Final Four da Liga Europeia

Final Four da Liga Europeia
Final Four da Liga Europeia

5.18.2012

I Divisão - Valongo vence em Barcelos por 4-2


Na luta pela sexta posição Barcelos e Valongo proporcionaram aos cerca de duzentos  espectadores um grande jogo onde as duas equipas tiveram uma  enorme entrega praticando um hóquei de uma forma intensa. Acrescente-se que os minhotos apresentaram-se desfalcados de André Centeno que se encontra ao serviço da seleção de Angola e de Zé Pedro lesionado. Por isso as opções do treinador José Querido estavam muito condicionadas com dois juniores no banco.



O jogo começou com o Barcelos a imprimir um ritmo forte, situação que criou muitos problemas ao Valongo. Perante o cenário que se desenrolava na pista o treinador do Valongo, Paulo Pereira pediu um time out logo aos 4’ para acalmar a sua equipa.  Cumprido o tempo de desconto o Valongo inaugurou o marcador segundos depois por João Marques na transformação de uma grande penalidade.
Apesar de se encontrar em desvantagem o Barcelos continuou a pressionar enquanto o Valongo espeitava sempre o contra ataque.
O empate apareceu com justiça aos 19’ por Nuno Almeida. No entanto a igualdade apenas durou um minuto porque João Marques apontou o seu segundo golo, levando a sua equipa a vencer por 2-1 para o descanso.
A perder o OC Barcelos entrou determinado a “virar” o resultado. Isso podia ter acontecido mas Nuno Félix aos 3’ não concretizou uma grande penalidade.
Se a primeira parte tinha sido emotiva, a segunda não ficou atras com velocidade e com os dois guarda-redes a brilhar, Ginho e o dispensado do Valongo, o espanhol David Arellano!
Apesar de estarem as duas equipas com nove faltas o jogo não baixou de intensidade e emoção
Aos 22’ a AD Valongo cometeu a sua décima falta de equipa e Jorge Maceda empatou. O lance motivou protesto dos visitantes que alegaram que a bola não entrou mas Joaquim Carpelho bem colocado sancionou o golo.
A 1’45 do fim o Barcelos cometeu a sua decima falta situação que João Souto aproveitou para colocar a sua equipa de novo em vantagem.
Segundos depois Nuno Félix viu o cartão azul e o Valongo por João Souto fez o 4-2. Mas a cor azul não ficou por aqui já que na queda dos festejos do golo por parte do jogador do Valongo, este embateu em Hugo Costa que de imediato foi punido com cartão azul.
A 1’03 o Barcelos a jogar com três elementos de ringue beneficiou de uma grande penalidade que Carlos André não aproveitou.



Antes da grande penalidade a partida esteve interrompida por problemas nas bancadas, situação que originou que a equipa do Valongo se tivesse refugiado no centro da pista ( foto em cima)
Com o triunfo a turma da AD Valongo subiu ao sexto lugar agora com trinta e seis pontos enquanto que o OC Barcelos manteve o oitavo lugar com trinta e um pontos.

Pavilhão Municipal de Barcelos
Árbitros: Joaquim Carpelho e Vítor Roxo
Ao intervalo: 1-2

OC Barcelos 2
Paulo Matos, Nuno Almeida (1g), António Leal, Jorge Maceda (1g) e Hugo Costa
Jogaram ainda: Ginho gr Nuno Félix, Carlos André
Treinador: José Querido

AD Valongo  4
David Arellano, João Marques (2g), Miguel Viterbo, Hugo Azevedo e Nuno Rodrigues
Jogaram ainda: João Souto (2g), Pedro Mendes
Treinador: Paulo Pereira

Sem comentários:

Enviar um comentário