HÓQUEI MINHOTO

HÓQUEI MINHOTO
HÓQUEI MINHOTO

9.28.2013

OC Barcelos conquista 7ª edição Jorge Coutinho após vencer o HC Braga por 4-3



O OC Barcelos sucedeu ao HC Braga na conquista do prestigiado Troféu Jorge Coutinho ao vencer na final por 4-3.
Ambas as equipas apresentaram-se no pavilhão municipal de Barcelos desfalcadas, o OC Barcelos de Ricardo Silva e João Candeias e o HC Braga de Frederico Saraiva.

Numa autentica final para jogadores de "calibre " o OC Barcelos inaugurou o marcador aos 2' por Luís Querido. A resposta do HC Braga demorou três minutos por Eduardo Brás.
A partida animou com mais velocidade e também mais faltoso pelo que não foi de estranhar que aos dez minutos de jogo já se regista-sem dezasseis faltas.
Foi na décima falta de equipa dos bracarenses que surgiu novo golo e para o Barcelos por Ponce de livre direto. Volvidos dois minutos Chumbinho num remate à meia volta restabeleceu o empate agora a duas bolas. Continuava vivo o jogo e antes do descanso Luís Querido voltou a dar vantagem no marcador à sua equipa.
Na segunda parte o HC Braga arriscou na procura do empate que podia ter acontecido mas Ricardo Ramos aos 3' permitiu a defesa de Ginho num livre direto a castigar a décima falta do Barcelos. No minuto seguinte foi a vez de Hugo Costa falhar igual situação onde Rodolfo Sobral defendeu. Segundos depois o empate desta vez por Gabi que não falhou uma grande penalidade igualando a três o marcador.
Aos 11' Zé Pedro em jogada individual arrancou o quatro golo do Barcelos. Respondeu o HC Braga mas o remate de Luís Filipe bateu com estrondo no poste da baliza de Ginho.
A perder o HC Braga tudo fez para chegar ao empate, enquanto que o OC Barcelos procurava segurar a bola. Os bracarenses viram Ponce falhar um livre direto a dois minutos do fim onde Rodolfo Sobral esteve em grande plano. Numa ultima tentativa de chegar ao empate Ginho defendeu vários remates de meia distancia do HC Braga.


ficha técnica
Árbitros: Rui Torres e Florindo Cardoso
Ao intervalo: 3-2
Faltas 12 OC Barcelos - 21 HC Braga

OC Barcelos 4
Ginho, Luís Querido, João Marques, Hugo Costa e Zé Pedro
jogaram ainda: Ponce, Riveros, Pedro Mendes
Treinador: Paulo Freitas

HC Braga 3
Guilherme Silva, Luís Filipe, Rodrigo Sousa, Eduardo Brás e Ângelo Fernandes
jogaram ainda: Rodolfo Sobral gr,Chumbinho, Ricardo Ramos, Gabi
Treinador: André Torres

Torneio " Jorge Coutinho " Juv Viana obtêm 3º lugar após vencer Famalicense por 4-2



Sem cinco elementos ( Joel Coelho, Nuno Almeida, André Centeno, João Pinto e Luís Viana ) a Juventude de Viana obteve o terceiro lugar após derrotar o Famalicense da segunda divisão por 4-2.

O conjunto de Viana do Castelo inaugurou o marcador aos 4' por Diogo Fernandes, mas o Famalicense empatou no lance seguinte por André Ferreira
A partida foi viva com as duas equipas a imporem um ritmo rápido criando situações de muito perigo em ambas as balizas.
Foi preciso esperar pelo ultimo minuto para que surgissem novamente golos e ambos para a Juventude de Viana por Gustavo e Diogo Fernandes.
Ao intervalo a Juventude vencia por 3-1 e na segunda parte desde muito cedo mostrou vontade em marcar o mais rápido possível. No entanto o Famalicense nunca se deu como perdedor e obrigou os vianenses a esforços redobrados.
O marcador só voltou a sofrer alteração aos 15' por Diogo Fernandes de livre direto. Igualmente de livre direto André Barbosa reduziu aos 17' a castigar a décima falta da equipa de Pedro Sampaio.
Apesar das ausências na Juventude , os vianense souberam gerir essa situação enquanto que o Famalicense apresentou já um bom enquadramento dos seus jogadores para atacar com tranquilidade o nacional da segunda divisão.

Torneio " Jorge Coutinho " Riba d'Ave vence Cartaipense por 2-1



Duelo de equipas que na próxima época vão jogar no escalão nacional  para atribuição do quinto e sexto lugar ditou o triunfo do Riba d'Ave por 2-1. Um jogo bem animado e com incerteza até ao ultimo segundo.

O conjunto de Horácio Ferreira entrou melhor mas não conseguiu marcar apesar dos muitos remates feitos à baliza do Cartaipense.
Após os primeiro minutos a formação de Orlando Ribeiro equilibrou e colocou em serviço o guarda redes Filipe Miranda.
Nos últimos minutos o Riba d'Ave abriu o marcador por Raul Meca na transformação de uma grande penalidade. Segundos depois Vítor Hugo elevou para 2-0, estabelecendo o marcador em tempo de intervalo.
A perder o Cartaipense entrou na etapa final disposto e lutar pelo resultado reduzindo logo no primeiro minuto por Diogo Sá.
Até ao fim o Cartaipense tudo fez para chegar ao empate mas a defesa do Riba d'Ave evitou.
Com a vitoria o Riba d'Ave ficou em quinto e o Cartaipense em sexto lugar.



Torneio " Jorge Coutinho " Povoa vence Ancorense por 2-1



No único jogo que não colocou frente a frente equipas da AP Minho, o Povoa da segunda divisão nacional formação convidada e da AP Porto defrontou a recém formada minhota, o Ancorense tendo vencido pela margem mínima, 2-1.
O desafio começou praticamente com o primeiro golo para a formação poveira logo no segundo minuto por Cristiano Fangueiro.
O mesmo jogador elevou aos 10' numa altura em que o treinador do Ancorense se preparava para mudar a sua equipa.
Apesar do golo sofrido essa mudança deu frutos com César Pinheiro aos 15' a fazer o 2-1, fazendo o resultado em tempo de descanso.
Na etapa final o Ancorense procurou o empate mas o guarda redes poveiro esteve em grande plano . Também na baliza minhota a boa exibição do guarda redes foi decisiva para que a sua equipa não sofre-se golos.
Perante um adversário de escalão superior o Ancorense mostrou ter argumentos para realizar uma boa temporada na terceira divisão nacional.
O Povoa ficou na sétima posição com o Ancorense a terminar no oitavo lugar.

Torneio "Jorge Coutinho " - Valença HC vence HC Fão por 4-0



Em jogo que colocou em ringue os últimos classificados de cada grupo, duas equipas da terceira divisão nacional, o Valença HC venceu o HC Fão por 4-0. Um resultado desnivelado face à produção das duas equipas. Valeu ao Valença a finalização mais eficaz.

Na primeira parte movimentada valeu o ferro das duas balizas a retardarem o golo. Este só apareceu aos 14' e para o Valença por intermedio de Micha Fernandes, tento que definiu o resultado em tempo de intervalo.
Em desvantagem na etapa final o HC Fão arriscou mas uma vez mais o ferro da baliza do Valença evitou o empate.
Aos 7' o Valença aumentou por Tiago Fornelos, para aos 13' Micha Fernandes obter o 3-0.
A turma fangueira tentou marcar mas nem mesmo a jogar com mais um elemento conseguiu essa intenção. Seria inclusive o Valença a marcar nesse período por Hélder Martins aos 17'.
Este desfecho ditou que o HC Fão termina-se no décimo lugar enquanto que o Valença na sua estreia na prova obtive-se o nono posto.

9.27.2013

Mundial de Sub 20 - Minhotos Hélder Nunes ( FC Porto ) e Miguel Vieira ( HC Braga ) eleitos. João Candeias atleta do OC Barcelos também





O seleccionador Luís Duarte já escolheu os dez jogadores que vão defender as cores de Portugal no Mundial de Sub 20, prova que se realizará na Colômbia entre 6 e 12 de Outubro.
Dos eleitos estão dois minhotos, Hélder Nunes que joga no FC Porto e Miguel Vieira atleta do HC Braga.
Quem também viaja para a América do Sul é João Candeias, jogador do OC Barcelos.
Os dez eleitos:

Hélder Nunes, Pedro Cerqueira e Diogo Seixas do FC Porto
Miguel Vieira do HC Braga
João Candeias do OC Barcelos
Xavier Cardoso da AD Valongo
Diogo Rodrigues, Diogo Fernandes, Alexandre Marques e Diogo Neves do SL Benfica

Treinador: Luís Duarte

9.26.2013

Ultima jornada " Jorge Coutinho " Final será entre OC Barcelos e HC Braga



OC Barcelos e HC Braga são finalistas do Torneio " Jorge Coutinho "
Final no Pavilhão Municipal de Barcelos às 18.30h sábado 28 de setembro

No grupo A, em Fão o OC Barcelos com o primeiro lugar garantido perdeu com o Povoa por 9-8.
A turma barcelense ao intervalo perdia por 5-4, depois de ter estado a perder por 3-0 e de ter obtido o empate a quatro bolas.
Na segunda parte a formação poveira chegou ao 9-6, mas o melhor que os minhotos conseguiram foi apenas marcar mais dois golos, insuficiente para evitar um resultado positivo.
Por fim a Juventude de Viana venceu o HC Fão por 7-3, ficando no segundo lugar

Em relação ao grupo B, o grupo dos empates e para não fugir ás regra mais um entre Cartaipense e o Valença a dois golos, com os tentos a pertencerem através do "bis" cada de  Diogo Sá e de Tomba . Acrescente que a formação de Valença na prova em quatro jogos perdeu um e empatou três, terminando na ultima posição.
No decisivo jogo para apurar o outro finalista o HC Braga venceu o Ancorense por 5-3.
Sendo assim a final que se realiza no pavilhão municipal de Barcelos este sábado dia 28 de setembro coloca na final o HC Braga detentor do troféu diante o OC Barcelos

Quadro e horários para atribuição da classificação final

18.30h  1º e º2 - OC Barcelos / HC Braga
17.00h  3º e 4º - Juv Viana /Famalicense
16.00h  5º e 6º - Riba d'Ave / Cartaipense 
15.00h  7º e 8º - Ancorense / Povoa
14.00h  9º e 10º - Valença HC / HC Fão

Mundial - Portugal vence Moçambique por 6-0 e joga meias finais com a Argentina




Segue-se a Argentina nas meias finais

A selecção de Portugal carimbou a presença nas meias finais após vencer tranquilamente Moçambique por 6-0, com o resultado a ser construindo quase na sua totalidade na primeira parte onde chegou ja a vencer por quatro golos sem resposta.
Portugal começou com Ângelo Girão, Valter Neves, Ricardo Barreiros, Jorge Silva e Diogo Rafael, tendo entrado no decorrer do jogo Luís Viana, Gonçalo Alves, Hélder Nunes e João Rodrigues. Do lado de Moçambique jogaram os atletas que atuam no nacional português, casos do guarda redes do Sporting, Igor Alves, Marinho também do Sporting, Fred do HC Braga,Nuno Araújo do Valongo e Bruno Pinto dos Carvalhos.

Perante o conjunto orientado pelo português José Querido, Portugal iniciou a sua vitória logo aos dois minutos por Valter Neves. O atleta do Benfica estreou-se a marcar no mundial. Procurou responder Moçambique mas o guarda redes português Ângelo Girão brilhou quando pela sua frente apareceu Nuno Araújo isolado evitando o empate.
O segundo golo de Portugal surgiu aos 9' por Diogo Rafael num remate cruzado sem hipótese para Igor Alves. Numa partida correctíssima por parte das duas equipas pelo que a primeira falta de equipa só surgiu aos dez minutos de jogo e para os africanos.
Sem nunca deixar de atacar Moçambique podia ter reduzido mas o remate de Fred bateu no poste da baliza de Portugal.
Até ao descanso os "Ursos " fizeram mais dois golos, primeiro por Jorge Silva e depois por Ricardo Barreiros.
Na etapa final, Portugal geriu o resultado e o relógio permitindo que Moçambique se aproxima-se com mais perigo junto da baliza de Ângelo Girão.
No entanto o guarda redes do Valongo não deu hipóteses a que o seu adversário consegui-se marcar, tendo defendido um livre direto de Nuno Araújo. Nem mesmo a jogar com mais um elemento a turma de José Querido obteve um golo.
Com o jogo a caminhar para o fim Portugal voltou a pressionar e a aumentar com resultado com tentos de Jorge Silva e Gonçalo Alves.
Triunfo sem grandes esforços dos portugueses que assim guardaram energias para a meia final diante a Argentina.
No duelo de sul americanos , a Argentina venceu o Brasil por 9-5. A outra meia final coloca a Espanha que ultrapassou a França por 5-3 diante a surpresa da prova, o Chile que derrotou a Itália no golo de ouro.

Resultados
Portugal 6 Moçambique 0
Espanha 5 França 3
Argentina 9 Brasil 5
Chile 2 Itália 1 ( golo de ouro)

Meias finais
19.15h Espanha - Chile
21.15h Portugal - Argentina

9.25.2013

Ultima jornada Torneio " Jorge Coutinho " - OC Barcelos espera HC Braga ou Ancorense na final



Esta quinta feira ficam definidos os " acasalamentos " dos clubes para a jornada final que se realiza sábado dia 28 de setembro no pavilhão municipal de Barcelos.

No grupo A que se joga em Fão, o OC Barcelos já garantiu o primeiro lugar, pelo que o interesse está na luta pela segunda posição entre a Juventude de Viana e o Riba d'Ave. Para esta posição basta à equipa de Viana do Castelo vencer o HC Fão. Só com a conquista dos três pontos é que atinge a segunda posição. O Riba d'Ave que folga no grupo ficará a torcer por fora por um resultado positivo por parte dos fangueiros.
O Povoa que ainda procura chegar ao terceiro lugar terá de superar o finalista OC Barcelos e esperar que também o HC Fão vença a Juventude de Viana.
Classificação
OC Barcelos 9p
Riba d'Ave 6p
Juv Viana 4p
Povoa 2p
HC Fão 1p


No grupo B a disputar-se no municipal de Vila Praia de Ancora, as incertas reinam em todas os lugares, começando pelo primeiro posto. Aqui o HC Braga está em vantagem bastando empatar com o Ancorense com quem joga na ultima ronda. A turma de Vila Praia de Ancora luta também por essa posição, tendo por isso de vencer o HC Braga.
O Famalicense que folga ocupa o segundo lugar. Será um adversário atento ao desfecho de bracarenses e ancorenses. Pela segunda posição estão na luta o Cartaipense que mede força com o Valença que também pode chegar ao segundo lugar.
Para a ultima jornada três pontos separam o segundo do ultimo classificado.
Classificação
HC Braga 7p
Famalicense 5p
Ancorense 4p
Cartaipense 3p
Valença HC 2p


ULTIMA JORNADA

26 de setembro

Grupo A - Pavilhão do HC Fão
5ª jornada
20.30h OC Barcelos - CD Povoa
22.00h HC Fão - Juv Viana
Folga Riba d'Ave

Grupo B - Pavilhão de Vila Praia de Ancora
20.30h HC Braga - CD Ancorense
22.00h Cartaipense - Valença HC
Folga Famalicense

Torneio "Jorge Coutinho " Riba d'Ave vence HC Fão por 6-4





Depois de conhecer o resultado do jogo Barcelos/Viana, o conjunto do Riba d'Ave defrontou o HC Fão procurando entrar na discussão do segundo lugar do grupo.

A partida começou praticamente com o primeiro golo do Riba d'Ave logo aos trinta segundos por intermédio de André Alves. Apesar de ter sofrido cedo o HC Fão organizou-se mas não conseguiu empatar, porque aos 16' Raul Lopes fez 2-0.
Antes do descanso surgiu a reacção dos fangueiros que obtiveram o empate a duas bolas com tentos de Rui Silva de livre direto e de Pedro Magalhães, este a escassos quatro segundos do intervalo.
Na segunda parte o Riba d'Ave marcou logo aos 2' por Jorge Maceda tendo o mesmo jogador aumentado para 4-2 aos 6'.
O HC Fão nunca deixou de lutar pelo melhor resultado e reduziu por João Figueiredo aos 9' em situação de "power play " após o avançado da equipa da casa ter desperdiçado segundos antes um livre direto.
Embalados pelo golo os pupilos de Hugo Nora pressionaram mas o guarda redes Filipe Miranda mostrou serviço de qualidade ao defender um livre direto de João Figueiredo e uma grande penalidade de João Lazera, tudo num espaço de três minutos.
Quem não marca acaba por sofrer. Na realidade a dois minutos do fim o Riba d'Ave fez o quinto golo por Vítor Moreira de livre direto.
Já no ultimo minuto João Figueiredo viu o cartão azul e Jorge Maceda fez o 6-3. Mesmo em cima do apito final Pedro Carvalho fez o 6-4.
Com este triunfo o Riba d'Ave soma seis pontos  e espera que o HC Fão vence a Juv Viana para ficar no seu lugar . Tudo porque o Riba d'Ave folga na ultima ronda.

Torneio "Jorge Coutinho " - OC Barcelos vence Juv Viana e garante presença na final




OC Barcelos vence Juventude de Viana por 4-1 e garante o apuramento para disputara final do Torneio Jorge Coutinho.
Antes da partida dois pontos separavam as duas equipas pelo que para a turma de Viana do Castelo a vitoria era o resultado que mais interessava também para garantir a disputa na decisão do titulo.
Dentro da pista assistiu-se a um jogo interessante com bastante entrega de ambos os jogadores, apesar das ausências na Juventude de Viana de cinco elementos do plantel, André Centeno, Luís Viana, João Pinto, Nuno Félix e Nuno Almeida enquanto o OC Barcelos não contou com o guarda redes Ricardo Silva e de João Candeias.
A primeira parte terminou empatada a zero com um livre direto desperdiçado por Diogo Fernandes por parte da Juventude e de três bolas no ferro vianense rematas por jogadores do OC Barcelos.
Depois do descanso surgiram os golos do encontro com o primeiro a acontecer logo aos quarenta e cinco segundo para o OC Barcelos de grande penalidade por Luís Querido. No minuto seguinte os barcelenses elevaram para 2-0 por Pedro Mendes.
A Juventude tentou contrariar a marcha do marcador mas seria o OC Barcelos a marcar por João Marques aos 11'. Ainda se festejava o terceiro e já Hugo Costa fazia o 4-0.
Ate ao fim a Juventude de Viana conseguiu marcar o seu tento de honra aos 18' por Diogo Fernandes de livre direto.
Sendo assim o OC Barcelos soma nove pontos, enquanto que a Juventude de Viana mantêm os quatro pontos, tendo sido ultrapassada pelo Riba d'Ave que soma seis.
Na ultima jornada a realizar-se novamente em Fão , o OC Barcelos joga com o Povoa , enquanto que a Juv Viana defronta o HC Fão. Para os Vianense só a vitoria interessa para alcançarem a segunda posição.

4º Jornada - Resultados do Torneio "Jorge Coutinho " - OC Barcelos finalista aguarda adversário ( HC Braga ou Ancorense )



Cumpriu-se em Fão e nas Caldas das Taipas a quarta jornada do Torneio Jorge Coutinho.

No grupo A que se realizou em Fão, o OC Barcelos venceu a Juventude de Viana por 4-1. Os golos do Barcelos foram de Hugo Costa, João Marques, Luís Querido e Pedro Mendes enquanto Diogo Fernandes marcou para os vianenses.
Na outra partida o Riba d'Ave superou o HC Fão por 6-4. Para a turma de Horácio Ferreira marcaram Jorge Maceda três, André Alves, Diogo Machado e Raul Lopes enquanto que o HC Fão obteve os seus golos por Rui Silva, Pedro Magalhães, João Figueiredo e Pedro Carvalho.

No grupo B que se jogou nas Caldas das Taipas, a formação da casa o Cartaipense conseguiu os seus primeiros pontos com o triunfo sobre o Ancorense por 2-1. No outro jogo com o primeiro lugar ja garantido o HC Braga empatou a três bolas com o Famalicense.

Com OC Barcelos ja com lugar assegurado na final, a ultima ronda irá definir os restantes lugares.
Para a segunda posição no grupo A estão na luta Juventude de Viana e Riba d'Ave. Neste duelo a turma de Riba d'Ave espera por uma vitoria do HC Fão para ficar na segunda posição.
Em relação ao Grupo B, HC Braga e Ancorense jogam para a primeira posição. O HC Braga soma sete pontos e defronta o Ancorense que tem quatro pontos. Aos bracarenses basta o empate para ficarem no primeiro posto.Fora da corrida está o Famalicense que tem cinco pontos mas fica de folga na ultima ronda.

Resultados
Grupo A

OC Barcelos 6 Juv Viana 1
HC Fão 4 Riba d'Ave 6

Classificação
OC Barcelos 9p
Riba d'Ave 6p
Juv Viana 4p
Povoa 2p
HC Fão 1p

Ultima Jornada
Povoa - OC Barcelos
HC Fão - Juv Viana
Folga Riba d'Ave

Resultados 
Grupo B

Cartaipense 2 Ancorense 1
Famalicense 3 HC Braga 3

Classificação
HC Braga 7p
Famalicense 5p
Ancorense 4p
Cartaipense 3p
Valença 2p

Ultima jornada
HC Braga - Ancorense
Valença - Cartaipense
Folga Famalicense

9.23.2013

Mundial Angola/2013 - 21-2 Portugal goleia África do Sul com seis golos minhotos. Chile vence Angola



Na segunda jornada do grupo C, Portugal despacho a frágil equipa da África do Sul por 21-2. O resultado final espelha a superioridade total dos "Ursos" que ao intervalo já venciam por 8-1.
Dos vinte e dois golos, seis tem o carimbo de atletas minhotos, com destaque para mais quatro tentos de Luís Viana que na ronda inaugural já tinha marcado por três vezes na partida frente ao Chile.
Em relação a Gonçalo Alves e Hélder Nunes a estreia foi absoluta no Mundial de Angola.
A grande surpresa foi a derrota nas grandes penalidade por parte de Angola que foi superada pelo Chile, situação que coloca os angolanos em grandes apuros para seguir em frente.
O jogo Portugal - Angola promete....
A selecção nacional soma assim seis pontos, Chile e Angola três e África do Sul com zero pontos.

2ª Jornada
Portugal 22 - África do Sul 1
Angola 1 Chile 3 após grandes penalidades

classificação
Portugal 6p
Chile 3p
Angola 3p
África do Sul 0p

Próxima ronda
Quarta feira dia 24 de setembro
21.25h Portugal - Angola
16.00h Chile - África do Sul

Mundial Angola/2013 - Treinador barcelense José Querido alcança primeira vitória




O seleccionador de Moçambique, o barcelense José Querido conseguiu a sua primeira vitória na prova, depois de ultrapassar a selecção de dos Estados Unidos da América por 4-2.
Na primeira ronda do grupo D, Moçambique tinha perdido com Itália por 4-1.
Na derradeira jornada do grupo Moçambique para seguir em frente tem de vencer a Colômbia que ainda não venceu,  para pelo mesmo ficar em segundo lugar no grupo. Caso não vença ou empate tem de esperar que Itália vença os Estados Unidos da América.

Classificação
Italia 6p
Moçambique 3p
EUA 3p
Colombia 0p

3ª Jornada
Itália - EUA
Moçambique - Colombia

Caldas das Taipas e Fão recebem 4ª Jornada do Troféu Jorge Coutinho




Os pavilhões do HC Fão e do Cartaipense ( substituiu o das Goladas em Braga que esta em obras ) recebem esta terça feira a 4ª jornada do Torneio Jorge Coutinho com particular interesse para a partida  do grupo A entre o OC Barcelos e a Juventude de Viana.
Um jogo que se disputa depois de ambas se terem defrontado no torneio de Valongo onde na sexta feira passada os vianenses venceram os barcelenses por 7-5.
Esta partida pode decidir em caso de triunfo do OC Barcelos a primeira posição do grupo, Neste momento o OC Barcelos soma seis pontos contra quatro da Juventude.
Na expectativa do que possa acontecer no duelo entre vianenses e barcelenses está o Riba d'Ave que surge na terceira posição com seis pontos e defronta o conjunto fangueiro do HC Fão. Neste grupo folga o Povoa.

No grupo B, o HC Braga líder isolado joga com o Famalicense. Também aqui uma vitória do HC Braga garante o primeiro lugar. O Famalicense que tem quatro pontos ainda tenta chegar às meias finais.
Antes jogam Ancorense com o Cartaipense com a equipa de Ancora a procurar vencer para se manter na luta por um lugar nas meias finais. De folga está o Valença que soma dois pontos.


24 de setembro
Grupo A-  pavilhão do HC Fão

4º Jornada
20.30h Juv Viana - OC Barcelos
22.00h Riba d'Ave - HC Fão
Folga CD Povoa

Classificação após a 3ª jornada
OC Barcelos 6p
Juv Viana 4p
Riba d'Ave 3p
Povoa 2p
HC Fão 1p

Grupo B - Pavilhão das Caldas das Taipas

20.30h CD Ancorense - Cartaipense
22.00h HC Braga - Famalicense
Folga Valença HC

Classificação
HC Braga 6p
Ancorense 4p
Famalicense 4p
Valença 2p
Cartaipense 0p

9.22.2013

Portugal estreia-se no Mundial com vitória, 5-3 sobre o Chile. Minhoto Luís Viana marca três tentos



A selecção de Portugal iniciou a sua campanha no Mundial de Hoquei em patins, evento que se disputa em Angola, vencendo o Chile por 5-3.
Segue-se na próxima ronda, amanha o confronto com África do Sul que perdeu na primeira jornada com Angola por 8-2.

O jogo não foi fácil para os "Ursos " principalmente na primeira parte onde a ansiedade foi a nota para que se justifica-se a igualdade a uma bola. Marcou primeiro o minhoto Luís Viana em situação favorável de power play, tendo o Chile empatado de grande penalidade.
Na segunda parte, Portugal entrou forte e Luís Viana voltou a marcar desta vez de grande penalidade. Os chilenos podiam ter igualado mas desperdiçaram um livre direto por cartão azul ao minhoto Gonçalo Alves.
Em inferioridade numérica, Portugal conseguiu marcar dois golos, primeiro por Luís Viana e depois por Diogo Rafael.
A partida foi animada e bastante faltosa com o Chile a enervar os "Ursos " conseguindo reduzir para 4-2 de livre direto. Respondeu Portugal com o 5-2 por João Rodrigues com apenas seis minutos da segunda parte.
Já com o terceiro minhoto na pista, Hélder Nunes, este podia ter aumentado mas desperdiçou um livre direto. Minutos depois foi outro minhoto a falhar um livre direto desta vez Gonçalo Alves.
Nos últimos minutos o Chile reduziu para 5-3 de grande penalidade.

Nota para a prestação dos atletas do Minho. Luís Viana a marcar enquanto Hélder Nunes e Gonçalo Alves falharam lances de bola parada e virão cada um o cartão azul.
Referencia para a presença no banco de suplentes do futuro elemento do OC Barcelos, o guarda redes Ricardo Silva que viu Ângelo Girão ser titular.

HA Cambra vence Torneio Cidade de Famalicão após vencer HC Braga por 6-4



O HA Cambra foi o vencedor do torneio Cidade de Famalicão após vencer na final o HC Braga por 6-4. No encontro para terceiro e quarto lugar o duelo de formações de Famalicão que vão disputar o nacional da segunda divisão, o Famalicense venceu por pelo mesmo resultado, 6-4.
No decisivo encontro estiveram as duas equipas da primeira divisão nacional com a etapa inicial a ser desequilibrada no marcador. Ao intervalo o HA Cambra vencia por cinco golos sem resposta por parte dos minhotos.
Na etapa final a turma de André Torres reagiu chegando ao 5-3. Mas uma grande penalidade colocou o HA Cambra com vantagem de três golos. O melhor que o HC Braga conseguiu foi encurtar o desfecho final em 6-4.

Resultados do Torneio Cidade de Famalicão

Meias finais
HC Braga 7 Riba d'Ave 6 (após grandes penalidades  )
Famalicense 4 HA Cambra 8

Final
HC Braga 4 HA Cambra 6
Famalicense 6 Riba d'Ave 4

9.21.2013

AD Valongo vence Torneio após derrotar a Juv. Viana por 8-3 na final





O Valongo a jogar em casa desde muito cedo deu mostras de quer inaugurar o marcador.
A Juventude de Viana sem os internacionais angolanos não conseguiu contrariar o poder ofensivo da equipa da casa que inaugurou o marcador logo aos 3' por Henrique Magalhães, atleta que se transferiu do OC Barcelos. O segundo golo apareceu aos 6' e novamente por um ex jogador barcelense, neste caso Rafa.
Aos 15' a Juventude de Viana reduziu para 2-1 por Joel Coelho, mas a resposta do Valongo foi imediata por Hugo Azevedo.
Ate ao descanso os locais não abrandaram e fizeram mais dois golo por Alvarinho e Nuno Rodrigues estabelecendo o 5-1 em tempo de intervalo.
Na segunda parte a Juventude entrou a marcar o seu segundo golo por Diogo Fernandes na transformação de um livre directo pela décima falta de equipa do Valongo.
Tal como na primeira parte altura em que os minhotos reduziram a resposta foi logo a seguir com o sexto golo da autoria de Rafa com o cronometro a marcar quatro minutos.
Com quatro golos de vantagem o jogo abrandou de intensidade, mas sempre com o Valongo a ter mais posse de bola.
A Juventude de Viana procurava sair em contra ataque na tentativa de surpreender o ultimo reduto dos locais.
Seria mesmo numa jogada de contra ataque mas para o Valongo que Nuno Rodrigues elevou para 7-2 a seis minutos do final. O mesmo jogador aumentou logo a seguir para 8-2.
Com o desgaste físico a sentir-se nas duas equipas, mais na Juventude de Viana onde as opções não eram as melhores, inclusive Nuno Félix nem saiu do banco, o resultado apenas foi alteração pelos minhotos por Joel Coelho de livre directo em 8-3.

OC Barcelos derrota Sporting nas grandes penalidades e termina em terceiro em Valongo




O Blog Hoquei Minhoto este em Valongo onde acompanhou de perto a prestação das equipas do Minho presentes no Torneio cidade de Valongo.

OC Barcelos e Sporting CP disputaram o jogo dos vencidos da ronda anterior, com os minhotos a venceram nas grandes penalidades garantido assim o terceiro lugar no Torneio de Valongo.

A turma minhota apresentou-se em ringue reforçada por João Candeias que depois do estagio da selecção de sub 20, marcou presença em Valongo para ajudar os seus companheiros.
Do outro lado o Sporting CP não contou com os mundialista Igor Alves e Marinho que se encontram em Angola ao serviço da formação orientada por José Querido, Moçambique.
Os primeiros minutos foram lentos sem grandes situações de golo. O ritmo só acelerou aos 11' quando o treinador Paulo Freitas trocou os seus quatro jogadores entrando Ponce, Luís Querido, Pedro Mendes e Zé Pedro.
Apesar das mexidas acabou por ser o Sporting a inaugurar o marcador aos 14' por Filipe Bernardino.
A perder o OC Barcelos aumentou o seu jogo e atingiu a igualdade num remate forte de meia distancia de Luís Querido aos 18'. No minuto seguinte os minhotos deram a volta ao resultado com mais um golo de Luís Querido após excelente passe de Ponce.
Em tempo de descanso a vantagem era do OC Barcelos.
Na segunda parte o Sporting entrou forte e chegou ao empate aos 5' por André Moreira. Com o jogo mais vivo com enorme entrega dos jogadores das duas equipas o perigo começou a ser uma constante nas duas balizas.
Foi preciso esperar pelos 13' para que se verifica-se novamente mexida no placard. Pertenceu ao OC Barcelos por João Candeias de livre direto a castigar cartão azul a German Dates.
Volvidos dois minutos grande oportunidade para o Sporting chegar ao empate mas Ginho esteve intransponível na marcação de um livre direto de Ricardo Figueira após os minhotos cometerem a décima falta de equipa. Mesmo a jogar com menos um jogador o OC Barcelos conseguiu evitar que o Sporting marca-se.
A igualdade a três bolas essa acabou por aparecer a dois minutos do fim por André Moreira de grande penalidade.
Foi exactamente nos lances de grande penalidade que o vencedor do jogo foi encontrado já que não houve prolongamento.
A habitual lotaria das grandes penalidades foi mais certeira para o OC Barcelos que marcou dois por João Candeias e João Marques contra apenas um do Sporting por Carlos Trindade. Neste aspecto destaque para a prestação de Ginho que defendeu três grandes penalidades.

Juv Viana vence OC Barcelos por 7-5 e está na final do torneio de Valongo


Juv Viana disputa final com a AD Valongo

A Juventude de Viana e o OC Barcelos mediram forças no primeiro jogo do prestigiado Torneio " Memorial Carlos Figueira ", prova que se disputa no municipal de Valongo.
A eficácia ofensiva da Juventude foi decisiva para que se encontra-se o finalista que medirá forças com o Valongo que derrotou o Sporting CP por 6-2.
No duelo minhoto em que ambos os conjuntos se apresentaram desfalcados dos "mundialistas", a Juventude de Viana sem o português Luís Viana e sem  os angolanos André Centeno e João Pinto e o OC Barcelos sem o guarda redes Ricardo Silva e sem João candeias ao serviço dos Sub 20 , os vianenses chegaram ao intervalo a vencer por 1-0.
Na segunda parte a Juventude fez o 2-0 ao qual respondeu o Barcelos a reduzir. Os tentos seguintes foram sempre com um para cada lado ate chegar ao 3-2. A Juventude fez o 4-2 para logo a seguir os barcelenses empatarem a quatro tentos.
Na parte final os vianeses fizeram o 7-4 com apenas um golo de resposta do OC Barcelos, estabelecendo o 7-5 com que terminou o encontro.
Marcaram para a Juventude de Viana Diogo Fernandes quatro, Gustavo Lima dois e um de Joel Coelho. Para o OC Barcelos os golos foram, dois de Zé Pedro e um cada de Riveros, Ponce e Pedro Mendes.
Assim este sábado jogam às 16.30h para terceiro e quatro lugar OC Barcelos com o Sporting, sendo a final disputada às 18.30h pela AD Valongo e a Juventude de Viana.

9.20.2013

Este fim de semana " Torneio Cidade de Famalicão "


Realiza-se este fim de semana mais um Torneio Cidade de Famalicão com a organização este ano a pertencer ao Famalicense.
No pavilhão de Famalicão estarão presentes três equipas do Minho ao qual se junta o HA Cambra.
No sábado dia 21 de setembro jogam às 17h o "derby minhoto" entre o Riba d'Ave e o HC Braga. Às 17.30h é a vez da equipa da casa defrontar o primodivisionário HA Cambra.
Para domingo dia 22 às 15h jogam os derrotados do primeiro jogo enquanto que a final está marcada para as 17h. A cerimonia de encerramento começa às 19h.



Famalicense eficaz diante Cartaipense



A eficácia ofensiva foi determinante para que a turma do Famalicense vence-se o Cartaipense por 4-3, num jogo entre equipas que na próxima época vão disputar o escalão secundário, zona norte. Recorde-se que a equipa das Caldas das Taipas subiu este ano à segunda divisão. Foi mais uma partida inserida no troféu " Jorge Coutinho ".
Dentro do ringue o conjunto de Fernando Almeida aproveitou em pleno as oportunidades criadas atingindo com facilidade o 4-0 no final da primeira parte. No entanto os golos foram obtidos muito por culpa da "ratice" principalmente de Francisco Sousa que conseguiu fazer o 3-0 e o 4-0 com a sua equipa reduzida a três elementos por expulsão do colega João Sousa. Os primeiros golos pertenceram a André Barbosa e a Pedro Teixeira. Ainda na primeira parte o Cartaipense podia ter marcado mas Frederico Coelho desperdiçou um livre direto.
Na segunda parte a formação de Orlando Ribeiro arriscou tendo reduzido logo aos 3' por Luís Martins. A grande exibição do guarda redes do Cartaipense Fernando Coutinho foi evitando que o Famalicense aumenta-se o marcador. Nos últimos dois minutos o jogo " aqueceu" em todos os aspectos. Os jogadores começaram a entrar mais agressivos e as faltas foram se sucedendo. O Cartaipense foi punido com a décima falta mas Fernando Coutinho defendeu o livre direto de Manuel Pinheiro. Segundos depois Diogo Sá reduziu para 4-2 e 4-3, este ultimo de livre direto por cartão azul mostrado a André Barbosa. O empate podia ter acontecido mas o remate de Carlos Rodrigues bateu no poste da baliza famalicense. Já com o cronometro a zero, Francisco Sousa falhou o quinto golo num livre direto.
Venceu quem soube aproveitar melhor as ocasiões de golo. As duas equipas pela forma como se apresentaram mostraram argumentos para efectuarem uma época tranquila.

Deu empate confronto entre Valença HC e o CD Ancorense



As duas equipas de seniores minhotas que voltaram à competição de seniores encontraram-se pela primeira vez antes do nacional da terceira divisão no troféu "Jorge Coutinho ", em Famalicão.
O jogo bem disputado, com enorme entrega de ambos os jogadores terminou com uma igualdade a uma bola.
O primeiro tento do pertenceu ao CD Ancorense por intermédio de Hugo Branco que aproveitou da melhor maneira um "power play" por cartão azul mostrado ao valenciano Pedro Almeida. Antes já os ancorenses tinham apresentado mais perigo valendo ao Valença Paulo Matos na baliza a evitar dois livres directos e uma grande penalidade.
Ao intervalo o Ancorense vencia por 1-0.
Na segunda parte o Valença entrou mais rápido procurando a igualdade. Podia ter feito o empate mais cedo mas Micha desperdiçou um livre direto.
Esse objectivo só apareceu a dois minutos do fim por intermédio de Tiago Fornelos.


No entanto a sete segundos do fim  antigo guarda redes do OC Barcelos ( foto em cima ) voltou a mostrar serviço da grande qualidade ao evitar o golo do triunfo ao Ancorense após defender um livre directo de Rodrigo Pereira.
Foi um encontro bonito de seguir por parte de duas equipas que partem com os mesmos objectivos na terceira divisão nacional, andar nos primeiros lugares.
O CD Ancorense mostrou mais entrosamento enquanto que ao Valença a preparação física tem de melhorar.

Resultados da 3ª jornada do "Troféu Jorge Coutinho " Juv Viana empata com o Povoa



                                              Jogo Valença HC - CD Ancorense

A terceira jornada do Troféu Jorge Coutinho trouxe algumas surpresas à prova, especialmente a igualdade cedida pela Juv Viana diante o Povoa.

No grupo A que se realizou em Viana do Castelo a formação da Juv Viana empatou a três bolas com o conjunto orientado por Carlos Silva, o Povoa. Os golos vianenses foram da autoria de Nuno Félix, Gustavo Lima e Diogo Fernandes. No outro jogo o OC Barcelos venceu o Riba d'Ave por 5-3. Marcaram para os barcelenses Ponce por duas vezes, Joca , Hugo Costa e Luís Querido um cada. Do lado do Riba d'Ave os golos foram de Jorge Maceda, Ricardo Lopes e Vítor Hugo.
Neste grupo o OC Barcelos assumiu o comando isolado com seis pontos, seguido da Juv Viana com quatro, Riba d'Ave três, Povoa com dois e na ultima posição o HC Fão com apenas um ponto.

Em relação ao grupo B que se jogou em Famalicão, o esperado duelo de equipas recém formadas ( foto em cima ) terminou com uma igualdade a uma bola entre Valença e Ancorense. Os golos desse encontro foram apontados por Tiago Fornelos e Hugo Branco respectivamente.
Por fim o Famalicense venceu o Cartaipense por 4-3 com a turma de Fernando Almeida a chegar ao descanso a vencer por 4-0 com tentos de Francisco Sousa dois, André Barbosa e Pedro Teixeira. Na segunda parte os pupilos de Orlando Ribeiro reagiram mas apenas conseguiram marcar por três vezes com Diogo Sá dois e Luís Martins um.

Resultados da 3ª jornada
Grupo A
OC Barcelos 5 Riba d'Ave 3
Juv Viana 3 Povoa 3

classificação
OC Barcelos 6p
Juv Viana 4p
Riba d'Ave 3p
Povoa 2p
HC Fão 1p

Grupo B
Valença 1 Ancorense 1
Famalicense 4 Cartaipense 3

Classificação
HC Braga 6p
Ancorense 4p
Famalicense 4p
Valença 2p
Cartaipense 0p

Próxima Jornada

24 de setembro

Grupo A-  pavilhão do HC Fão
4º Jornada
20.30h Juv Viana - OC Barcelos
22.00h Riba d'Ave - HC Fão
Folga CD Povoa

Grupo B - Pavilhão das Goladas em Braga
20.30h CD Ancorense - Cartaipense
22.00h HC Braga - Famalicense
Folga Valença HC 




9.18.2013

Viana do Castelo e Famalicão recebem 3ª jornada do Troféu " Jorge Coutinho "



As cidades de Viana do Castelo e de Vila Nova de Famalicão recebem esta quinta feira dia 19 de setembro a terceira jornada do Torneio " Jorge Coutinho ".
Em Viana do castelo joga o grupo A que ate ao momento está bastante equilibrado.
Os encontros podem ajudar a definir os primeiros lugares com o OC Barcelos a defrontar o Riba d'Ave já que ambas as equipas somam três pontos. Também com três pontos a Juv Viana mede forças com o Povoa. Neste grupo o HC Fão folga.
Em relação ao grupo B, que se realiza em Famalicão, o HC Braga líder com seis pontos está de folga. Por isso o encontro entre Valença e o Ancorense pode lançar a corrida pelo segundo classificado. A formação de Vila Praia de Ancora soma três pontos enquanto que o Valença HC conquistou um ponto. No que diz respeito ao jogo entre o Famalicense e o Cartaipense, o conjunto famalicense orientado por Fernando Almeida tem nova oportunidade de conquistar a sua primeira vitória após uma derrota e um empate. O Cartaipense que se iniciou na prova com uma derrota perante o HC Braga procura assim os primeiros pontos


Classificação do Grupo A
Juv Viana 3p
OC Barcelos 3p
Riba d'Ave 3p
HC Fão 1p
Povoa 1p

Grupo B
Famalicense 3 Valença HC 3
Cartaipense 3 HC Braga 6
folgou o Ancorense

Classificação Grupo B
HC Braga 6p
Ancorense 3p
Famalicense 1p
Valença 1p
Cartaipense 0p

19 de setembro 
3ª Jornada

Grupo A - Pavilhão de Monserrate em Viana do Castelo

20.30h OC Barcelos - Riba d'Ave
22.00h CD Povoa - Juv Viana
Folga o HC Fão

Grupo B - Pavilhão de Famalicão

20.30h Valença HC - CD Ancorense
22.00h Famalicense - Cartaipense
Folga HC Braga

Foto: Paula Brites ( jogo Juv Viana / Riba d'Ave )

9.17.2013

Resultados da 2ª jornada " Jorge Coutinho "


O Blog Hoquei Minhoto agradece a todos os intervenientes desde dirigentes, jogadores e treinadores na prova pela informação fornecida para melhor detalhes da competição neste espaço.
     Obrigado

Cumpriu-se a segunda jornada do troféu "Jorge Coutinho" com os grupos a serem divididos por Riba d'Ave e Caldas das Taipas.
No Parque das Tílias, o OC Barcelos venceu o HC Fão por 6-0. Um triunfo apenas construído na segunda parte com dois golos de Zé Pedro e um cada de Luís Querido, Pedro Mendes, João Marques e Joca. Em relação ao segundo jogo o Riba d'Ave venceu o Povoa por 7- com os golos da equipa do Minho a serem apontados por Vítor Hugo e Raul Meca dois casa e um de Jorge Maceda, André Alves e Bruno Castro.

Nas Caldas das Taipas, o grupo B começou com o duelo entre o Famalicense e o Valença. O resultado final ditou um empate a três golos. Marcaram pelo Famalicense, João Pinheiro, Francisco Sousa e João Pinheiro. Por parte do Valença apontaram os golos Micha, Tomba e Sérgio. Ao intervalo já se registava uma igualdade mas a uma bola. No outro jogo a equipa do Cartaipense a jogar em casa não conseguiu surpreender o HC Braga perdendo por 6-3. Os golos pertenceram a Diogo Sá, Nelson Silva e Bruno Carvalho para o Cartaipense, enquanto para os bracarenses marcaram Ângelo Fernandes dois, Luís Filipe, Eduardo Brás, Chumbinho e Rodrigo Sousa um cada.

Resultados da 2ª Jornada

Grupo A
HC Fão 0 OC Barcelos 6
Riba d'Ave 7  Povoa 5
folgou a Juv Viana

Classificação do Grupo A
Juv Viana 3p
OC Barcelos 3p
Riba d'Ave 3p
HC Fão 1p
Povoa 1p

Grupo B
Famalicense 3 Valença HC 3
Cartaipense 3 HC Braga 6
folgou o Ancorense

Classificação Grupo B
HC Braga 6p
Ancorense 3p
Famalicense 1p
Valença 1p
Cartaipense 0p


19 de setembro 
3ª Jornada

Grupo A - Pavilhão de Monserrate em Viana do Castelo

20.30h OC Barcelos - Riba d'Ave
22.30h CD Povoa - Juv Viana
Folga o HC Fão

Grupo B - Pavilhão de Famalicão

20.30h Valença HC - CD Ancorense
22.00h Famalicense - Cartaipense
Folga HC Braga

9.16.2013

2ª jornada " Jorge Coutinho " joga-se esta terça feira




O troféu " Jorge Coutinho " prossegue esta terça feira com a segunda jornada, dividida por Riba d'Ave e Caldas das Taipas.
Em Riba d'Ave, o grupo A,  joga no Parque das Tílias onde às 20.30h o HC Fão defronta o OC Barcelos. Será a estreia dos barcelenses na prova enquanto que o HC Fão vem de um empate a três bolas com o Povoa. Na outra partida a ter inicio às 22.00h medem forças o Riba d'Ave que perdeu na ronda inaugural com a Juv Viana diante a formação da Povoa de Varzim.
Nas Caldas das Taipas joga o grupo B, com o Famalicense a defrontar o Valença às 20.30h. Um encontro de duas equipas que perderam na primeira jornada. A outra partida coloca a formação do Cartaipense que se estreia na prova diante o HC Braga que venceu na primeira jornada o Valença por 7-3.

Calendário da 2ª Jornada


17 de setembro - Terça feira

Grupo A - pavilhão do parque das Tílias em Riba d'Ave

20.30h HC Fão - OC Barcelos
22.00h Riba d'Ave - Povoa
Folga o Juv Viana

Grupo B - Pavilhão do Cartaipense nas Caldas das Taipas

20.30h Famalicense - Valença HC
22.00h HC Braga - Cartaipense
Folga CD Ancorense

9.14.2013

Riba d'Ave apresentou-se com o OC Barcelos empatando a quatro bolas




O Blog Hóquei Minhoto esteve em Riba d'Ave onde assistiu á apresentou da equipa minhota para a próxima temporada.

O Riba d'Ave HC formação que vai disputar o nacional da segunda divisão, zona norte, apresentou-se aos seus sócios e adeptos para a época 2013/2014 em todos os escalões passando também pela sua seção de patinagem artística.
Com o pavilhão bem composto de publico o convidado para abrilhantar o evento foi o vizinho OC Barcelos.
Vários foram os pontos de interesse para o jogo de seniores onde sobressaiu o novo reforço do clube de Riba d'Ave o veterano jogador Jorge Maceda, mais conhecido por "Xixa ". Também o regresso do treinador Horácio Ferreira foi bastante saudado.
Seria mesmo o antigo elemento do conjunto barcelense a inaugurar o marcador logo no segundo com uma picadinha atras da baliza surpreendeu o guarda redes Ginho.
O OC Barcelos subiu na pista e chegou ao empate aos 8' por intermedio de João Marques. A reviravolta no resultado aconteceu dois minutos depois de grande penalidade através de Luís Querido.
A seguir o treinador do OC Barcelos mudou a equipa deixando apenas por alterar Ginho.
Sempre a jogar de igual o Riba d'Ave voltou a entrar na luta do marcador com o empate obtido por Raul Meca.
Próximo do intervalo os barcelenses passaram de novo para a frente do marcador com um remate cruzado da autoria de João Candeias.


A equipa de Horácio Ferreira podia ter igualdo antes do descanso mas Ginho defendeu um livre direto de Diogo Machado e Bruno Castro falhou uma grande penalidade.
Na etapa final a partida continuou interessante apesar de os golos só terem aparecido aos 13', primeiro para o Riba d'Ave que empatou por Raul Meca de grande penalidade e segundos depois para o OC Barcelos por João Marques.
Estes dois tentos animaram um pouco mais o jogo com as oportunidades de golo a surgirem em ambas as balizas, valendo neste capitulo as boas defesas dos guarda redes, que impediram que Zé Pedro para o Barcelos e Ricardo Lopes para o Riba d'Ave fizessem mexer o marcador. Valeu também o ferro da baliza da equipa da casa a evitar o golo ao barcelense Pedro Mendes.
A vinte segundos do fim o OC Barcelos cometeu a 20ª falta onde Vítor Hugo de livre direto empatou o jogo, estabelecendo o resultado final.

Plantel do Riba d'Ave

guarda redes
Filipe Miranda ex OC Barcelos
Aurélio Costa
João Ferreira

jogadores de ringue
Jorge Maceda ex OC Barcelos
André Alves ex AD Limianos
Raul Meca
Bruno Castro
Diogo Machado
Ricardo Lopes
Vítor Hugo
Pedro Marinho
Hugo Oliveira

Treinador: Horácio Ferreira

Resultados da 1ª Jornada do Trofeu Jorge Coutinho. Ancorense surpreende Famalicense




Na primeira ronda do prestigiado trofeu Jorge Coutinho, prova organizada pela AP Minho, a grande surpresa foi a vitoria da recente formada equipa do Ancorense sobre o Famalicense por 2-1.
Nos jogos realizados em Viana do Castelo,  a Juventude de Viana defrontou o Riba d'Ave tendo vencido pela margem mínima, 3-2, enquanto que o HC Fão empatou a três bolas diante o Povoa.
Em Valença a equipa da casa que regressou em seniores perdeu com o HC Braga por 7-3. No outro jogo o Ancorense derrotou o Famalicense por 2-1.

Resultados da 1ª Jornada

Grupo A
Juv Viana 3 Riba d'Ave 2
HC Fão 3 Povoa 3

Grupo B
Ancorense 2 Famalicense 1
Valença 3 HC Braga 7

Jogos da 2ª Jornada
17 de setembro

Grupo A - pavilhão do parque das Tílias em Riba d'Ave
20.30h HC Fão - OC Barcelos
22.30h Riba d'Ave - Povoa
Folga o Juv Viana

Grupo B - Pavilhão do Cartaipense
20.30h Famalicense - Valença HC
22.00h HC Braga - Cartaipense
Folga CD Ancorense

 

9.13.2013

Pré temporada - OC Barcelos perde 4-2 com o Corunha




A formação minhota do OC Barcelos defrontou o Corunha e perdeu por 4-2, naquele que foi o seu primeiro jogo de preparação.
Os dois conjuntos apresentaram-se desfalcados, no caso do OC Barcelos sem o guarda redes Ricardo Silva que se encontra ao serviço da seleção nacional preparando o Mundial em Angola.
Em relação ao jogo frente ao Corunha a equipa orientada por Paulo Freitas começou melhor adiantando-se no marcador por João Candeias resultado com que se atingiu o intervalo.
Na segunda parte Pedro Mendes elevou para 2-0 a vantagem minhota. No entanto os espanhóis reagiram e ate ao fim deram a volta ao marcador.
Apesar da derrota as novas aquisições mostram pormenores interessantes para que a equipa barcelense consiga os seus objetivos no campeonato nacional.
 

9.12.2013

Trofeu Jorge Coutinho arranca esta sexta feira - Valença HC e CD Ancorense são as novidades



O prestigiado trofeu " Jorge Coutinho " começa esta sexta feira com a primeira jornada dos dois grupos.
No grupo A, a realizar em Viana do Castelo no pavilhão de Monserrate jogam o HC Fão frente ao convidado da prova o conjunto do Povoa. A outra partida irá opor a turma da Juventude de Viana ao Riba d'Ave.
Em relação ao grupo B as novidades são duas. As mais recentes equipas minhotas tem a sua estreia na prova.
O Ancorense defronta o Famalicense enquanto que o Valença mede forças com o HC Braga atual detentor do trofeu em jogos a serem realizados no Pavilhão Municipal de Valença.

Quando da primeira jornada

Grupo A                              Grupo B
OC Barcelos                        HC Braga
Juventude de Viana               Famalicense
Riba d'Ave                            Cartaipense
HC Fão                                Valença HC
CD Povoa                            CD Ancorense

13 de setembro de 2013

Grupo A- Pavilhão de Monserrate em Viana do Castelo
1ª Jornada
20.30h HC Fão - CD Povoa
22.30h AJ Viana - Riba d'Ave
Folga OC Barcelos

Grupo B - Pavilhão Municipal de Valença
20.30h CD Ancorenses - Famalicense
22.00h - HC Braga - Valença HC
Folga Cartaipense
 

9.07.2013

Portugal campeão da Europa de Sub 17 - Minhotos Carlos Loureiro e Afonso Lima festejam titulo em Espanha




A seleção nacional de conquistou em Espanha o titulo europeu de sub 17 após bater na final a França por 6-2
Portugal e França voltaram a encontrar-se depois de se terem defrontado na fase de grupos no europeu de Sub 17 prova que se disputou em Alcobendas, Espanha.
Na fase de grupos Portugal venceu os gauleses por 3-1
Com o minhoto Carlos Loureiro a ser opção do cinco inicial, Portugal procurou impor o seu jogo perante a aguerrida equipa francesa. No entanto o melhor hóquei português não foi suficiente para inaugurar o marcador.
Pertenceu essa situação à França aos 10' de grande penalidade por Remi Herman. A vantagem francesa durou pouco mais de dois minutos altura em que Carlos Loureiro fez o empate.
A reviravolta aconteceu ainda antes do descanso, a um minuto, por Gonçalo Nunes fazendo o 2-1 após assistência de Carlos Loureiro.
Nos segundos finais susto grande para Portugal com a França a beneficiar de um livre direto por cartão azul mostrado a Gonçalo Pinto. Valeu que Remi Herman não aproveitou.
Não marcou a acabar a primeira, marcou a abrir a segunda parte a França, logo aos vinte e nove segundos por intermedio de Mattis Rault
Portugal não acusou a entrada forte do seu adversário e voltou á vantagem aos 3' por Pedro Batista.
Segundos depois Portugal podia ter aumentado mas Gonçalo Nunes falhou um livre direto.
O jovem atleta português redimiu-se a seguir de grande penalidade fazendo o 4-2.
Com mais de dez minutos para o fim e com dois golos de vantagem Portugal começou a jogar pelo seguro escondendo o esférico. A França tudo fazia para encurtar o resultado mas seria Portugal e elevar para 5-2 por Gonçalo Conceição a cinco minutos do fim. Este tento quebrou por completo a França que ate ao fim nunca mais reagiu , tendo Portugal aproveitado para aumentar e novamente por Gonçalo Conceição fazendo o 6-2.
O resultado já permitia festejar entre adeptos e jogadores pelo que o terceiro golo francês foi nem se deu por ele.
Parabéns Portugal, Parabéns Ursitos, parabéns minhotos

foto: Agradecimentos pela colaboração de Adriana Loureiro
 

Taça Cers - OC Barcelos joga na Suiça ( Uri ). HC Braga viaja à Austria ( Dornbirn )


As equipas minhotas presentes na Taça Cers já conhecem os seus adversários na competição na fase preliminar a realizar nos dias 9 e 23 de novembro.
O OC Barcelos joga fora a primeira mão na Suíça diante o RHC Uri enquanto que o HC Braga joga também fora na Áustria diante o Dornbirn.
Para alem das equipas minhotas, outras duas equipas portuguesas estão na Taça Cers com o Candelária a jogar em Itália diante o Breganze e o Turquel em casa diante o Darmstadt da Alemanha.
Referencia para a possibilidade de o OC Barcelos caso vença encontre nos oitavos de final uma equipa portuguesa, os açorianos do Candelária. O HC braga se ultrapassar os austríacos joga com o Lyon ou o Noia.

Pré eliminatória
Uri - OC Barcelos
Dornbirn - HC Braga
Breganze - Candelária
Turquel - Darmstadt

Oitavos de final
Uri/OC Barcelos - Breganze/Candelária
Dornbirn/HC Braga - Noia/Lyon
Turquel/Darmstadt - Follonica/Wolfurt


Na Liga Europeia também se conhecem os grupos das equipas nacionais.

Grupo A - Corunha, AD Valongo, Amatori Lodi e St Omer
grupo B -  Benfica, Vendrell, Quevert e Diesddbach
Grupo C - Valdagno, Reus, Oliveirense e Iserlohn
Grupo D - Barcelona, FC Porto, Viareggio e Herringen

 

9.06.2013

Sub 17 - Portugal vence Italia por 8-1 e joga a final com a surpresa... a França



Portugal - França a grande final às 19.00h portuguesa


Portugal está na final do Europeu de Sub 17 após vencer nas meias finais de forma categórica a Itália por 8-1, decidindo amanha o titulo com a França que contra todos os prognósticos venceu a equipa da casa, a Espanha por 3-1.
Será um reencontro de equipas do grupo B, que já se defrontaram e onde Portugal venceu por 3-1
Na meia fina a superioridade dos "Ursitos " foi evidente não dando qualquer hipótese ao seu adversário. Ao intervalo Portugal já vencia por 3-0.
Na etapa final os portugueses continuaram a dominar chegaram à meia dúzia de tentos. A Itália reduziu para 6-1 mas logo a seguir o minhoto Afonso Lima elevou o resultado na transformação de uma grande penalidade. Foi a estreia a marcar do jogador de Viana do Castelo. Ate ao fim Portugal ainda fez mais um tento estabelecendo o desfecho final nos expressivos 8-1.
O outro minhoto Carlos Loureiro não marcou mas jogou uma vez mais , mostrando ser um opção do treinador Luís Moreira.


foto: http://sub17portugal.blog.com/

Minhoto José Querido fala da preparação da selecção de Moçambique



O seleccionador de Moçambique, o minhoto José Querido falou de como decorreu a preparação da selecção africana com vista ao Mundial em Angola.

Aproveitando a presença da Selecção de Moçambique que está a estagiar em Portugal até ao próximo dia 15 de Setembro, tivemos a oportunidade de falar com o novo Seleccionador Nacional Moçambicano, José Querido.
Estivemos a assistir ao jogo treino entre o Sporting CP e a Selecção de Moçambique e no final da partida fomos ao encontro de José Querido que não se escusou em conversarmos um pouco e falarmos de alguns temas, incidindo quase sempre nesta nova aventura de um treinador com um curriculum invejável.
Uma nova experiência num país e uma realidade diferente daquela que até agora este técnico viveu, mas José Querido sempre afável deixou-nos a sua opinião sobre o presente e o futuro deste novo projecto em que está envolvido.
PLURISPORTS _ Uma herança pesada, aquela que recebeu desta Selecção de Moçambique com o 4.º lugar alcançado na Argentina no último mundial vindo encontrar muitos dos jogadores que estiveram em San Juan.
De qualquer forma está a fazer uma renovação na Selecção com a inclusão de gente jovem. Concorda?
JOSÉ QUERIDO - Sem dúvida que é uma herança pesada, as pessoas tem a consciência que o trabalho feito pelo Pedro Nunes com o 4.º lugar alcançado é histórico.
Os responsáveis moçambicanos têm consciência dessa realidade, mas nós vamos entrar com vontade de fazer melhor, sabendo ainda assim que é extremamente difícil mas enquanto houver vida há esperança.
Relativamente ao que estamos a fazer, pensamos que estamos a fazer um trabalho que não é só para este mundial, mas também para incentivar a formação e a juventude em Moçambique. Por isso é que estão neste lote 2 juvenis e dois juniores a trabalhar neste estágio. É um trabalho complexo, se considerarmos que estamos a mudar a face da selecção onde até agora a maioria dos jogadores rondavam os 30 ou mais anos de idade.
PLR - Como é a realidade do Hóquei em Patins em Moçambique comparativamente ao português?
JQ - Olhe para falarmos do Campeonato Português, qualquer jogador faz uma média de 50/60 jogos, em Moçambique fazem 20. Ou seja ao fim de dois ou três anos é uma grande diferença, mas fora isso, a aplicação e o trabalho que andamos a fazer é de uma atitude de um caracter e de um espirito de sacrifício que tenho que salientar, pois tem muita vontade de aprender e isso é muito importante para o futuro deles e naturalmente do futuro do hóquei em patins em Moçambique.
Estou convencido que deste lote de jogadores mais jovens poderão sair alguns que serão o garante do futuro do hóquei em Moçambique.
PLR - Relativamente ao jogo frente ao Sporting CP como analisa a prestação da sua equipa?
JQ - Relativamente a esse encontro, foi um jogo treino, mas para mim foi um belíssimo treino, pois estava a contar com menos da nossa parte, sinceramente, porque estamos só à duas a trabalhar e que tem incidido na componente física, portanto com cargas muito forte, e os jogadores acabaram por ter uma resposta que me surpreendeu pela positiva, primeiro porque não é fácil com o cansaço teres o discernimento, e acabou por ser uma grande alegria para mim, eles terem posto em pratica aquilo que tem andado a assimilare como devem ter reparado, os primeiros 30 minutos do jogo estivemos quase sempre a comandar todas as operações de jogo.
Mas o mais importante, e foi feito, aquele trabalho que gostaria que fosse feito. Tivemos algumas lacunas em alguns momentos, e a falta de competição acaba por ser crucial, para estes momentos dos jogos, mas no cômputo geral estou muito satisfeito com as prestações deles, e a continuarmos a evoluir assim vamos ter com toda a certeza uma boa prestação no mundial.
PLR - Neste Estágio em Portugal tem agendado uma maratona de jogos. Isto vai ao encontro daquilo que disse, que é preciso agora jogar para assimilarem as situações de jogo para se chegar ao mundial numa boa forma?
JQ - Exactamente. Nós começamos logo com o Sporting CP, dentro de dias será o Benfica, mas o que importa é que eles percebam as dificuldades, e vamos arranjar algumas equipas da 2.ª Divisão, de forma a ganharmos rotinas de jogo que é o objectivo principal no estágio aqui em Portugal.
PLR - Em termos de estruturas da FPM como encontrou e que apoios ou investimentos existem, principalmente no investimento humano em prol do hóquei em patins?
JQ - Há que referir antes de tudo, uma pessoa muito importante que é o Presidente da FPM, Nicolau Manjane. Ele é que é a cara visível e o principal mentor para que o hóquei em patins em Moçambique volte a ter o protagonismo que já teve noutros tempos. Se não fosse ele e a sua perseverança, provavelmente não estaríamos aqui hoje.
É lógico que as condições de trabalho não são as melhores, embora acredite que vão melhorar, mas penso que há vontade, há gente que está envolvida e que vê com bons olhos esta modalidade e tudo estão a fazer para que o HP não morra em Moçambique.
Quem dirige actualmente o HP em Moçambique está a criar condições para que muitos jovens possam sair das ruas e possam praticar a modalidade que já foi uma das grandes naquele país.