Saudações desportivas a todos os dirigentes, atletas e amantes da modalidade. Por motivos extra ao

Saudações desportivas a todos os dirigentes, atletas e amantes da modalidade. Por motivos extra ao
Saudações desportivas a todos os dirigentes, atletas e amantes da modalidade. Por motivos extra ao Hóquei Minhoto, o facebook do Hóquei Minhoto foi bloqueado sem razão aparente, estando inactivo desde o dia 27 de novembro de 2017. Só se encontram TRÊS razões para este tipo de atitude em bloquear o facebook do Hóquei Minhoto. INVEJA, MALDADE E COBARDIA. Visto que esse bloqueio ainda não está completamente ultrapassado nem se sabe se o mesmo será desbloqueado, o responsável do Hóquei minhoto juntamente com os seus colaboradores decidiu abrir esta pagina para poder fazer chegar a todos a habitual informação. Agradecemos a todos os que acompanhavam o facebook do Hóquei Minhoto que se juntem a esta pagina. Ficamos muito tristes com este tipo de atitudes em tentar por várias maneiras silenciar o Hóquei Minhoto. Podem continuar...a tentar. HÓQUEI MINHOTO

10.09.2014

Plantel do Candelária em greve reclamando salários em atraso



Segundo aquilo que a Plurisports apurou de fonte fidedigna mais de metade dos atletas da equipa do Candelária recusam-se a treinar enquanto não lhes for entregue as verbas que se encontram em atraso. Segundo aquilo que apuramos há jogadores com seis meses de ordenados em atraso, e relativamente a esta temporada ainda ninguém viu a “cor do dinheiro”. Segundo a mesma fonte tem havido promessas que as verbas estão já disponíveis mas até ao momento ninguém ainda viu-se ressarcido dos valores em falta. 
A equipa do Candelária recebe no próximo Sábado a formação da Oliveirense em jogo a contar para segunda jornada do Nacional da 1.ª Divisão, numa partida onde Hugo Gaidão não poderá contar com Pedro Afonso admoestado com cartão vermelho no jogo realizado no Dragão frente ao FC Porto.

fonte. http://www.plurisports.com/geral/index.php/pt/hp/noticias/12681-jogadores-do-candelaria-em-greve

Sem comentários:

Enviar um comentário