FINAL FOUR DA TAÇA CERS

FINAL FOUR DA TAÇA CERS
HÓQUEI MINHOTO EM VIAREGGIO

10.22.2016

2ª Divisão - Cart e Fac dividem resultado



Aconteceu nas Caldas das Taipas o primeiro derbi minhoto na segunda divisão zona norte entre Cartaipense e Famalicense, que acabou com um empate a duas bolas.

O jogo começou com a formação do Cartaipense a inaugurar o marcador antes do segundo minuto num excelente desvio de Alexandre Pontes.
Este tento madrugador tornou a partida mais viva e mais rápida, com a equipa de José Querido a procurar o empate mas na baliza do Cart Fernando Coutinho brilhava.
A igualdade apareceu aos 22' por André Ferreira em jogada de contra ataque.

Na segunda parte o Famalicense continuou a ter maior domínio de bola, enquanto que o Cartaipense criava perigo em contra ataque.
Foi numa dessas situações que o Cartaipense beneficiou aos 7' de um livre direto pela décima falta do Famalicense mas Miguel Fininho permitiu a defesa do guarda redes visitante.


Sempre mais perigoso o Famalicense desesperava com a grande exibição da Fernando Coutinho guarda redes do Cartaipense.
Aos 12' o conjunto de Horácio Ferreira cometeu a décima falta com César Carvalho a colocar em grande de novo Fernando Coutinho.
E o contra ataque do Cartaipense voltou a fazer estragos com Carlos Rodrigues aos 17' a colocar de novo a sua equipa a vencer.
Aos 19' num lance que deu uma grande penalidade e que foi muito protestado pela equipa da casa que inclusive originou a amostragem do cartão azul ao guarda redes Fernando Coutinho, o Famalicense falhou por Luís Filipe que viu José Silvério defender a infracção.
A jogar com menos um jogador o Cartaipense não segurou o ataque famalicense e Diogo Cardoso fez o empate segundos depois.
Com o jogo " quente " o Cartaipense beneficiou da décima quinta falta aos 22' mas Carlos Rodrigues desperdiçou.
Antes da marcação do livre direto Álvaro Pinto viu o cartão azul, obrigando o Famalicense a jogar com menos um elemento.
A bola ainda chegou a entrar na baliza do famalicense a onze segundos do fim mas a dupla de arbitragem anulou, num lance que deixou muitas duvidas também.
O jogo acabou com os jogadores da duas equipas a travarem de razões depois de um episódio que envolveu Carlos Rodrigues e Gabi Silva.
Um derbi minhoto que merecia uma melhor arbitragem de Miguel Torres e João Rodrigues.

Sem comentários:

Enviar um comentário