultado final de 7-4 para o HC Braga.

Matematicamente o HC Braga ainda não assegurou a manutenção, mas perante os jogos que restam aos outros clubes que lutam por esse objetivo, só mesmo um conjugação enorme de resultados, impedirá que a equipa de Rui Neto alcance a permanência.
Na próxima jornada, nas Goladas ha derbi minhoto com o Braga a receber o OC Barcelos.
Por parte do SC Marinhense, volta a jogar em casa, defrontando o Sporting CP.

Foto/Frame do jogo - Jornal da Marinha Grande

FC Porto passou em Barcelos



O FC Porto passou em Barcelos e manteve o primeiro lugar no campeonato, após triunfo por 7-3

Numa das deslocações mais complicadas para os portistas até ao final da prova, a turma do Porto soube ser eficaz ao aproveitar bem as situações de golo criadas
Com um começo eficaz, o FC Porto chegou aos 8' a vencer por 3-0, com tentos dois de Hélder Nunes e um de Gonçalo Alves.
O OC Barcelos acalmou defensivamente e passou a criar perigo junto da baliza de Carles Grau.
Adivinhava-se o golo do Barcelos, que surgiu aos 13' por Joca Guimarães, que aproveitou da melhor forma um livre direto desperdiçado por Rúben Sousa, segundos antes.
No entanto o FC Porto com o jogo controlado voltar a aproveitar as falhas defensivas dos minhotos para chegar ao 5-1, por Giulio Cocco e Hélder Nunes.
Em cima do descanso o FC Porto ainda falhou uma grande penalidade por Gonçalo Alves.

No segundo tempo o OC Barcelos que nunca desistiu de tentar o golo, conseguiu encurtar para 5-3 por José Almeida e Gonçalo Nunes.
Pelo meio ainda podia ter feito mais um golo, mas José Almeida não concretizou um livre direto.
Aos 17' a turma de Barcelos cometeu a décima falta, onde Hélder Nunes após rematar para a tabela de fundo conseguiu recuperar o esférico e diante Ricardo Silva fez o 6-3.
Perante a vantagem o FC Porto abrandou o ritmo de jogo, espreitando o contra ataque.
Numa dessas situações aos 23' Reinaldo Garcia fez o 7-3, fixando o resultado final.

Foto: António Araujo / Hóquei Minhoto 





4.24.2019

Que se passa na formação Minhota ? Onde anda a formação do MINHO ?




Olhando para as convocatórias para os treinos de sub 17 e sub 19, uma pergunta tem de ser feita.
Onde anda a formação do MINHO ?

Depois do sétimo lugar alcançado em Sub 15 no Inter Regiões realizado em Vila Franca de Xira, surgem os primeiros treinos das seleções de sub 17 e sub 19 sem nenhum atleta minhoto vinculado a um clube do minho...

Ainda não muito longe, a Associação de Patinagem do Minho tinha jogadores convocados para as seleções, mas neste momento é uma realidade triste.
Não há um único jogador que seja convocado e que esteja ao serviço de um clube do Minho.

Uma situação que merece uma boa reflexão, sim uma boa e profunda reflexão por parte dos dirigentes dos clubes do Minho em relação aos escalões de formação.

Neste momento nos nacionais estão o HC Braga nos juniores ( fase final ), o OC Barcelos e Riba d'Ave a disputar a Taça nacional de juniores, o Famalicense em sub 17 a disputar a fase de acesso à " poule " final  e o OC Barcelos em sub 15 com apuramento garantido para a discussão da " poule " final.
Em sub 13, OC Barcelos e ADB Campo ficaram pelo caminho.

Com tantos clubes e com tanta formação, o Minho deixou de ter jogadores nas seleções...

4.21.2019

Portugal vence Taça das Nações



A seleção de Portugal conquistou a 68ª edição da Taça das Nações ao vencer na final a Argentina por 5-3.
Foi a 19ª conquista da seleção de Portugal da prova mais antiga da modalidade.

Uma grande exibição portuguesa foi o suficiente para superar uma Argentina que defendia o titulo conquistado na edição anterior.
Para Portugal o inicio forte foi determinante, com Henrique Magalhães a fazer o 1-0 aos 3' e Rafael Costa aos 9' o 2-0.
Aos 11' a Argentina reduziu por Lucas Ordoñez de livre direto, mas antes do intervalo, Portugal fez o 3-1 por Gonçalo Alves aos 19'.

Na segunda parte a Argentina entrou disposta a lutar pelo resultado, acabando por chegar ao empate com um bis de Lucas Ordoñez.
Com a igualdade, Portugal mostrou superioridade e chegou ao triunfo com dois golos de João Rodrigues, fazendo o 5-3 final.
Acabou por ser uma prova de fogo de Portugal que conseguiu " roubar " o titulo à Argentina que na sua seleção tem sete jogadores a jogar em Portugal.
Foi a melhor estreia do novo selecionador de Portugal, Renato Garrido.

No terceiro lugar ficou a Itália que venceu Angola por 7-1, a França em quinto depois de derrotar a Espanha por 4-2 e por fim Montreux em sétimo ao superar a Suíça por 4-2.

Parabéns a toda a seleção e um abraço especial aos minhotos, Hélder Nunes, Rafael Costa, Gonçalo Alves e Miguel Vieira

Famalicense perde em casa com a AA Coimbra



A AA Coimbra voltou a fazer "estragos" no minho, desta vez em Famalicão, onde somou uma importante vitoria diante o Famalicense por 5-3.
A formação de Coimbra a efetuar uma grande segunda volta do nacional da segunda divisão zona norte, onde até ao momento obteve vinte pontos, contra os oito pontos alcançados na primeira volta, foi a Famalicão vencer e manter acesa a luta pela manutenção.
Com uma exibição segura, a AA Coimbra entrou forte e com naturalidade chegou ao 2-0 com golos de Daniel Homem e Gonçalo Oliveira.
Antes do intervalo, o Famalicense reduziu por Rui Silva " Folhetas ", dando algum alento aos minhotos para a segunda parte.
No entanto a AA Coimbra voltou a marcar primeiro, por Alexandre Santos, mas o Famalicense conseguiu empatar Serafim Silva e Rui Silva " Folhetas ".
Sabendo que tinha de pontuar, o conjunto de Coimbra acreditou e nos últimos minutos conseguiu obter o triunfo com tentos de Alexandre Santos e Gonçalo Oliveira.
Com apenas três jornadas para o fim da prova, o Famalicense que caiu para o oitavo lugar com trinta e dois pontos terá de pelo menos vencer um dos jogos que faltam ( AD Limianos, Sanjoanense e Infante Sagres ) para assegurar rapidamente a manutenção.
Em sentido contrario, a AA Coimbra atualmente com vinte e oito pontos, sabe que as três ultimas jornadas, fora com o CH Carvalhos e Valença e em casa com o Lavra, são autenticas finais para a permanecia na segunda divisão.
Neste momento a AA Coimbra está acima da linha de descida, tendo atrás de si o CD Povoa com menos um jogo e com vinte e cinco pontos.
Em caso de igualdade entre CD Povoa e AA Coimbra a vantagem é da Briosa que venceu em casa por 5-3 e perdeu na Povoa por 5-4

Foto: José Gomes / Hóquei Minhoto

4.20.2019

Portugal na final da Taça das Nações



Sofreu muito, mas Portugal está na final da Taça das Nações, depois de superar a aguerrida seleção de Itália por 3-2.
Ao longo de todo o jogo foi notório algum cansaço de Portugal, fator que condicionou a prestação lusa que não contou com o lesionado Telmo Pinto. 
Perante uma boa organização defensiva de Itália, a seleção portuguesa só aos 22' conseguiu abrir o marcador de livre direto por Gonçalo Alves.
A vantagem durou poucos segundos, porque a Itália empatou de livre direto por Francesco Compagno, fazendo o resultado ao intervalo.

No segundo tempo, aos 14' Rafael Costa voltou a colocar Portugal na frente, mas a exemplo da etapa inicial, a Itália reagiu e igualou aos 19' por Davide Banini.
Aos 21', Portugal fez o 3-2 por Jorge Silva a aproveitar bem a bola na área italiana e podia ter acabado com o sofrimento final se João Rodrigues tivesse aproveitado um livre direto a seguir.

A seleção de Portugal volta a marcar presença na final, jogando com a Argentina que derrotou Angola por 4-3.


Foto: David Barbosa

Em jogo louco, AD Limianos vence HC Maia



O Municipal de Ponte de Lima recebeu o jogo de aflitos entre a AD Limianos e o HC Maia, tendo o triunfo pertencido aos minhotos por 4-3, com o golo e a vitoria a surgir ultimo segundo da partida.

Em zona de descida, o HC Maia sabia que tinha de pontuar e por isso adiantou-se aos 12' no marcador por António Cruz.
O autor do golo do clube da Maia aos 17' viu o cartão azul, originando um livre direto que José Pedro Carvalho não aproveitou.
Mas aos 21'  José Pedro Carvalho chegou ao empate, fazendo o resultado ao intervalo.
Na segunda parte, António Cruz aos 10' voltou a colocar o HC Maia na frente do marcador, depois de José Pedro Carvalho ter falhado um livre direto.
A AD Limianos não tremeu e deu a volta ao resultado, primeiro aos 14' por Pedro Braga de livre direto e depois aos 15' por José Pedro Carvalho.
Logo a seguir os minhotos fizeram a décima falta, situação que de livre direto foi aproveitada por António Cruz para fazer novo empate.
Com a igualdade, ambas as equipas não arriscaram muito, procurando jogar no erro para criar perigo até que nos últimos minutos a emoção apareceu e de que maneira.
Aos aos 23' Pedro Braga falhou um livre direto, a oito segundos do fim António Cruz fez o mesmo e em cima do apito final, a loucura completa para os minhotos com José Pedro Carvalho a fazer o 4-3.

Perante este desfecho da 23ª jornada, a AD Limianos passou a somar vinte e oito pontos, contra os vinte e dois do HC Maia.

Na próxima jornada, a AD Limianos desloca-se a Espinho e o HC Maia recebe a Sanjoanense.

Foto: Bruno Machado

André Torres renova pelo Famalicense



André Torres, treinador dos escalões de sub17 e sub20 do Famalicense Atlético Clube, renovou o seu vínculo com o FAC, para a próxima temporada.
André vai manter o comando técnico do escalão de sub17 e orientará o novo escalão de sub19.
Depois de colocar o FAC no campeonato nacional no escalão de sub17, onde brilhantemente disputa o acesso á Fase final nacional, o objectivo da próxima temporada é ainda mais ambicioso e queremos a presença entre os melhores, nos sub17 e sub19.

Depois de na presente época ter conseguido o acesso ao campeonato nacional no escalão de sub17, onde brilhantemente neste momento lutam pelo acesso à final-four, o objectivo da próxima temporada é ainda mais ambicioso e queremos a presença entre os melhores, nos sub17 e sub19.


CONTINUAÇÃO DE UM BOM TRABALHO E BOA SORTE ANDRÉ!!
Fonte: Famalicense AC

4.19.2019

Taça das Nações - Portugal na meia final com Itália



Estão definidas as meias finais da Taça das Nações, após os últimos jogos da terceira jornada da fase de grupos.
No grupo A, a seleção de Portugal empatou a quatro bolas com a Espanha, resultado que permitiu aos portugueses terminarem no primeiro lugar e defrontar a Itália ( perdeu com a Argentina por 6-0 ), arredando os espanhóis das meias finais.
Quem acompanha Portugal no grupo A, é Angola que agora vai medir forças na meia final com a Argentina, primeira classificada do grupo B.

No eterno duelo ibérico, Portugal conseguiu na primeira parte responder sempre aos golos da Espanha, que esteve a vencer por 1-0 e 2-1.
Para a segunda parte foi o inverso, com Espanha a recuperar a desvantagem de 3-2 e 4-3.
Marcaram por Portugal, Gonçalo Alves, Hélder Nunes, Jorge Silva e João Rodrigues, enquanto por Espanha apontaram César Carballeira, Marc Julià e Lluis Ricart (2).

Jogos para sabado
Meias finais
18h Portugal - Itália
20.30 Argentina - Angola

5º ao 8º lugar
13H França - Suíça
15.30H Espanha - Montreux

III D - Paredes II vence ADB Campo


Em partida da 24ª jornada, o Paredes II foi a São Salvador do Campo vencer por 5-2 e saltar para o segundo lugar do nacional da terceira divisão, serie A.
A turma de Diogo Pereira sabendo da importância dos três pontos, não facilitou e ao intervalo vencia por 3-0.
No segundo tempo, apesar da reação da ADB Campo, o Paredes II conseguiu ter sempre o jogo controlado.
Decisivos no triunfo do Paredes II foram os golos de Gil Cardoso (2), Nené Magalhães (1), Gonçalo Figueiredo (1) e Gonçalo Ouro (1), tendo reduzido para a ADB Campo Alexandre Azevedo e Luís Martins.

Perante este triunfo, o Paredes II igualou o HC Marco no segundo lugar com quarenta e cinco pontos, seguidos do Fanzeres (-1 jogo ) com quarenta e quatro pontos.
Em relação à ADB Campo, continua no 9º lugar com vinte pontos.
Para a próxima, a 25ª jornada, o Paredes II recebe o Académico FC e a ADB Campo joga em Fão, numa ronda onde o HC Marco folga.

Foto: Sara Ferreira / Hóquei Minhoto

VSC Barcelinhos pode estar de regresso...



Ao que foi possível apurar o Vitoria Sport Clube de Barcelinhos, coletividade que deixou de praticar a modalidade na época 2007/2008, pode voltar ao ativo.
Nesta primeira fase, a principal aposta vai para a formação barcelense, não sendo colocado de parte a composição de uma equipa sénior.

Recorde-se que o VSC Barcelinhos ombreou durante várias épocas na primeira divisão, onde numa delas chegou a terminar em quinto lugar e conseguiu a nível internacional alcançar os quartos de final da antiga Taça Cers em 1999/2000.
Em queda por vários motivos, nos escalões da modalidade, atingiu a maior, quando em 2006/2007 caiu na terceira divisão nacional, para na época seguinte " fechar " portas.
Grandes nomes passaram pelo mítico Pavilhão de São Brás em Barcelinhos, casos de Luís Filipe ( atual jogador do Famalicense ), Eduardo Marques ( atual treinador do Sesimbra ), Leonardo Tomba ( jogou recentemente no Valença ), José Querido ( atual treinador do Vilanova do Chile ) e Jorge Maceda " Xixa ", o guarda redes Paulo Matos, entre outros.

4.18.2019

Taça das Nações - Portugal derrota Angola com minhotos a marcar



A seleção de Portugal conquistou a segunda vitoria na Taça das Nações ao vencer Angola por 4-2, assumindo a liderança do grupo A, com seis pontos, contra três de Angola e Espanha.
Na base da vitoria estiver uma vez mais o contributo dos atletas do minho, com tentos de Hélder Nunes dois e um de Miguel Vieira. 
Jogaram mas não marcaram Rafael Costa e Gonçalo Alves.

Uma partida aguardada com expetativa depois da seleção angolana ter surpreendido na primeira jornada ao derrotar a Espanha por 4-3.
Acrescente-se que a seleção de Angola conta com atletas conhecidos do campeonato português, casos de João Pinto, Francisco Veludo, André Centeno e Martin Payero.
O encontro ficou marcada pela agressão de Humberto Mendes " Big " a Hélder Nunes nos segundos finais, mas que apenas foi sancionada disciplinarmente com cartão azul...

O triunfo português começou a ser construído na primeira parte, com Henrique Magalhães e Hélder Nunes a fazerem os golos que permitiram chegar ao intervalo na frente do marcador.
Na segunda parte, Portugal elevou para 3-0 por Miguel Vieira, mas André Centeno reduziu, aumentando o interesse da partida.
Num erro de Portugal aos 13', a seleção de Angola aproveitou para colocar o marcador em apenas um golo de diferença por Anderson Nery.
Aos 16', valeu a Portugal o guarda redes Ângelo Girão a impedir o empate, após defender uma grande penalidade de Martin Payero.
No minuto seguinte, Angola cometeu a décima falta, onde Hélder Nunes de forma exemplar bateu Francisco Veludo, fazendo o 4-2 para Portugal.
Com a vantagem no marcador, Portugal soube gerir os dois golos de diferença, postura que enervou e muito os jogadores de Angola.

Grupo A
2ª Jornada
Espanha 10 Suíça 1
Portugal 4 Angola 2

3ª jornada ( sexta feira )
14H Suíça - Angola
20H Portugal - Espanha


4.17.2019

Taça das Nações - Minhotos decisivos em goleada diante a Suíça



O primeiro dia da 68ª edição da Taça das Nações terminou com o jogo entre as seleções de Portugal e da Suíça, com o triunfo a pertencer aos portugueses por 9-4.
Dos nove golos de Portugal, oito pertenceram ao  clã minhoto, Gonçalo Alves (4), Helder Nunes (2) e Miguel Vieira (2). Apenas Rafael Costa não marcou.

Ao intervalo, Portugal liderava o marcador por 4-0 com tentos de Gonçalo Alves (2), Hélder Nunes e Miguel Vieira.
Na segunda parte, assistiu-se a uma reação da Suíça que chegou a estar a perder por 6-4.
Mas Portugal voltou a assumir o jogo e acabou em grande, vencendo por 9-4.
Neste segundo período, marcaram pelos portugueses, Gonçalo Alves (2), Miguel Vieira, Hélder Nunes e João Rodrigues, enquanto que pela Suíça,  Lorenzo Rui (2), Marzio Vanina e Gian Rettemund.
Para a segunda jornada, esta quinta feira, jogam às 16h Espanha com a Suíça e às 18h, Portugal defronta Angola.

Foto: David Barbosa

4.16.2019

Sub 20 - HC Braga volta a perder.



A equipa de juniores do HC Braga voltou a perder na fase final da categoria, agora na receção ao SC Tomar por 3-2.
Depois de ter começado a prova com um triunfo em casa diante o Paço d'Arcos, o HC Braga nunca mais conseguiu vencer, averbando a quinta derrota consecutiva.
Quanto ao SC Tomar somou o seu segundo triunfo na prova, relegando assim os bracarense sozinhos para o ultimo lugar.

Nas Goladas ao intervalo, o SC Tomar vencia por 1-0 que na etapa final elevou para 2-0.
O HC Braga reagiu e chegou ao empate mas na parte final, o SC Tomar alcançou o tento do triunfo.
Marcaram pelo HC Braga, Gonçalo Botelho e António Trabulo e pelo SC Tomar, Guilherme Bonet (2) e Francisco Rodrigues..

Ao fim da sexta jornada, o SC Tomar soma seis pontos e o HC Braga apenas três.
Para a próxima ronda, o HC Braga desloca-se a Valongo e o SC Tomar recebe a AD Sanjoanense.

Foto: Aquilino Ferreira / Hóquei Minhoto

AD Limianos perde mas continua acima da zona de descida




O famoso " Caldeirão " em São João da Madeira recebeu o encontro entre a AD Sanjoanense e a AD Limianos, duas equipas com objectivos bem distintos.
Diante os seus adeptos, a AD Sanjoanense venceu a formação de Ponte de Lima por 4-0, regressando assim ao primeiro lugar em igualdade pontual com o CH Carvalhos, muito por culpa também da derrota do HA Cambra em Famalicão.
Em relação à AD Limianos apesar da derrota, continua acima da zona de descida com vinte e cinco pontos, os mesmos do CD Povoa e AA Coimbra.
Quanto ao jogo, a Sanjoanense praticamente decidiu a seu favor a conquista dos três pontos na primeira metade, mas só na parte final com golos, dois de Pedro Cerqueira e um de Tiago Almeida.
No segundo tempo o golo de José Almeida de livre direto fez o 4-0 final.

A AD Sanjoanense volta a assumir a liderança, a par do CH Carvalhos com quarenta e seis pontos, seguidos do HA Cambra ( +1 jogo ) com quarenta e cinco pontos.
Para a próxima ronda, a AD Sanjoanense volta a jogar em casa, desta vez diante o Porto B.
Quanto à AD Limianos continua a sua luta pela manutenção, recebendo em casa o HC Maia que tem menos três pontos que os minhotos.

Foto: AD Sanjoanense / Edgar Pinho

4.15.2019

Riba d'Ave afasta OC Barcelos da Taça



Com uma excelente moldura humana no municipal de Barcelos, a equipa do Riba d'Ave ( esteve na final four de 2018 em Tomar ) afastou o OC Barcelos da Taça de Portugal com o triunfo por 4-3.

Uma grande exibição do guarda redes do Riba d'ave, Pedro Freitas e uma eficácia total ( hat-trick Nuno Pereira Miccoli ), foram fatores determinantes para que a equipa de Hugo Azevedo segui-se me frente na competição.
Ao intervalo o Riba d'Ave comandava por 2-0 graças aos tentos de Nuno Micoli e Hugo Azevedo.
No segundo tempo, o OC Barcelos continuou a ter maior posse de bola, mas o Riba d'Ave em dois livres diretos por Nuno Pereira " Miccoli " aumentou aos 2' e aos 15' para 4-0.
Após ter começado a pressionar mais, o OC Barcelos iniciou uma recuperação no marcador por Zé Pedro, Joca Guimarães e Gonçalo Nunes reduzindo para 4-3 a cinco minutos do fim.
Um final improprio para cardíacos, com o OC Barcelos a tentar pelo menos chegar ao empate e o Riba d'Ave a esconder a bola e a segurar a diferença mínima.
Nesse período podiam ter acontecido golos, mas Nuno Pereira " Miccoli " aos 22' e Rúben Sousa aos 23' não concretizaram um livre direto.

Foto: António Araujo / Hóquei Minhoto

4.14.2019

AP Minho fecha Inter Regiões em 7º



Após se terem defrontando na fase de grupos, as seleções do Minho e do Ribatejo mediram forças para o sétimo e oitavo lugar do Inter Regiões.
Desta vez a AP Minho levou a melhor por 5-2 sobre a AP Ribatejo, ao contrario do triunfo dos ribatejanos na fase de grupos por 5-3.
Entrou melhor e a ganhar vantagem a AP Minho aos 6' por Francisco Carvalhos, mas a AP Ribatejo respondeu com o empate por João Inácio.
A AP Minho voltou a colocar-se antes do intervalo de novo na frente do marcador por Rodrigo Martins.

No segundo tempo, a AP Ribatejo voltou a igualar desta vez por Tomás Tomás.
A seguir a inspiração de João Pedro acabou por ser decisiva para que o Minho chega-se ao 5-2 e termina-se em sétimo lugar.

Em relação à edição de 2018, a AP Minho caiu um lugar, para sétimo e a AP Ribatejo a descida ainda foi maior, de quinto para oitavo.

Foto: António Lopes AL

4.13.2019

AP Minho volta a perder e vai lutar pelo 7º lugar




A AP Minho somou mais uma derrota, agora na disputa pelo 5º a 8º lugar diante a AP Leiria por 4-2.
Assim a AP Minho que tinha como objetivo chegar às meias finais vai lutar pelo setimo e oitavo lugar, depois de em Bragança ter terminado em sexto lugar.
Em abono da verdade a seleção do Minho mostrou inúmeras fragilidades defensivas que acabaram por ser aproveitadas com exito pelos seus adversários.
Foi um filme repetido neste Inter Regiões, onde a AP Minho voltou a entrar a perder quando aos 2' Lucas Gonçalves abriu o marcador.
Os minhotos reagiram e empataram por Tiago Pinheiro.
Antes do descanso, a AP Leiria voltou a adiantar-se por Guilherme Luis, mas a AP Minho voltou aos 13' a igualar por Francisco Carvalho.
No segundo tempo, A AP Leiria voltou a a aproveitar as fragilidades defensivas da AP Minho, por Lucas Gonçalves, obtendo o 3-2.
Aos 12' numa decisão muito duvidosa, João Pedro viu o cartão azul por suposta simulação, levando mesmo a muitos protestos da AP Minho.
Esses protestos ditaram dois cartões azuis ao selecionador da AP Minho.
Da infração, a AP Leira, fez o 4-2 por Lucas Gonçalves de livre direto.
Assim a AP Minho defronta o vencedor do jogo, AP Setúbal e a AP Ribatejo, para atribuição do 7º e 8º lugar.

Foto: António Lopes AL 

AP MInho vai lutar pelo 5º lugar



A seleção do Minho está fora das meias finais do 43ª edição do Inter Regiões após somar nova derrota na fase grupos.
No grupo A, os minhotos ainda tinham uma esperança em atingir as meias finais, mas para isso tinham de ganhar à AP Coimbra e esperar pelo desfecho do encontro entre o Ribatejo e a Madeira.
Com a derrota por 3-2 diante Coimbra, o adversário de Lisboa nas meias finais ficou logo conhecido, sendo a AP Coimbra.

Diante a AP Coimbra a quem o empate chegava, o Minho apesar de ter começado logo a perder aos trinta segundos, encontrou pela frente um guarda redes adversário inspirado, chamado Gustavo Carvalho que acabou por ser decisivo no resultado final.
Aos 8' Manuel Nunes alargou para 2-0, mas antes do descanso Tiago Pinheiro reduziu.
No inicio da segunda parte, o Minho tomou conta do jogo e chegou ao empate aos 5' por Rodrigo Monteiro.
Com alguma sorte, a AP Coimbra volvidos dois minutos fez o 3-2.
Ainda assim o Minho nunca deixou de atacar mas a grande exibição de Gustavo Carvalho impediu que os minhotos marcassem qualquer golo.
Assim o Minho vai jogar para o 5º ao 8º lugar, procurando melhorar a posição de Bragança onde terminou na sexta posição.
Quanto a Coimbra repete a presença nas meias finais, defrontando Lisboa.

Foto: António Lopes AL 


4.12.2019

AP Minho ainda com hipótese de chegar às meias finais



Apesar de ter perdido com a AP Porto que assegurou o primeiro lugar por 3-0, a AP Minho ainda tem hipóteses de atingir as meias finais.
Tudo porque a AP Coimbra derrotou a AP Ribatejo por 2-0, deixando em aberto a possibilidade de na ultima jornada, três equipas terminarem com seis pontos.
Para isso acontecer a AP Minho tem de vencer a AP Coimbra e depois esperar pelo resultado em termos de golos do desafio entre a AP Ribatejo e a AP Madeira.
Caso terminem as três quipas com seis pontos, a decisão será pela diferença de golos marcados e sofridos.

Em relação ao jogo com a AP Porto, os minhotos tiveram boa atitude mas o primeiro golo sofrido muito cedo complicou a tarefa.
Ainda na primeira parte a AP Porto fez o 3-0.
No segundo tempo, a AP Minho ainda tentou marcar, mas a AP Porto fechou bem a sua baliza.

No grupo A, a AP Lisboa e AP Aveiro já estão nas meias finais, jogando este sabado entre si para decidir o primeiro lugar

Foto: António Lopes AL

4.11.2019

Inter Regiões - AP Minho perde com a AP Ribatejo



Para a segunda jornada do grupo B, a AP Minho defrontou a AP Ribatejo e num renhido jogo, o triunfo pertenceu aos ribatejanos por 5-3.

Apesar de Tomás Silva ter dado vantagem aos minhotos, a formação do Ribatejo conseguiu antes do intervalo colocar-se na frente do marcador por 3-1 com golos, dois de Duarte Lourenço e um de João Inácio.
Na segunda parte a AP Minho chegou ao empate com um bis de Tiago Belchior, mas logo a seguir João Lino fez o 4-3.
Os minhotos arriscaram tudo para alcançar de novo a igualdade, mas acabaram por sofrer o 5-3 nos últimos instantes por João Inácio.
No outro jogo do grupo, a AP Porto derrotou a AP Madeira por 18-1.

Para esta sexta feira, a AP Minho defronta às 20.00H a AP Porto, estando obrigada a pontuar para não depender de outros para chegar às meias finais.

Foto: António Lopes AL 


Inter Regiões - Estreia da AP Minho ditou vitória sobre a AP Madeira




Na estreia da 43ª Edição do Inter Regiões em Vila Franca de Xira, a seleção da AP Minho no grupo B, defrontou a AP Madeira vencendo folgadamente por 7-0.

O triunfo começou muito cedo quando aos 2' Francisco Carvalho abriu o marcador, tendo aos 5' Tomás Silva elevado para 2-0.
Com uma entrada muito forte, um bis de João Coelho aumentou para 4-0.
Ainda na primeira parte Francisco Coelho fez o 5-0.
No segundo tempo o selecionador da AP Minho perante a vantagem aproveitou para rondar todos os jogadores, inclusive os guarda redes.
O marcador voltou a sofrer alteração aos 6' por Tiago Belchior, para aos 11' Tomás Silva fazer o 7-0 com que acabaria por terminar o jogo.
No outro jogo do grupo B, a AP Porto derrotou a AP Coimbra por 4-1, tendo folgado a AP Ribatejo.

A segunda jornada prossegue ainda esta quinta feira com a AP Minho a defrontar a AP Ribatejo às 21.10H.
Antes às 20.00H jogam a AP Porto com a AP Madeira, folgando a AP Coimbra.

Foto: António Lopes

4.09.2019

AP Minho realizou ultimo treino para o Inter Regiões




A seleção de sub-15 da AP Minho efetuou em Ponte de Lima, o seu ultimo treino, antes de rumar a Vila Franca de Xira, localidade que acolhe este ano a 43ª edição do Inter Regiões, depois de em 2018 a mesma se ter realizado em Bragança.
Os dez jogadores escolhidos tiveram assim oportunidade de " limar " arestas antes do inicio da prova, que começa esta quinta feira e dura até domingo.
A AP Minho ficou inserida no grupo B, juntamente com a AP Porto ( atual detentora do troféu ), AP Coimbra, AP Ribatejo e AP Madeira.



Foto: José Costa
Fonte: AP Minho

4.08.2019

Sub 20 - HC Braga perde na Luz



Não está a correr da melhor maneira a participação do HC Braga na fase final do campeonato nacional de juniores, após averbar nova derrota, desta vez na luz perante o Benfica por 7-2 em jogo da 5ª jornada.
Os minhotos que em menos de vinte e quatro horas realizaram duas partidas ( em casa com o FC Porto e fora com o Benfica) e uma viagem a Lisboa, quebraram muito cedo diante o Benfica quando ao intervalo perdiam por 7-0.
Para a equipa encarnada, o triunfo permitiu com os golos de " Xavi " Duro (3), Miguel Feio (2), Afonso Severino (1) e João Maló (1) subir ao quatro lugar com nove pontos.
Do outro lado, os tentos de Rodrigo Botelho e Gonçalo Botelho atenuaram o marcador final, colocando neste momento o HC Braga na ultima posição com apenas três pontos.
A prova segue com o HC Braga a receber o SC Tomar, equipa que soma os mesmos pontos que os bracarenses, enquanto que o Benfica desloca-se a São João da Madeira.

Foto: Aquilino Ferreira

4.07.2019

Luís Querido regressa ao OC Barcelos


A direção OC Barcelos informa todos os interessados que Luís Querido é reforço para a próxima época.

É assim um regresso do " matador " a Barcelos, de onde saiu e cumpre ainda, a segunda temporada no Amatori Lodi de Itália.
A sua garra, a sua entrega e principalmente a sua vontade em voltar a vestir a camisola do Maior de Portugal, foi determinante para este regresso.
Obrigado pela confiança depositada neste novo projeto.
Bem vindo Luís Querido.

Fonte: Pagina oficial do OC Barcelos ( Facebook )

4.06.2019

Na Parede a Juv de Viana resolveu passagem no prolongamento



Num grande jogo de hóquei em patins, em especial a segunda parte, a Juventude de Viana visitou o histórico Parede FC para os oitavos de final da Taça de Portugal.
Diante o quarto classificado da segunda divisão, zona sul, os vianenses encontram muitas e grandes dificuldades ( algumas por culpa própria ), acabando por garantir a passagem na prova, apenas no prolongamento por 5-4.

Depois da vantagem mínima ao intervalo para os minhotos através de Gonçalo Suissas, o segundo tempo foi bastante emotivo, muito por culpa, primeiro da reação do clube da linha de Cascais e depois pela recuperação dos vianenses.

O Parede FC com dois livres diretos deu a volta ao resultado por Manuel Coimbra aos 15' e por Afonso Sousa aos 20'.
Logo a seguir Luís Viana podia ter empatado mas falhou um livre direto.
Quem não marca, sofre e José Gago ampliou para 3-1 a favor do Parede.
A Juventude de Viana arriscou tudo, mas definitivamente o dia dos vianenses não corria bem quando aos 22' viram Gustavo Lima desperdiçar novo lance de bola parada, um livre direto.
Aos 23', os minhotos reduziram para 3-2 por Francisco Silva de livre direto.
Com pouco mais de um minuto para se jogar, a Juventude de Viana, pressionou na procura do empate, mas foi o Parede a ter a melhor oportunidade para definir praticamente o vencedor do jogo com Manuel Coimbra a falhar um livre direto.
A escassos trinta segundos do fim, a Juventude de Viana chegou finalmente ao empate sem guarda redes, por Gustavo Lima, levando o jogo para o prolongamento.

No tempo extra, a Juventude de Viana foi mais forte e passou para a frente logo nos primeiros segundos por Luís Viana, que aos 3' aumentou para 5-3.
Na segunda parte, o Parede não conseguiu reagir, desorientando-se por completo, situação que levou a que o treinador Pedro Gonçalves e o jogador Rodrigo Godinho fossem punidos com cartão vermelho.
Mesmo assim, o Parede ainda conseguiu reduzir para 5-4 de grande penalidade José Gago.
Uma passagem muito sofrida dos vianenses, bastante valorizada pela entrega da equipa do Parede.
Na próxima eliminatória a Juventude de Viana vai defrontar o vencedor do jogo entre o Campo de Ourique e o Benfica.

Foto: Juventude de Viana

4.05.2019

Sub 20 - FC Porto vence em Braga



O FC Porto foi às Goladas derrotar o HC Braga por 6-1 em partida da 4ª jornada da fase final de juniores.
Os atuais campeões regionais da AP Minho não conseguiram ultrapassar a boa estrutura defensiva do FC Porto, acabando por sofrer um resultado algo desnivelado, que ao intervalo já registava 4-0 a favor dos portistas.
Quanto ao FC Porto foi eficaz, contando também com a boa exibição do seu guarda redes, Alexandre Costa que defendeu inclusive na primeira parte dois lances de bola parada.
Com uma vantagem confortável alcançada ao intervalo, o segundo tempo foi mais pausado, com o FC Porto mesmo assim a apontar mais dois golos, contra o tento de honra dos minhotos no ultimo minuto.
Apontaram pelo FC Porto, Hugo Santos, João Lima, Tiago Pinto, José Gonçalves e Andrés Cataño (2) e o único do HC Braga pertenceu a Matteo Molina.  
Com este resultado, o FC Porto passou a somar nove pontos, saltando para a segunda posição, atrás da AD Valongo que tem doze pontos.
Quanto ao HC Braga manteve o setimo lugar com três pontos.
Para a próxima jornada, este sabado, o HC Braga joga fora com o Benfica e o FC Porto domingo recebe a Sanjoanense.

Foto gentilmente cedida por Sandra Alves

Telmo Fernandes " A cidade merece que a equipa esteja na final four "




TELMO FERNANDES: "A cidade, pelo que tem dado ao hóquei, merece estar representada na final four"

Este fim de semana há Taça e a Juventude de Viana vai, este Sábado, até à capital defrontar o Parede FC, da II divisão nos oitavos de final da prova. O jogo começa às 21h15.

Esta é a penúltima etapa antes da tão desejada final four da competição e, caso passe aos quartos de final, a Juventude de Viana sabe que encontrará o vencedor do jogo Campo de Ourique vs Benfica.

Na antevisão da partida, o guarda-redes Telmo Fernandes garantiu que "o objetivo é atingir a final four. É algo que Juventude tem vindo a perseguir há algum tempo e sinto que a cidade, pelo que tem dado ao hóquei, merece. Da nossa parte tudo faremos para o conseguir".

O Parede é atualmente o 4º classificado da II divisão, com 40 pontos, a 11 do líder, pelo que os vianenses têm uma grande deslocação, mas na condição de favoritos, dado o 6º lugar que ocupam na I divisão. "Temos que assumir esse favoritismo. No entanto, em jogos de Taça, a eliminar, isso não chega".

Portanto, "vamos jogar a Parede, obviamente como favoritos, e com vontade de confirmar esse favoritismo. Estamos a fazer uma segunda volta muito boa e penso que temos todas as condições para seguir em frente nesta eliminatória da taça . Do outro lado, vamos seguramente encontrar um Parede muito motivado por jogar contra uma equipa da primeira divisão, e, por conhecer bem essa realidade, sei que vai ser um jogo de superação para eles, além de que, jogando em casa, vão criar muitas dificuldades", analisou.

Por tudo isto, a equipa tem vindo a trabalhar afincadamente. "Temos no nosso plantel muitos jogadores que já participaram e ganharam final four da Taça de Portugal. Por isso sabemos bem que temos valor para lá chegar. Temos preparado muito bem todos os jogos e tenho a certeza que vamos, uma vez mais, chegar muito bem preparados para esta eliminatória. Esperemos que as três equipas envolvidas façam um bom jogo porque, se assim for, tenho a certeza que seremos felizes".

Fonte: Juventude de Viana

4.04.2019

VI Torneio do CD São Roque com Riba d'Ave presente


O Riba d'Ave vai marcar presença entre os dias 10 e 14 de abril no VI Torneio do CD São Roque, na Ilha da Madeira.
Para alem dos minhotos estarão também,  Clube Desportivo São Roque, CS Marítimo, HC Madeira, GD Estreito, Criar-T, HC Paivense, HC Lourinhã e CA Bragança.


Do futebol para o Hóquei em Patins - Tiago Mendes



O ex-futebolista internacional português, Tiago Mendes, natural de Viana do Castelo, faz parte dos novos Orgãos Sociais da Juventude Viana, recentemente eleitos. O ex-atleta de 37 anos, foi uma das escolhas do presidente da direção, Rui Natário, para integrar a Mesa da Assembleia Geral do clube minhoto de hóquei em patins para o biénio 2019/2021.
Tiago, será o primeiro vogal da MAG, que é completa por Mafalda Felgueiras, 2º Vogal e Mário Guimarães como Presidente.

Tiago Mendes, atual embaixador do desporto do concelho de Viana do Castelo, integrou as escolinhas do Sport Clube Vianense desde os 7 anos de idade e depois de outras experiências desportivas, nomeadamente o andebol, passou para o SC Braga e, em Janeiro de 2001, assina contrato com o Benfica. O vianense teve, ainda, passagens pelo Chelsea FC, o Olympique Lyonnais, Juventus e em 2011 ingressou no Atlético de Madrid, clube onde terminou a carreira como profissional.

Recorde-se, que nas eleições da Juventude Viana realizadas na passada segunda-feira, as mais concorridas dos últimos anos, o jovem empresário vianense Rui Natário, foi reeleito para um quinto mandato consecutivo.

Natário, de 39 anos, é dirigente da Juventude Viana há 22 anos, 8 como presidente da direção.

Fonte: Rádio Geice

4.03.2019

Lima Pereira não se recandidata a novo mandato no Cartaipense




Lima Pereira não se recandidata à presidência do CART

Está prestes a terminar o mandato dos atuais órgãos diretivos do CART e António Lima Pereira não se recandidatará ao cargo de Presidente da Direção, que desempenha há mais de uma década.

Para Maio próximo deverão ser convocadas eleições no CART para um novo período de dois anos.

Lima Pereira, não avançará para novo mandato. 
Ao que apuramos, na base da sua decisão, para além de questões pessoais, relacionadas com a necessidade de poder dedicar mais tempo à família, estará algum desencanto, desilusão e desgaste com a forma como a coletividade taipense tem sido tratada nos últimos tempos.

Para Lima Pereira, o trabalho que se tem realizado no CART em prol da juventude, “não tem sido devidamente reconhecido por quem de direito e essa, é uma situação que cria maior desgaste nas pessoas”.

Há mais de uma década na liderança do CART, Lima Pereira está decidido a “passar a pasta” a quem se apresente com novas ideias e maior motivação para assumir os destinos da coletividade.

Fonte: Reflexo Digital 

4.02.2019

Rui Natário reeleito presidente da Juv Viana



Durante as eleições mais concorridas dos últimos anos no nosso clube, Rui Natário foi, esta segunda-feira, reeleito por unanimidade e aclamação para um quinto mandato consecutivo na presidência da Associação Juventude Viana.

O jovem empresário vianense Rui Natário foi esta segunda-feira reeleito por unanimidade e aclamação para um quinto mandato consecutivo na presidência da Associação Juventude Viana, durante as eleições mais concorridas dos últimos anos, realizadas na sede do clube em Viana do Castelo.

A nova direção do clube minhoto de hóquei em patins já tomou posse e sofreu uma ligeira reestruturação no elenco.

Natário, de 39 anos, é dirigente da Juventude Viana há 22 anos e concorreu sem oposição.

Ao fim de três assembleias-gerais, o clube minhoto retoma a estabilidade diretiva.

Fonte: Juventude de Viana e Rádio Geice