HÓQUEI MINHOTO

HÓQUEI MINHOTO
HÓQUEI MINHOTO

12.12.2016

No Minho moram as equipas mais castigadas com cartões azuis !



A culpa será dos jogadores?
Estarão neste altura os árbitros bem preparados para dirigirem jogos ?


Ao fim das dez primeiras jornadas do nacional da primeira divisão, chega-se a uma conclusão para as inúmeras criticas que tem sido feitas pelas equipas minhotas em relação às arbitragens dos seus jogos.
Principalmente nos seus jogos fora de casa, as três equipas minhotas tem sido fortemente penalizadas com cartões azuis.
Após consulta dos boletins electrónicos e das fichas de jogo no site hoqueipatins.pt das jornadas já realizadas, a Juventude de Viana tem 18, o Riba d'Ave 16, o OC Barcelos 12 e o Valença 9 cartões.
Acrescente-se que a Juventude de Viana tem também dois vermelhos.

Sem querer por em causa a conduta dos jogadores das equipas minhotas e das equipas adversarias, este artigo pretende alertar para a enorme dualidade de critérios que é praticada pelos árbitros dos jogos, sempre que as equipas do Minho entram em pista.
De uma forma quase constante em todas as jornadas assistimos a protestos por parte dos clubes minhotos em relação ao trabalho dos árbitros.

Serão as equipas do Minho um alvo a abater esta temporada?
Estarão alguns árbitros mal preparados para dirigirem jogos da 1ª divisão ?
Porque são castigados os clubes do Minho fora de casa com tantas cartões azuis ?


Serve de exemplo o ultimo jogo da Juventude de Viana que em Tomar onde foi punida com cinco cartões azuis.
Os vianenses conseguiram num só jogo serem castigados com mais cartões que o FC Porto ( apenas tem 4 cartões ) em todas as dez jornadas.
A arbitragem do jogo de Tomar deixou a equipa de Viana do Castelo à beira de um ataque de nervos porque sentiu que não estava a jogar só contra uma equipa.
Outro jogo onde os minhotos foram bastante penalizados foi na Luz, onde o OC Barcelos acabou por ser punido com três cartões azuis contra apenas um do Benfica. 
Alias a turma encarnada apenas nesse jogo viu o seu único cartão azul em casa.

Para que não seja interpretada como uma critica fácil a este números de cartões, o Hóquei Minhoto também inúmera o numero de cartões nos derbis minhotos.
Por exemplo no derbi nas Tílias entre o Riba d'Ave e o OC Barcelos existiram sete cartões azuis, três para o Riba d'Ave e quatro para o OC Barcelos.
Mas aqui esteve presente uma dupla de arbitragem que está no seu primeiro ano na primeira divisão.
Uma escolha infeliz que originou um festival de cartões e onde as duas equipas mostraram o seu desagrado pelo trabalho efectuado pelos árbitros.
Esses mesmo árbitros estiveram no passado fim de semana em Valença, tendo realizado uma vez um trabalho muito pouco satisfatório.
A escolha dos árbitros também tem sido feita de forma estranha, obrigando os mesmos a efectuar centenas de quilómetros para dirigirem um jogo !!!
E quando há competições europeias, os outros clubes que fazem parte do melhor campeonato do mundo e que tem os seus jogos ficam sujeitos a árbitros de nível inferior...


Aqui fica a lista para tirarem algumas ilações de como se resolve um jogo...
( a mesma lista pode não estar totalmente correta )

Juventude de Viana 18 azuis e 2 vermelhos
Riba d'Ave 16 azuis
OC Barcelos 12 azuis
Paço d'Arcos 12 azuis
Candelária 11 azuis
Valença 9 azuis
Sporting CP 9 azuis 1 vermelho
Sanjoanense 9 azuis
HC Turquel 9 azuis
AD Valongo 8 azuis
SC Tomar 8 azuis
Benfica 8 azuis
UD Oliveirense 7 azuis
FC Porto 4 azuis

Sem comentários:

Enviar um comentário