3.25.2019

Os grupos do 43º Inter Regiões



Entre os dias 11 e 14 de abril realiza-se em Vila Franca de Xira a 43ª edição do Inter Regiões, com os seguintes grupos:

Grupo A
AP Lisboa 
AP Leiria
RA Açores
AP Setúbal
AP Alentejo
AP Aveiro

Grupo B
AP Minho
AP Porto
AP Coimbra
AP Madeira

II Divisão Norte - " Folhetas " afundou poveiros



O Famalicense recebeu o CD Povoa em jogo da 20ª jornada do nacional da segunda divisão, zona norte, triunfando por 8-5, com destaque para os cinco golos apontados por Rui Silva " Folhetas ".

Foi precisamente o jogador do Famalicense a abrir o marcador aos 9', mas o CD Povoa antes do intervalo deu a volta por Gabi Silva de livre direto e por Cristiano Fangueiro.
No segundo tempo " Folhetas " endiabrado passou o Famalicense para a frente do resultado.
O CD Povoa que se encontra acima da linha de descida tentou reduzir, mas acabou por ser " Folhetas " e César Carvalho " Chumbinho " a elevarem para 5-2.
Sem nunca deixar de criar perigo junto da baliza do Famalicense, os poveiros aos 12' encurtaram por Vítor Oliveira na recarga a uma grande penalidade.
A resposta do conjunto de Famalicão apareceu aos 15' por Serafim Silva, com o CD Povoa sempre a procurar entrar na discussão do resultado tendo aos 17', Cristiano Fangueiro e aos 19'  Gonçalo Silva, colocado a diferença mínima em 6-5.
Logo a seguir foi assinalada a décima falta do CD Povoa, que César Carvalho " Chumbinho " aproveitou para fazer o 7-5.
O " suspeito " do encontro Rui Silva " Folhetas " que abriu o marcador, acabou por fechar o jogo a escassos segundos do fim, apontando o 8-5.

Um bom jogo proporcionado pelas duas equipas, onde o triunfo do Famalicense permitiu afastar-se dos lugares de descida, somando agora vinte e oito pontos.
Por parte do CD Povoa, continua acima da " linha " com vinte e dois pontos, mais um que o Infante Sagres e AA Coimbra.
Para a próxima jornada, o Famalicense joga em Paços de Ferreira e o CD Povoa recebe o segundo classificado, o CH Carvalhos.

Foto: José Gomes / Hóquei Minhoto



3.24.2019

Juventude de Viana empata em Turquel



Num grande jogo de hóquei em patins disputado na “Aldeia do hóquei”, a igualdade a um golo (1-1) entre o Turquel e a Juventude Viana, foi sem duvida o resultado mais justo.

Apesar de a Juventude Viana ter entrado ligeiramente melhor no desafio, as muitas oportunidades criadas pelos minhotos não se traduziram em golo. Luís Viana foi um “quebra cabeças” para os donos da casa. O Zorro falhou um livre direto, assertou duas vezes com a bola nos ferros da baliza do Turquel e se não bastasse, apanhou pela frente um inspirado Diogo Almeida.

Durante a primeira parte o Turquel também teve as suas oportunidades, mas Jorge Correia também brilhava na baliza dos minhotos.

O jogo estava vivo, disputado a um ritmo frenético, mas equilibrado, com as duas equipas a obrigarem os guarda-redes, Diogo Almeida e Jorge Correia a aplicarem-se a fundo.

Ao intervalo o zero zero (0-0) apenas espelhava o equilíbrio na partida e não as muitas oportunidades de golo que os jogadores tiveram ao seu alcance.

Na segunda parte o jogo perdeu intensidade, mas a emoção e incerteza permaneceram até final.

Aos 13 minutos do segundo tempo, Tó Silva fez falta à entrada da área, com a dupla de arbitragem a entender mostrar azul ao jogador da Juventude Viana. Na sequência do lance (livre direto), João Souto inaugurou o marcador para os donos da casa (1-0).

A equipa de André Azevedo continuou a procurar um resultado positivo, nunca baixou os braços e o espírito de equipa acabou por vir ao de cima.

A 6 minutos do final do encontro, e já depois de falhar um livre direto, Luís Viana, felino, acabou por empatar o jogo (1-1).

Já perto do final, a 22 segundos do fim, António Santos, um dos árbitros do jogo inventou a décima falta para os vianenses e “ofereceu” a oportunidade ao Turquel, de livre direto, a possibilidade de ganhar o jogo. Muito concentrado na baliza, Jorge Correia não permitiu que João Souto festejasse e o jogo terminou, justamente, empatado (1-1).

Este lance determinou que Jorge Correia se tornasse no homem do jogo.

Fonte: Radio Geice
Foto: Juventude de Viana

Ivo Silva oferece camisola a adepta atingida pela bola de jogo



O jogador do SC Tomar, Ivo Silva nos segundos finais da partida em Barcelos, atirou a bola para a bancada, acabando por esta atingir com violência uma adepta do clube minhoto.
Perante o sucedido, Ivo Silva veio pedir desculpa publicamente e num gesto simbólico decidiu oferecer a camisola de jogo à adepta em questão.
" Como responsável no sucedido de ontem na partida em Barcelos, vou enviar para o clube a minha t shirt de jogo 
Pedia que depois entregassem à Patrícia quando ela fosse ver o próximo jogo. 
Não é que resolva nada, mas é um gesto solidário que quero ter para com a Patrícia. 
Obrigado ".

Fonte: OC Barcelos facebook 
Foto: António Araújo

OC Barcelos e Tomar voltam a empatar



Depois do pouco usual empate a zero bolas em Tomar, o OC Barcelos voltou a dividir o resultado agora no Minho mas a quatro tentos.
Para a turma de Paulo Pereira foi e só o seu nono empate no campeonato e curiosamente o quarto, a quatro bolas.

No municipal barcelense, a turma minhota cedo assumiu as despesas do jogo enquanto o Tomar bem defensivamente espreitava o erro adversário.
Seria mesmo o Tomar a inaugurar o marcador aos 7' por Guilherme Silva que após rematar à barra viu a bola bater nas costas de Ricardo Silva que involuntariamente a colocou dentro da sua baliza.
O OC Barcelos depois de muito rematar e de ver a grande exibição de Diogo Alves, só aos 23' chegou ao empate por Rúben Sousa, resultado que durou ate ao intervalo.

No segundo tempo, entrada muito forte do OC Barcelos que no primeiro fez o 2-1 e aos 4' o 3-1, ambos por Rúben Sousa, sendo que o terceiro foi de livre direto.
Aos 7' Gonçalo Nunes de grande penalidade podia ter aumentado, mas falhou.
A melhor resposta do Tomar foi no minuto seguinte obter o 3-2 por João Candeias.
Com o encontro partida e jogado a bom ritmo, o Tomar chegou ao empate aos 11' de grande penalidade por Guilherme Silva.
O mesmo jogador deu a volta aos 22', mas a alegria durou poucos segundos porque a seguir Hugo Costa empatou.
A divisão de pontos penaliza o OC Barcelos que uma vez mais não soube segurar a vantagem no marcador, situação que tem sido repetitiva tal como referiu o seu treinador, Paulo Pereira no final do encontro.
Para o Tomar, Nuno Lopes afirmou que a sua equipa acreditou e que se antes do encontro o empate era um bom resultado, depois de ter estado a perder por 3-1, sabe a vitoria.

O OC Barcelos continua assim no quinto lugar, agora com trinta e seis pontos e o Tomar na zona de descida com dezoito pontos.
Na próxima jornada, o OC Barcelos joga na Oliveirense e o Tomar recebe o Riba d'Ave.

Foto: António Araújo / Hóquei Minhoto 

3.23.2019

AD Limianos derrota Infante Sagres




Importante triunfo obteve a AD Limianos sobre o Infante Sagres em Ponte de Lima por 4-2, na luta frenética pela manutenção, em jogo da vigésima jornada do nacional da segunda divisão, zona norte.

Com um ponto a separar as duas equipas antes do inicio do encontro e em posições diferentes, a turma de Ponte de Lima assumiu as despesas para marcar primeiro.
Foi preciso esperar pelos 10', altura em que Miguel Castro abrir o marcador e aos 13' aumentou por Ricardo Maciel.
O Infante Sagres em zona de descida antes do intervalo reduziu por Márcio Rodrigues de livre direto.
A segunda parte foi mais emotiva e cautelosa, tornado também algo nervosa.
Não foi de estranhar que os golos só tenham aparecido nos últimos minutos, primeiro para a AD Limianos aos 21' por Cristiano Viães.
Respondeu o Infante Sagres aos 23' por Eduardo Brás, que logo a seguir podia ter empatado mas João Peixoto defendeu um livre direto de Márcio Rodrigues.
No ultimo minuto Tiago Faria fez o 4-2 final, garantindo assim três preciosos pontos para os minhotos.
A AD Limianos afastou-se da zona de descida somando vinte e cinco pontos, mais quatro que o Infante Sagres e a AA Coimbra, equipas em lugares de despromoção.

Na próxima ronda a AD Limianos desloca-se ao Porto B e o Infante Sagres recebe a Sanjoanense.

Foto: Paulo Rodrigues / Hóquei Minhoto

3.22.2019

Sub 20 - Sporting CP vence em Braga



A equipa do Sporting CP foi às Goladas derrotar o HC Braga por 7-1, em jogo invertido da segunda jornada do nacional de juniores.
Inicialmente no calendário, os minhotos deslocavam-se ao reduto do Sporting CP, mas a partida foi acertada para o Minho.

Após terem obtidos resultados diferentes na primeira jornada, onde o Braga venceu o Paço d'Arcos e o Sporting CP perdeu no Benfica, o jogo era aguardado com alguma expetativa.
Começou melhor o Sporting fazendo o primeiro golo, mas o HC Braga chegou ao empate.
Antes do intervalo a turma lisboeta ganhou vantagem no marcador por 2-1.
No segundo tempo a eficácia do Sporting foi determinante para o avolumar do resultado, tendo os bracarenses falhado três livres diretos.
Marcaram pelo Sporting CP, António Estrela (3), Gustavo Pato (1), Facundo Navarro (1), João Pedro (1) e Xavier Pinho (1).
O tento de honra do HC Braga pertenceu a Lucas Vasquez.

Assim o Sporting CP somou os primeiros pontos na prova, enquanto que o HC Braga sofreu a primeira derrota.
Na próxima jornada, o HC Braga joga em São João da Madeira e o Sporting CP recebe o SC Tomar.

Foto: Aquilino Ferreira / Hoquei Minhoto

AP Minho - Os dez escolhidos para o Inter Regiões




3.20.2019

Ricardo Silva renova pelo OC Barcelos


Depois de ter anunciado a continuidade da equipa técnica, Paulo Pereira e Hugo Silva, o OC Barcelos informou que Ricardo Silva, guarda redes renovou pelo clube minhoto.

O OC Barcelos informa todos os interessados, que o guarda redes Ricardo Silva renovou pela nossa equipa para a próxima temporada.
" Suar sempre por esta camisola, por este símbolo. "

Foi desta forma que Ricardo Silva justificou a sua continuidade no clube, que enalteceu também a forma ambiciosa da nova direção.
" Vou assim vestir com muito orgulho esta camisola pela sexta época seguida, com muita ambição em fazer cada vez melhor. 
É um projeto para dar continuidade ao crescimento do clube, que já vinha da direção anterior e que agora é ainda maior.
Queremos muito mais do que o quinto lugar. 
Para todos os que gostam e sentem o OC Barcelos, chegar e lutar por posições mais altas, é merecedor.
´Por isso aceitei a renovação porque com muito trabalho, empenho como sempre faço, vou suar a camisola do OC Barcelos ".

Recorde-se que Ricardo Silva ingressou no OC Barcelos em janeiro de 2013, vindo do SL Benfica.
A sua experiência em Barcelos, permitiu estar presente em quatro final four da Taça Cers, tendo vencido duas, em Barcelos e em Viareggio.

Fonte: OC Barcelos facebook
Foto: AL António Lopes 

3.19.2019

III D - AD Barcelos/Campo perde com Fanzeres



O GDC de Fanzeres foi a São Salvador do Campo derrotar a AD Barcelos/Campo por 7-1, mantendo assim o segundo lugar no nacional da terceira divisão, serie A.
Tal como traduz o resultado final, o Fanzeres foi superior somando mais três pontos que lhe permite continuar no segundo lugar, atrás da AD Valongo B que tem mais cinco e à frente do HC Marco que surge com menos dois.
Ao intervalo o Fanzeres vencia a AD Barcelos/Campo por 4-0.
Fizeram os golos do Fanzeres, Eduardo Amorim (3), André Freitas (2), Telmo Ramos (1) e Diogo Rocha (1).
O tento de honra da AD Barcelos/Campo pertenceu a Vitor Braga.
O desfecho algo desnivelado traduziu-se no desperdício de lances de bola parada por parte da AD Barcelos/Campo que não aproveitou seis situações.

Assim o Fanzeres superou mais uma final neste campeonato, na sua luta por um dos lugares que pode dar acesso a subir de divisão.
Até ao fim o Fanzeres tem quatro jogos para realizar, três em casa e apenas um fora.
Por parte da AD Barcelos/Campo continua no 9º lugar com catorze pontos.
Para a próxima jornada , o Fanzeres recebe o Académico enquanto que a AD Barcelos/Campo descansa.

Foto: Sara Ferreira