Final Four da Liga Europeia

Final Four da Liga Europeia
Final Four da Liga Europeia

3.24.2013

OC Barcelos empata 3-3 com o Sporting



Nove anos depois o OC Barcelos recebeu no seu ringue a turma do Sporting CP, em jogo a contar para a vigésima terceira jornada da prova, tendo empatado a três bolas.
Os minhotos a jogarem em casa assumiram desde muito cedo as despesas da partida perante um Sporting que procurava o contra ataque para surpreender Ginho.
A primeira grande situação de golo apareceu aos 14' e para o OC Barcelos mas Luis Querido falhou uma grande penalidade por falta na área sobre Jorge Maceda.
No minuto seguinte foi a vez de André Centeno desperdiçar um livre direto por cartão azul mostrado a Carlos Trindade. A jogar em power play o OC Barcelos não conseguiu aproveitar essa situação.
O golo haveria de aparecer aos 21'  num remate de meia distancia por Zé Pedro, que assim fez o resultado em tempo de intervalo. Nota de registo para as defesas de Igor Alves que evitou outro resultado.
A segunda parte não podia começar melhor para os minhotos que logo aos vinte segundos fizeram o 2-0 novamente por Zé Pedro.
O Sporting a perder arriscou e reduziu aos 3' por Mario Rodrigues.
Os leões podiam ter empatado mas num espaço de três minutos falhou três grandes penalidade, duas por Tiago Nogueira e uma de Mario Rodrigues. Nem mesmo a jogar em superioridade numérica por cartão azul mostrado a Rafa os verde e brancos conseguiram marcar.
A partida entrou numa toada de parada e resposta com as duas equipas a procurarem marcar. Seria de grande penalidade que aos 16' se voltou a gritar golo e para os minhotos por Luís Querido.
A turma de Lisboa não baixou os braços e depois de ver Zé Pedro desperdiçar um livre direto por cartão azul a Carlos Gomes, reduziu com menos um jogador por Carlos Trindade aos 18'.
Aos 22' os minhotos podiam ter resolvido o jogo mas Henrique Magalhães desperdiçou um livre direto por cartão azul mostrado a Tiago Nogueira. Seria o Sporting a marcar aos 24' por Pedro Delgado na transformação de um livre direto pela decima falta minhota a igualar em definitivo o jogo.
Com este empate o OC Barcelos soma vinte e oito pontos, ocupando a decima posição enquanto que o Sporting reduziu para três pontos a distancia para o HA Cambra, primeiro clube acima de zona de despromoção.

declarações
José Querido treinador do OC Barcelos
" Tivemos vários momentos para decidir o jogo a nosso favor. Neste momento os jogos de hóquei em patins são decididos pelos árbitros. Muita gente que anda no hóquei e na arbitragem deve ao OC Barcelos".

Hugo Gaidão treinador do Sporting
" è um resultado positivo importante na nossa luta pela manutenção. Era importante pontuar em Barcelos e o Sporting fez por merecer este ponto.Não viemos defender."


Ficha técnica
Pavilhão Municipal de Barcelos
Árbitros: Paulo Romão e Luis Peixoto
Ao intervalo: 1-0
Cartões azuis: Carlos Trindade, Rafa, Carlos Gomes, Tiago Nogueira, Hugo Costa
                      José Querido treinador do OC Barcelos

OC Barcelos 3
Ginho, Luís Querido, Henrique Magalhães, Hugo Costa e Rafa
Jogaram: Zé Pedro, Fellini, Jorge Maceda e André Centeno
treinador: José Querido

Sporting CP 3
Igor Alves, Mario Rodrigues, Tiago Roquete, Tiago Nogueira e André Pimenta
Jogaram ainda: Carlos Gomes, Diogo Tocha, Carlos Trindade e Pedro Delgado
Treinador: Hugo Gaidão

Sem comentários:

Enviar um comentário